Blog de Marketing Digital de Resultados

Como aumentar o tráfego do Twitter sem twittar

Conheça 7 técnicas que você pode implementar em seu site para que mais pessoas compartilhem seus links para seus seguidores. Confira agora!

A forma mais básica de gerar tráfego vindo do Twitter é estando presente na rede. É criando publicações e interagindo com a audiência que as empresas conseguem atingir o seu público-alvo com maior eficiência.

Mas se falarmos que é possível você melhorar seu tráfego social do Twitter sem efetivamente twittar?

Bom, isso de forma alguma significa que você não tenha que ter um perfil na rede e que não precise interagir com sua audiência ou publicar suas ofertas. Sim, você precisa fazer isso. Porém, há como você incentivar ou encorajar as pessoas a twittarem mais sobre seu negócio de forma pró-ativa.

Nesse post, vamos falar sobre 7 técnicas que você pode implementar em seu site para que mais pessoas compartilhem seus links para seus seguidores.

1 – Adicione botões de compartilhamento em seus posts

O ponto de partida para você aumentar o número de tweets sobre sua empresa na rede social é disponibilizando um botão de compartilhamento em cada post.

Incentivar um visitante a compartilhar o que você publica em seu blog é uma ação simples e fácil de ser feita, e pode começar justamente com a inserção desse botão.

É verdade que praticamente toda a pessoa que acessa uma página hoje sabe que ela pode compartilhar esse link onde ela bem entender. Porém, nem todos os usuários são tão pró-ativos, e lembrá-los de que isso é possível por meio de um estímulo visual aumenta as chances de que isso seja feito.

Escolha bem o design e o local dos botões. E não exagere! Encher uma página de botões de compartilhamento sociais não significa que irá aumentar de fato o número de compartilhamentos. Aliás, poluir demais pode até ser prejudicial.

No blog da Resultados Digitais, utilizamos um plugin social que fica fixo na barra lateral esquerda. Na versão mobile, o botão de compartilhamento muda de lugar: fica fixo no rodapé da tela.

Outros lugares interessantes de usar os botões e que geralmente dão bons resultados são abaixo do título e após o corpo do post.

Além de estimular o usuário no compartilhamento, os botões sociais não deixam de ser uma prova social.

2 – Otimize seu site para dispositivos móveis

Esse assunto parece não ter muito relação com o tema, afinal o que tem a ver um site ser mobile-friendly com engajamento no Twitter? Se levarmos em consideração que mais de 70% dos usuários ativos do Twitter no Brasil faz seu uso por meio de dispositivos móveis, torna-se evidente que sim, há total sentido na relação.

Ter uma versão mobile ou um site responsivo pode aumentar os compartilhamentos na rede. Isso porque se uma pessoa acessar um link para seu site através do aplicativo do Twitter para celular e dar de cara com um site totalmente desalinhado, as chances da página ser fechada é grande. Já se o site for mobile-friendly, há maiores chances de a pessoa não só ler o seu conteúdo como passar adiante para seus seguidores.

Aliás, essa dica é geral, e serve para outras redes sociais e para rankeamento no Google, como falamos já no post “Mobilegeddon: seu site está preparado?”.

3 – Configure uma menção após o tweet

Sabe aqueles tweets que vêm acompanhado de uma menção a um perfil após o link? Quem faz isso não são os usuários, mas uma pré-configuração.

A vantagem dessa função é que sempre que alguém tweetar um link seu por meio do botão que está em seu post, irá tweetar junto o seu perfil no Twitter. Isso fortalece a sua empresa e ainda pode render novos seguidores.

Exemplo: Como aumentar o tráfego do twitter sem twittar http://bit.ly/1NFvV2L  via @resdigitais

Para fazer isso é muito simples. Você pode inserir o código diretamente no HTML de seu site. Para isso, o próprio Twitter criou uma forma fácil de você personalizar o seu botão de acordo com as suas necessidades, basta acessar: https://about.twitter.com/pt/resources/buttons.

A outra opção é utilizar um plugin. A maior parte dos plugins sociais já possui a funcionalidade de menção ao perfil.

4 – Crie um título interessante e curto

Não é novidade que o Twitter é uma rede social de mensagens curtas e diretas. Uma de suas características é limitar o tamanho das postagens em 140 caracteres. Mas isso deveria valer apenas para quem twitta, certo?

