Blog de Marketing Digital de Resultados

5 dicas para driblar os desafios iniciais do Marketing Digital (e um bônus de como a RD fez)

Saiba como driblar os desafios iniciais para estruturar o Marketing Digital de uma empresa com base no que a RD e seus mais de 4 mil clientes fizeram e veja como o esforço compensa!

Quando falamos de Marketing Digital, muitos sonham com bons resultados a curto (ou curtíssimo) prazo. Empresas que mal iniciam ações para ter um bom posicionamento na internet e já se veem bem posicionadas nas ferramentas de busca e gerando muita receita por venda online. Isso pode acontecer para alguns, é verdade. Mas o que poucos sabem é que, para a grande maioria, o sucesso não vem de um momento para o outro, e sim acompanhado de muito trabalho, erros e aprendizados.

Trabalhando na área de Implementation Success da RD, onde acompanhamos nossos clientes darem os primeiros passos com o RD Station – e, para muitos, os primeiros passos no Marketing Digital em si – vemos que muitos não sabem sobre o trabalho que está por trás do sucesso em apostar nessa metodologia. E, quando começam e não veem resultado imediato, acabam desanimando e alguns até mesmo desistindo. É por isso que escrevemos esse post: para falar “não desista!”.

No começo pode ser um pouco frustrante ver todos os passos que temos que dar para estruturar bem o Marketing Digital de uma empresa. Mas esse esforço é recompensado, e depois que acertamos o caminho o retorno vem com mais facilidade. Falamos isso fundamentados nas histórias de muitas empresas que acompanhamos (hoje mais de 4 mil!), e também com base nelas trazemos algumas dicas de como aumentar suas chances de sucesso já nos primeiros passos. Vamos lá!

Principais desafios de quem começa e como driblá-los

Para as empresas que estão iniciando em Inbound Marketing, é preciso que os primeiros passos sejam provas de que o modelo de geração de Leads e vendas pela internet funciona (o que chamamos de Prova de Canal). Para isso, os passos que recomendamos são:

  • Criar a(s) persona(s) que sua empresa quer atingir
  • Gerar conteúdo para atraí-la(s), por exemplo sobre o primeiro eBook
  • Divulgar esse material nos meios em que possamos encontrá-las, como site da empresa, redes sociais, Email Marketing, mídia paga
  • Analisar se os Leads gerados estão qualificados, para então nutri-los com mais conteúdo ou passá-los para a área de vendas

Passos simples, não? Sim, mas que exigem dedicação para que sejam bem feitos. Nessa etapa algumas “dores” podem aparecer.  Vamos ver abaixo as principais que identificamos e dicas de como superá-las.

1 – Estou sem tempo para investir

Você está super empolgado para começar, mas aos poucos vê que para ter um trabalho de qualidade e que gere bons resultados terá que dedicar mais horas do que imaginava. E ainda tem que dar conta de suas outras obrigações, que já tomam um tempão, não é mesmo? E então você desanima, deixando o meio online de lado.

Como já falamos, para implementar o Marketing Digital é preciso esforço, mas o mais importante é entender que o investimento vale a pena. Todo esforço bem aplicado irá trazer retorno a médio e longo prazo, e depois que você acha o caminho os resultados crescem mais rápido. Um termo que falamos muito aqui na RD é o Flywheel Marketing, que pode ser traduzido como o impulso inicial que damos para fazer “a roda girar”. É como uma bicicleta de academia – depois de aplicar um esforço inicial ela gira sozinha com mais facilidade, não é mesmo? Entender a importância da dedicação nos primeiros meses é primordial para saber priorizar as ações online.

“Certo, mas eu realmente não tenho tempo”, você pode pensar. Nesse caso sugiro duas soluções.

Como driblar?

  • Passe as ações para outro funcionário que possa se dedicar, ou mesmo divida com ele as tarefas
  • Se não tiver alguém interno para quem delegar, procure uma agência digital que possa fazer as ações por você

2 – Não acho que meu material está bom

Há quem não queira divulgar um material por não estar 100% seguro de que ele está bom. É ótimo ter um nível de exigência alto, pois não queremos divulgar algo de má qualidade em nome de nossa empresa, certo? Porém excesso de perfeccionismo pode ser prejudicial a ponto de não te deixar sair do lugar.

Gosto de falar que os primeiros passos no Marketing Digital são testes onde você vai procurar achar a fórmula que funciona para a sua empresa. Se encararmos assim, fica mais fácil ter coragem de divulgar um material e ver o resultado que ele traz.

Como driblar?

Uma forma simples de vencer essa dor é mostrar o material para outras pessoas em que você confia antes de divulgá-lo. Recebendo opiniões delas, você pode fazer as modificações necessárias antes de compartilhar o conteúdo com todos e, assim, ganhar confiança.

3 – Meu material não gera Leads

Você fez seu material e o divulgou, mas mesmo assim não gerou muitos Leads. Se essa é a sua situação, o que pode estar acontecendo? Algumas possibilidades de resposta:

a) Talvez o assunto não tenha sido relevante para sua persona

Pode ser que o conteúdo, por melhor que seja, não tenha falado a mesma linguagem que o seu público-alvo fala. Ou, se falou, não gerou interesse por não ser algo que ele precisa priorizar.

Assim como você, os demais têm muito a fazer e com o que se preocupar, de forma que os conteúdos são sempre eleitos pelo que é mais importante para a pessoa naquele momento.

Como driblar?

Procure um tema que resolva um problema que seu público tem. A maneira mais fácil de fazer alguém se interessar por seu conteúdo é que ele seja de grande valia, que vai resolver uma dúvida, um problema da rotina. Criar aquele “é justamente o que eu buscava” vai aumentar suas chances de conversão.

