Como o EdgeRank do Facebook funciona e por que isso é importante para sua empresa


Facebook EdgeRank

Se você utiliza o Facebook com frequência já deve ter percebido que nem tudo o que seus amigos publicam aparece no seu feed de notícias.

Para nós, que trabalhamos com marketing digital, isso pode ser uma barreira, uma vez que nossas publicações através da página da empresa também podem não aparecer para nossa audiência e potenciais clientes.

O responsável por isso é o EdgeRank, o algoritmo do Facebook. Como os usuários possuem muitas conexões e excesso de informação, seria muito difícil acompanhar o que todas as pessoas e páginas publicam. A solução foi analisar as publicações e decidir o que vai ou não aparecer para cada usuário através da criação desse algoritmo.

Entender como o EdgeRank funciona e como conseguir superar suas barreiras pode fazer grande diferença nos resultados da sua empresa atuando no Facebook.

Como o EdgeRank funciona

O algoritmo do Facebook leva em conta 3 grandes fatores: afinidade, relevância e tempo.

Afinidade

Já percebeu que as notícias de alguns amigos e páginas aparecem muito mais do que outros? Isso acontece pela afinidade.

Através do quanto os dois lados interagem (visitando o perfil/página, deixando mensagens no mural, visualizando fotos, curtindo, comentando ou compartilhando), o Facebook determina um grau de afinidade que tem grande peso nas publicações.

Relevância

Assim que uma nova publicação é feita, apenas os que tem mais afinidade visualizam. De acordo com a receptividade dessas pessoas (o quanto clicam, curtem, comentam ou compartilham) a mensagem vai sendo exibida para mais e mais pessoas.

Além disso, diferentes tipos de publicação possuem diferentes relevâncias. De acordo com testes, as fotos e vídeos são mais relevantes que textos e links, por exemplo. Publicações através da própria página do Facebook também são mais relevantes que publicações através de aplicativos de terceiros.

Tempo

Esse item não chega a ser uma surpresa. Mensagens mais novas possuem prioridade e são exibidas à frente das mensagens mais antigas.

Como melhorar os resultados e o EdgeRank

Notícias recentes indicam que, na média, apenas 12% das pessoas que curtiram uma página visualizam as atualizações de status dessa página.

Poucas empresas entendem isso e fazem algo para superar os desafios do EdgeRank e conseguir resultados melhores. Separamos aqui alguns detalhes que podem fazer a diferença:

Usar imagens e vídeos

As imagens e vídeos não só possuem uma relevância maior como, em função das cores e do tamanho que ocupam no feed de notícias, acabam chamando muito mais a atenção do usuário. Isso aumenta a probabilidade de cliques, curtidas e comentários, tornando a publicação ainda mais relevante e alimentando o círculo virtuoso.

Fazer perguntas

Perguntas têm por natureza a responsividade, a interação, exatamente o que precisamos para aumentar a relevância da publicação.

Pedir opinião sobre algo, questionar as preferencias dos fãs, fazer um Quiz, desafio ou preencher a lacuna são algumas formas válidas de fazer as pessoas interagirem.

Escolher bons horários para publicar

O horário da publicação faz bastante diferença nos resultados.

Entender os hábitos do público e descobrir quais são os horários de pico pode ter um impacto significativo nas publicações.

É importante levar em consideração que o Facebook é mais utilizado como forma de lazer e os melhores horários ali podem ser bem diferentes dos melhores horários para email marketing.

O domingo a noite, por exemplo, costuma ser ótimo para atualizações no Facebook. Vale a pena testar diversas opções.

Filtrar bem o conteúdo e determinar uma boa frequência

Se sua empresa é pouco criteriosa ao publicar conteúdo, o resultado é que muita gente pode ignorar ou, pior ainda, ocultar suas publicações. Isso é péssimo para a relevância e afinidade.

A frequência com que o conteúdo é publicado também tem interferência: muito pode incomodar e pouco não vai garantir um bom número de interações.

Tente publicar ao menos uma vez ao dia, mas seja rigoroso: somente conteúdo de qualidade.

Pedir para interagir

Ao fazer uma atualização, pode sentir interessante acrescentar um pedido para curtir, compartilhar ou comentar.

Isso pode funcionar como um incentivo extra para que as pessoas realmente façam essas ações.

Usar o “promova”

O Facebook lançou há pouco tempo o recurso “promova”, que exibe uma atualização para pessoas que não a veriam de forma orgânica (gratuita).

Com a ferramenta, que é paga, é possível expandir o alcance da mensagem.

O interessante é que alcançando mais pessoas de forma paga, ao passo que elas interagem, o alcance orgânico também aumenta.

Mensurar no Insights

O Facebook oferece uma ótima opção de análise, o Insigths, que mostra quanto cada publicação foi visualizada, teve cliques e interações.

Estando logado como administrador da página, basta adicionar ?sk=page_insights ao final do endereço da página acessá-lo. No nosso caso, por exemplo, esse endereço seria facebook.com/ResultadosDigitais?sk=page_insights.

Por mais que existam algumas indicações e boas práticas, cada caso é diferente e pode ter demandas específicas. Testar e analisar de forma mais cientifica os experimentos é a melhor forma de encontrar que funciona e o que não funciona para sua empresa.

Saiba mais:

eBook grátis - Introdução ao Marketing no Facebook

Software de Marketing Digital - RD Station


Categorias: Facebook