Não exatamente. Se o título de seu post for excessivamente longo, corre-se o risco de os caracteres serem excedidos e, com isso, o tweet não sair. Isso é uma barreira para o compartilhamento, pois nesse caso a pessoa precisa reescrever o título para que o tweet caiba no limite definido. Além do mais há outros elementos que ocupam esse espaço, como o link da postagem e o via @seuperfil.

No blog da Resultados Digitais, o link já encurtado mais o via @resdigitais ocupam 38 caracteres. Isso deixa 102 caracteres restantes para o título. Confira quanto sobra de espaço em seu site e não ultrapasse esse limite para não criar objeções de compartilhamento.

Uma alternativa interessante é você criar um título específico para o Twitter. Alguns plugins para blogs, como o Yoast SEO, possuem a opção de você definir esses títulos alternativos para determinadas redes sociais. Assim, caso seu título seja muito longo, você pode personalizá-lo, inclusive inserindo uma hashtag nele caso ache pertinente.

5 – Use os Twitter Cards

Os Twitter Cards são funcionalidades que dão uma experiência avançada ao usuário. O diferencial aqui é que o tweet com seu link será postado com um cartão abaixo do texto. Esse cartão leva consigo informações extras como fotos e vídeo. É uma forma de ir além dos 140 caracteres tradicionais.

Há 4 tipos de cards:

  • Cartão de Resumo: cartão padrão, que inclui um título, uma descrição, uma miniatura e a atribuição da conta do Twitter;
  • Cartão de Resumo com Imagem Grande: semelhante ao Cartão de Resumo, mas com uma imagem em destaque;
  • Cartão de Aplicativo: um cartão que fornece detalhes de um aplicativo para dispositivos móveis com download direto;
  • Cartão Player: um cartão para fornecer vídeo/áudio/mídia;

Para implementar os Cards do Twitter basta adicionar algumas linhas de HTML à sua página da Web, e os usuários que vinculam links ao seu conteúdo terão um “Cartão” adicionado ao Tweet que ficará visível para todos os seguidores deles.

Para fazer isso, vá ao endereço https://dev.twitter.com/pt/cards/getting-started e siga os passo indicados. Em poucos minutos seus Cards estarão configurados.

Saiba mais sobre o assunto no post “Twitter Cards: como usar os cartões para ir além dos 140 caracteres”.

6 – Ofereça recompensas

Uma outra forma de ganhar tweets e menções é oferecendo algo em troca. São os populares “pague com um tweet”.

Essa é uma via de mão dupla, pois favorece as duas partes. Quem está divulgando, recebe o que deseja. Quem está entregando a oferta, recebe a divulgação.

Algumas ideias de como você pode utilizar essa estratégia:

  • Desconto em uma compra;
  • Link para download grátis de um material rico;
  • Promoção/concurso;
  • Link para a pré-venda de algum produto ou pré-inscrição de algum evento.

Há varias ferramentas que fornecem esse tipo de possibilidade. A mais popular delas é a Pay with a Tweet.

7 – Adicione conteúdo tweetável

Outra maneira bem inteligente de criar engajamento no Twitter sem efetivamente estar twittando é fazer conteúdos tweetáveis.

Em outras palavras, criar links em citações ou frases-chave que redirecionam para uma caixa de compartilhamento. Dessa forma, em vez de twittar o link do post com o título, o usuário pode twittar uma frase específica com o link do post.

Selecione alguns dos melhores trechos do post e crie esses links personalizados para que sua audiência compartilhe as ideias com seus seguidores sem precisar copiar e colar a frase desejada.

Você pode fazer isso de duas formas rápidas.

No ClickToTweet, você cria o link tweetável e de quebra tem acesso às estatísticas de cliques que esse mesmo link recebeu.

Criar conteúdo tweetável tem um poder incrível de aumentar o tráfego de seu site!

Conclusão

É sedutor pensar que o tráfego de uma rede social pode ser melhorado sem mesmo manter uma presença constante nela. Porém, o principal, como já fora dito, é sim manter essa presença.

As 7 dicas acima podem ajudar e muito com a presença de sua empresa no Twitter, mas nada substitui o bom conteúdo que você posta a seus seguidores e como você interage com eles.

No post “Twitter para empresas: dicas para fazer (e para não fazer) em 140 caracteres” mostramos algumas situações em que sua empresa pode tirar proveito da rede, como escrever um tweet e, principalmente, como sua empresa não se comportar no Twitter.

Para mais dicas, siga a Resultados Digitais:


Marcadores:

Deixe seu comentário