Blog de Marketing Digital de Resultados

10 dicas matadoras de como fazer networking em eventos

Saiba como aproveitar os eventos corporativos para ampliar ao máximo seu networking e obter resultados expressivos em seu negócio ou carreira.

Como diz o velho ditado: “Quem tem um amigo, tem tudo”. E essa é uma regra que deve ser aplicada não somente nas relações pessoais, mas também nas profissionais.

Uma boa rede de contatos sempre foi fundamental para o sucesso na vida social e profissional. Inclusive, existem estudos que comprovam que a maioria das contratações são resultado de um bom networking.

Se você deseja consolidar aquela parceria comercial ou de marketing sonhada ou ampliar suas vendas, tenha certeza de que saber se relacionar é um dos talentos que você precisa desenvolver.

Quantidade não é qualidade

Tenha em mente que quantidade não é qualidade. Ter em sua agenda centenas de contatos não faz sentido algum se eles nunca forem trabalhados. Quanto mais qualificada for a sua base de contatos, maior a probabilidade de você construir relações sólidas e usá-las a seu favor.

Se você não tem uma rede de contatos qualificada, uma boa sugestão é participar de eventos corporativos. Eles abrem portas e são imprescindíveis para você se atualizar sobre o mercado. Para isso, você precisa saber como tirar proveito desses eventos para fazer networking de qualidade e obter resultados expressivos em seu negócio ou carreira.

Tendo conhecimento desse importante detalhe, confira as dez dicas que preparamos para você aproveitar os eventos ao máximo e ampliar sua rede de contatos.

1 – Prepare-se antes do evento

Saiba o que você vai fazer lá: quem estará no evento que pode ser importante para você ou sua empresa, os principais players de mercado que possivelmente podem ser encontrados e em quais momentos você deve iniciar um primeiro contato. O ideal é focar em conhecer as pessoas que tenham algo a ver com seu negócio.

No RD Summit, por exemplo, é possível ver alguns confirmados no evento no Facebook: facebook.com/events/483271028497774/.

Obviamente a lista de palestrantes também é relevante e deve ser usada.

2 – Esteja informado

Entenda como a sua empresa pode ser interessante para o perfil de público que estará no evento. Crie mentalmente um discurso curto e impactante quando alguém perguntar o que você faz. Atualize-se sobre as novas tendências que eventualmente poderão ser pautas para conversas e informe-se sobre fusões e lançamentos de produtos e serviços.

Chegado o dia do evento e finalizadas as preparações, é o momento de agir.

3 – Estude a agenda

Conheça quais palestras serão ministradas e onde o seu público-alvo possivelmente estará. Veja se no evento existem momentos de descontração, como coffee breaks e horário de almoço, e prepare-se para relacionar-se nestas horas também.

4 – Esqueça seu celular

Ficar no iPad ou celular o tempo todo pode ser um grande desperdício de tempo e investimento. Além do mais, as pessoas que estão ao seu redor ficarão receosas de chegar até você. Definitivamente, não é o momento para entrar na bolha.

5 – Planeje como abordar as pessoas

Se ela der liberdade, apresente-se diretamente. Fale seu nome e de sua empresa e inicie o contato com um sorriso e um aperto de mão. Se aquele contato interessante já está conversando com outras pessoas, aproxime-se dele aos poucos. Tente pegar um gancho no assunto e inicie uma conversa com todos os envolvidos. Se você estiver acompanhado de um colega ou amigo, isso também facilita a interação.

Feita a apresentação e a troca de cartões, agora é a vez de fazer a conversa fluir.

6 – Desenvolva a conversa

Fazer uma pergunta pertinente ao evento ou sobre o negócio do seu contato é uma boa alternativa. Iniciar esse diálogo faz com que você ganhe tempo para definir qual será o próximo passo. Se a resposta for vaga, seja cauteloso na próxima pergunta. Mas se você sentiu receptividade, esquente um pouco mais a conversa.

É importante que, posteriormente, você lembre a quais pessoas estão associadas aos contatos que você fez e aos cartões que você recebeu. Como é comum nesses eventos fazermos inúmeros contatos, uma dica é anotar nestes cartões uma característica, um hobby ou um comentário que a pessoa fez. Mencionar depois esses detalhes fará com que a pessoa se sinta especial e lembrada.

7 – Movimente-se

Não conseguiu falar com aquele potencial cliente? Circule e vá em busca de outra oportunidade. Quem sabe, mais tarde, você retome sua tentativa. O importante é: se você nao estiver conversando com alguém é porque algo está errado.

8 – Gaste tempo com quem interessa

O importante é investir seu tempo para aprofundar conversas com pessoas que podem render oportunidades interessantes (de negócio, parceria, sociais, etc). Se a conversa não está alinhada com os seus objetivos, um bom aperto de mão e um “até mais tarde” podem ajudá-lo.

Terminado o evento. Agora é a vez de construir relacionamentos sólidos com os contatos feitos.

9 – Liste todos os contatos feitos

Liste todos os contatos e classifique-os por categorias como: parceiros, fornecedores, potenciais clientes, clientes, entre outros. Relacione-se com eles, mande um e-mail de agradecimento pela conversa, agende aquela reunião que vocês haviam combinado, marque uma visita à empresa dele. Mas fique atento: respeite a sua base de contatos. Não envie mensagens desnecessárias e que não sejam importantes para ambas as partes.

10 – Use as redes sociais ao seu favor

Se você tem um perfil no LinkedIn, conecte-se com seus contatos. Conheça os grupos no Facebook que eles fazem parte ou curta a página daquele potencial cliente. Siga o blog do palestrante que você gostou ou daquele contato que rendeu uma boa conversa.

Conclusão

Seguindo essas dicas, você estará pronto não só para participar de eventos mas, principalmente, para extrair resultados com o networking que fez.

Por sinal, o RD Summit 2015, evento de Marketing Digital e Vendas aqui da Resultados Digitais, está chegando e essa pode ser uma ótima oportunidade para você colocar em prática tudo que o leu aqui nesse post.

Marcadores:

Deixe seu comentário