Blog de Marketing Digital de Resultados

6 dicas de design para criar um Email Marketing perfeito

Se “uma imagem vale mais que mil palavras”, é claro que criar um Email Marketing com layout adequado vai ajudar a fazer com que suas estratégias de campanha de email atinjam bons resultados. Veja 6 dicas para turbinar o layout do seu email!

Segmentar sua base, criar textos com um conteúdo matador, usar Automação de Marketing, valer-se do auxílio de blogs e mídias sociais, ferramentas de disparo, softwares de Business Intelligence, CRM e outras providências pode turbinar sua campanha de email. Mas e o layout na hora de criar um Email Marketing, pode influenciar em seus resultados? E como isso ocorre?

Para usar uma frase surrada: “uma imagem vale mais que mil palavras”. É claro que criar um Email Marketing com o layout adequado vai ajudar – e muito! – a fazer com que suas estratégias de campanha de email atinja bons resultados.

Não fosse assim, bastava digitar algumas linhas de texto direto no corpo do email e enviar (apesar de que, em alguns casos, essa pode ser uma boa ideia… mas estamos nos adiantando!).

Para que você possa entender melhor como a criação do layout de seu Email Marketing pode ajudar em seu desempenho, separamos uma série de sugestões que fazem toda a diferença. Confira!

6 dicas para criar o Email Marketing de design perfeito

Pense bem: um Email Marketing com aparência amadora ou de extremo mau gosto pode fazer naufragar todo o seu trabalho de nutrição de Leads ou outras ações que utilizem disparo de Email Marketing. Dê uma olhada a seguir para saber como evitar isso.

1. Coerência na identidade visual

O primeiro passo é prestar atenção na identidade visual de seu negócio. Quais elementos se destacam e poderão fazer com que as pessoas associem rapidamente o email à sua empresa?

Ao criar um Email Marketing, é muito importante seguir sua paleta de cores, texturas, tipografias, estilo de fotos, ilustrações e outros elementos que fazem com que seu cliente reconheça sua marca e seu posicionamento.

2. O conceito “above the fold”

Quando seu Email Marketing é aberto no navegador ou caixa de email do destinatário, muitas vezes não aparece por inteiro na tela: é preciso usar a barra de rolagem.

É muito importante, ao criar um email, que as informações mais relevantes estejam presentes nesta primeira faixa de visualização, que se chama de “above the fold”.

E quais seriam essas informações? Normalmente, começa-se por uma “resposta” à promessa feita no assunto do email. E é importante que essa relação exista no chamado título (ou chamada) logo no topo do email, para não decepcionar o leitor com o conteúdo e levá-lo a fechar a mensagem.

Além disso, é importante incluir um pequeno texto explicativo do que se está oferecendo e também um Call to Action (CTA), pedindo que o receptor do email clique em um botão que vai direcioná-lo a um download, um site de compras, um blog, ao preenchimento de um formulário ou outra ação que se queira que ele realize.

Uma boa imagem ou ilustração também pode aparecer, mas falaremos sobre isso mais adiante.

3. Call to Action chamativo

Este é um dos elementos mais importantes para se criar um Email Marketing que busque conversão.

Normalmente, o Call to Action tem cores chamativas, mas isso depende do posicionamento de sua empresa. O ideal mesmo é que haja um certo contraste para que o CTA esteja bem nítido na tela.

As frases devem ser curtas e deixar claro qual é a ação desejada e quais as vantagens de realizá-la, além de sugerirem uma certa urgência.

4. Imagens e ilustrações leves e de alta qualidade

É preciso tomar providências para que as imagens não sejam pesadas e não façam seu email abrir vagarosamente, espantando os leitores. Uma dica é utilizá-las no formato JPEG ou PNG.

As melhores práticas de diagramação de emails recomendam fazer a programação em HTML. Isso significa evitar fazer uma peça única, ou seja, todo o conjunto em um único arquivo de imagem. O ideal é dividi-lo adequadamente em textos e só empregar imagens para o fundo e para os locais onde elas serão usadas na forma de fotografias ou ilustrações.

Além disso, consumidores gostam de se identificar nas imagens. Por isso, fotografias retratando pessoas podem ajudar, assim como ilustrações divertidas ou infográficos que expliquem seu produto, serviço ou conteúdo. Mas elas devem ser sempre de qualidade profissional – não improvise em suas imagens!

5. Gifs, filmes e animações

Da mesma forma que as imagens, estes elementos devem ser extremamente leves.

Esse tipo de mídia embedado em seu email costuma chamar a atenção do público e aumentar seu tempo de leitura. Mas seja criterioso na forma de integrá-los ao layout do Email Marketing para que o conjunto se torne harmonioso e atraente.

6. Exceção à regra: alguns casos de nutrição de Leads

Muitas vezes, todos esses elementos que comentamos, como cores, logo, ilustrações e animações podem ser um excesso de informações que seu público-alvo não quer receber.

Um exemplo é quando você faz nutrição de Leads, principalmente com o uso de Automação de Marketing. Nesses momentos, geralmente já existe uma relação com o cliente e um email mais “limpo”, apenas com texto, pode transparecer mais familiaridade e naturalidade.

Esse último item é um importante exemplo de que nada substitui a criatividade e o bom senso. Não há que se seguir regras frias a todo momento! Mesmo este tipo de email, um “all type” praticamente sem formatação, pode ser bastante efetivo, da mesma forma que outros tipos de conteúdo exigem um detalhado estudo de composições, cores, formas e imagens para instigar o clique e levar à conversão.

É por isso que, caso você não consiga dar um bom foco nessa operação, o ideal é contar com um profissional de design para criar suas campanhas de Email Marketing.

Uma alternativa que muitos empresários têm buscado para conseguir este tipo de serviço por um preço justo e com alta qualidade é usando sites de concorrência criativa, tanto para criar Email Marketing online como para criar layout de sites online. Além disso, esses sites de concorrência costumam oferecer outros serviços de comunicação, como a criação de logos online na mesma plataforma criativa, por exemplo.

Em resumo, um bom layout de emails melhora a sua taxa de conversão, faz com que o usuário entenda melhor as vantagens de um produto ou serviço quando auxiliado por ilustrações e infográficos, faz com que as pessoas se identifiquem com imagens de outras pessoas usando produtos e serviços, aumenta o interesse do público e seu tempo de permanência na leitura.

Com tantas vantagens, não vale a pena desenvolver toda uma estratégia de campanha e na hora de desenvolver o layout perder toda eficiência por causa de um design desastrado. Por isso, que tal colocar essas dicas em prática agora?

 

Este post foi escrito por Pedro Renan, CMO da We do Logos, founder da Logovia, especialista em Inbound e Marketing de Conteúdo.

 

Marcadores:

Deixe seu comentário