Blog de Marketing Digital de Resultados

Conheça as novidades do Facebook e o impacto delas na sua empresa

Os últimos dias foram marcados por algumas mudanças importantes na rede social mais utilizada no mundo. Foram anunciadas alterações na forma de classificar e exibir as atualizações no feed, o lançamento de uma ferramenta para incorporar em blogs ou sites posts publicados originalmente na rede social e uma nova plataforma de comunicação com empresas.

Na prática, com as alterações no Edge Rank, o algoritmo que filtra as histórias, deve ficar mais fácil para os usuários visualizarem posts de pessoas mais importantes para eles e, por outro lado, deve facilitar a vida de quem trabalha com marketing digital.

Um aspecto positivo é que a rede social já está divulgando mais informações sobre o algoritmo – como funciona e o que define que posts e em qual ordem são mostrados ao usuário.

Vamos explicar pra você o que está mudando para que sua empresa possa tirar mais proveito dessas atualizações:

 

Facebook for Business permite aproximação com as empresas

O primeiro ponto relevante da transparência do Facebook para com as empresas foi a criação de uma página voltada especificamente para elas.

Em seu primeiro post, a Facebook for Business, explica como o novo feed de notícias funciona. Segundo a rede social, a mudança deve aumentar as chances de os posts orgânicos das empresas conseguirem um alcance maior, ainda que já tenham sido publicados algumas horas antes.

 

As novidades no Feed de Notícias

De acordo com o Facebook, a cada vez que alguém visita o feed de notícias, existem mais de 1500 posts em potencial para serem vistos, de amigos, conhecidos ou de páginas que as pessoas curtem. Como ninguém tem tempo para ver tudo, a função do algoritmo da rede é passar uma peneira e deixar o que é mais relevante para cada usuário.

 

O que é relevante para o Edge Rank

Parece que cada vez mais a rede social vai considerar a afinidade e as relações, a quantidade de curtidas que o usuário deu aos posts de determinada pessoa ou empresa.

“Nosso ranking não é perfeito, mas em nossos testes, quando paramos de ranquear e passamos a mostrar os posts em ordem cronológica, o número de posts que as pessoas leram, curtiram e comentaram caiu consideravelmente”.

O fato de as pessoas curtirem ou esconderem determinados posts permite que o algoritmo priorize, por exemplo, 300 histórias em meio a um total de 1500 posts a cada acesso.

Com as mudanças, o novo algoritmo passa a responder ainda mais aos seguintes sinais que os usuários dão:

  • A frequência com que interage com um amigo ou página;
  • A quantidade de likes, compartilhamentos e comentários que o post recebe em geral e de seus contatos.
  • O quanto ele já interagiu com o mesmo tipo de post anteriormente.
  • Se alguém na rede já escondeu ou denunciou um post.>

 

O resgate de posts relevantes que não foram vistos

Agora, os posts orgânicos que os usuários deixaram de ver por não darem scroll suficiente na tela, vão reaparecer no topo do feed de notícias – desde que eles continuem recebendo curtidas e comentários.

Testando as mudanças, o Facebook percebeu maior engajamento dos usuários com os posts publicados por seus contatos e pelas empresas que seguem. O engajamento com os posts ‘resgatados’ aumentou em 5% para histórias publicadas por amigos e 8% em relação a posts de empresas.

A notícia é boa para as páginas corporativas, pois seus posts orgânicos mais populares tendem obter um alcance maior, mesmo que já tenha passado algum tempo desde a publicação. É importante salientar que essa regra não vai impactar os posts destacados via ‘promover’.

 

Mais valor às pessoas que interessam

Se as pessoas e empresas com quem os usuários mais interagiam já apareciam bastante em sua timeline, agora a frequência com que os posts desses contatos vão aparecer tende a aumentar.

O Facebook passou a priorizar os posts das 50 pessoas com quem o usuário mais interage.

Outra questão que muda é que, a partir de agora, quando um contato importante publica vários posts na sequência, eles aparecem para o usuário em ordem cronológica. Isso ajuda a entender melhor eventos e viagens, por exemplo, que tinham posts exibidos fora de ordem cronológica e podiam confundir.

Ao que tudo indica, o Facebook vai melhorar a visualização dos posts de quem interessa e, como consequência, deve estimular ainda mais o engajamento com essas pessoas e empresas em particular.

 

Novidades de integração com outras plataformas

O Facebook também lança aos poucos os Embedded Posts, que vão permitir incorporar em uma página externa um post criado dentro da rede social, seja por um perfil ou uma página de empresa.

Ao promover sua integração com plataformas de gestão de blogs e sites, a novidade deve ter um impacto positivo, valorizando os conteúdos publicados no Facebook e garantindo que as duas audiências ‘se conversem’.

Vai funcionar da seguinte forma: o Facebook fornecerá um código HTML que você incluirá no blog ou site de sua empresa. A publicação permitirá que visitantes curtam, compartilhem e comentem, mesmo fora do domínio da rede social.

Com essa ferramenta, quem planeja o conteúdo para publicação deverá levar em conta a abrangência dos posts para aproveitar melhor seu potencial.

Um potencial muito interessante é usar os posts e seus debates e eventuais elogios à empresa como prova social em Landing Pages e outras páginas, gerando mais credibilidade através dos usuários da rede.

Mudanças constantes

Sabemos que as mudanças não param por aí, mas a boa notícia é que o Facebook parece disposto a revelar as regras que orientam as escolhas do algoritmo ao mostrar ou esconder posts.

Ficaremos de olho nas mudanças para dividir com vocês como elas podem afetar o marketing digital de pequenas e médias empresas.

 

Marcadores:

Deixe seu comentário