8 dicas de como montar um bom formulário para geração de Leads


Um dos componentes essenciais de uma Landing Page para geração de Leads qualificados (potenciais clientes) é o formulário. Muita gente gasta um esforço tremendo para montar uma oferta e atrair os visitantes para o site, mas acaba pecando na parte mais sensível da Conversão: quais informações de contato pedir para o visitante. O resultado acaba sendo uma taxa de conversão muito baixa.

Como exemplo, podemos citar o caso do hotsite do novo Jetta da Volkswagen, como bem percebido pelo Marcelo Toledo na semana passada pelo seu Twitter. A imagem abaixo mostra o formulário de cadastro pedido para o usuário receber mais informações sobre o carro.

Chamam a atenção a enorme quantidade de campos, bem como o pedido de informações sensíveis como o CPF. Isso sem contar a questão de exigir a criação de uma senha… Posso apostar que um grande número de pessoas desistiu de se cadastrar depois de ver esse formulário.

Por outro lado, a solução também não é ir para o outro extremo e não pedir nada. As informações dos Leads são importantes para identificar melhor que tipo de pessoa o seu site está atraindo, e principalmente para fornecer dados suficientes para que a sua equipe de Vendas possa qualificar e iniciar uma abordagem com os melhores Leads.
Pensando nisso, selecionamos as seguintes dicas para a boa elaboração de um formulário na Página de Conversão:

1-) Enfatize o que o usuário ganha em troca de preencher o formulário

Por mais que a chamada na página anterior já tenha feito a promessa do benefício que o usuário vai receber, deixe bastante visível na Página de Conversão qual é esse benefício. Por exemplo, no caso da oferta de um eBook (veja uma mostra aqui), mostre a imagem da capa deste eBook.

2-) Peça apenas informações essenciais para a qualificação do Lead

Lembre-se que esse formulário é apenas o primeiro passo da sua aproximação com o potencial cliente. Pense quais são as informações realmente relevantes para que você ou sua equipe de vendas possam fazer o filtro inicial, lembrando que quanto mais campos houver no formulário, menor é a taxa de conversão.

3-) Não peça informações delicadas e/ou que você pode pegar depois

Como no exemplo do Jetta mencionado acima, pedir informações como CPF logo de cara é algo que assusta os potenciais clientes. Esse tipo de informação também pode ser obtida facilmente mais à frente no processo de venda.

4-) Dê uma resposta imediata ao usuário depois do preenchimento

Se o formulário “esconde” um conteúdo exclusivo, libere o link para o conteúdo imediatamente após o preenchimento pelo usuário. Além disso, envie a mesma informação por email para ele(a) na sequência. Assim ele terá uma segunda chance para consumir o conteúdo, possivelmente em uma hora mais adequada.

5-) Repasse para a sua equipe as informações do Lead gerado

Garanta que o sistema envie um email automaticamente para a sua equipe assim que um novo Lead for gerado contendo todas as informações preenchidas no formulário e eventuais informações complementares obtidas pela ferramenta de Web Analytics. Também é importante salvar essas informações em um banco de dados para consulta posterior.

6-) Deixe claro para o visitante que você não pretende enviá-lo nenhum SPAM

É importante colocar junto ao formulário um aviso de que você se compromete a não usar aquelas informações de contato para outros fins. Escreva algo curto, objetivo e em português claro, não aquelas políticas de privacidade de três páginas que ninguém lê.

7-) Evite fazer o usuário ter que pensar e escrever muito

Procure não colocar campos de texto com perguntas abertas onde o usuário precisa pensar muito no que escrever. O ideal é fazer perguntas objetivas e, caso possível, deixá-lo com opções bem definidas de respostas. Isso inclusive facilita o processo de qualificação automática dos Leads futuramente. É comum também deixar um único campo não-obrigatório no final do formulário para uma pergunta mais aberta.

8 ) Preste atenção nos pequenos detalhes de usabilidade

Evite alguns pequenos erros de usabilidade que são cometidos com frequência e atrapalham a conversão, tais como: abusar de fontes pequenas e com pouco contraste, deixar um botão Apagar (Reset) no final do formulário, ter um campo extra de “confirmação de email”, não aproveitar o título do botão de Envio para reforçar o benefício esperado (ex. “Receba o eBook” ao invés de “Enviar”), etc.

Saiba mais:

Assista gratuitamente Webinar Como criar Landing Pages efetivas

Software de Marketing Digital - RD Station


Categorias: Páginas de Conversão (Landing Pages)

Tags: , , , , ,