Alguns pontos para ajudar mais:

  • Pense em algo educacional e útil
  • Escolha bem as palavras-chave para que seu público se identifique
  • Na Landing Page, deixe bem claro os benefícios que seu público terá em converter em seu material

Veja um exemplo de uma Landing Page com esses pontos:

landing page ebook de agencias

b) Seu eBook pode não estar atrativo

Título

Talvez o conteúdo seja bom, mas título e capa não chamaram atenção suficiente para ele.

A escolha do título certo, que cativa o seu público, mostra uma “luz no fim do túnel” ou uma informação nova, por exemplo, é determinante para fazer seu alvo parar, ler e baixar seu conteúdo.

Como driblar?

Tome um tempo para pensar em vários títulos possíveis. Pense fora da caixa mesmo, e depois selecione os melhores pensando em qual atrairia melhor a persona que está procurando. Assim como falei antes, prestar atenção às palavras-chaves corretas é essencial. Além de falar a mesma língua que seu público, elas ajudarão você a se posicionar bem nas ferramentas de busca.

Layout

Outro ponto de atenção é o visual. Ver um material com um layout bem feito e imagens que complementem o conteúdo ajuda a construir uma imagem profissional para seu material. Ainda mais se você está começando no digital e seu site e empresa não são tão conhecidos, transmitir credibilidade e confiança para seu público o ajudará a ter mais conversões.

Como driblar?

Se você não dispõe de um designer, há várias ferramentas online – e algumas gratuitas! – que podem ajudá-lo a fazer uma bela capa para seu conteúdo. Alguns exemplos são Placeit, My e-cover maker e adazing.com. Se você quiser focar só no conteúdo, sem se preocupar com o layout, pode baixar esses 4 Templates de eBooks criados pela Resultados Digitais para ajudar sua empresa.

4 – Não estou atraindo as pessoas corretas

Pode ocorrer de sua empresa até estar gerando Leads, mas talvez atraindo o público incorreto. O problema aqui pode ser tanto o conteúdo em si (como falei acima) quanto a divulgação não estar adequada.

É preciso colocar o mesmo esforço da criação do eBook na sua divulgação, pois é com ela que você vai chegar onde quem você quer atrair está. E para isso é preciso parar e analisar quais são realmente os canais que irão atingir esse público. É realmente um estudo, uma análise prévia para avaliar onde devemos divulgar nosso material.

Como driblar?

Como coloquei mais acima, os canais mais recorrentes de divulgação (e que normalmente recomendamos para nossos clientes) são:

  • CTA no site da empresa
  • Redes sociais
  • Email Marketing (caso tenha uma base relevante e qualificada)
  • Mídias pagas

Há ainda muitas outras fontes que podem ser usadas e que podem fazer sentido para sua empresa. Alguns exemplos:

  • Escrever guest posts em blogs relevantes de sua área de atuação
  • Pedir para pessoas influentes de sua área ajudarem a divulgar o material
  • Procurar comunidades onde seu público está, como as do Linkedin, Facebook e outras redes
  • Fazer materiais de Co-Marketing com empresas que tenham o mesmo público-alvo

Vale muito analisar o resultado de cada ação para validar os melhores canais e ir aprimorando a cada nova divulgação, certo?

5 – Estou com medo de errar

Esse receio pode aparecer em qualquer uma das etapas anteriores. E de novo vale reforçar: não tenha medo de errar.  Se você está começando, leve as primeiras ações como testes, para que possa ir calibrando a máquina de geração de Leads aos poucos.

Vale muito aqui frisar a importância da análise de resultados, pois é com ela que iremos aprender mais para os próximos passos.

Como driblar?

Se você está seguro que tem se dedicado o suficiente para fazer um bom trabalho, fez um estudo prévio sobre onde apostar e pediu opinião de outras pessoas para validação, já é meio caminho andado. Contudo, só terá certeza que acertou se colocar seu conteúdo na rua, não é? Lembre-se de que o importante é analisar os resultados para sempre melhorarmos para as próximas ações.

Bônus: Como a própria RD fez

Hoje a Resultados Digitais é referência em Marketing Digital e Inbound Marketing em todo Brasil. Mas o que poucos param para pensar é em como foram os primeiros dias, meses e até anos da RD. Estávamos bem posicionados em buscadores desde o primeiro post? Não. Tivemos sucesso absoluto com nosso primeiro eBook? Não. Tínhamos claro nossas personas para passarmos bons Leads para vendas? Não.  Mas algo que tivemos desde o começo foi aceitação para erros e persistência em melhorar.

Para mostrar que “estamos no mesmo barco” no começo da trajetória online, duas imagens que falam mais do que mil palavras sobre como foi o começo do marketing da própria RD.

ebook monitoramento na internet

Provavelmente a maioria de vocês não viu essa imagem antes. Esse foi o primeiro eBook da RD.

Como podem ver, evoluímos muito nossos materiais de lá para cá. Mas, como dissemos antes, temos que começar de alguma forma, não é mesmo?

Se hoje temos um time de designers, na época eram os próprios sócios que se revezavam para fazer materiais ricos e escrever conteúdo no blog. E aqui um detalhe para o sucesso: a disciplina em se dedicar às tarefas de Marketing Digital, fazendo planejamento de conteúdo, seguindo-o analisando resultados, que foram determinantes para nos impulsionar no meio online.

Tão importante quanto a disciplina é a paciência. Entender que criar um bom posicionamento na internet e virar referência em sua área é uma construção. A imagem abaixo mostra como foram os primeiros anos de nosso blog:

grafico crescimento visitas organicas

Quanto mais conteúdo de qualidade, usando as palavras-chave corretas e também cuidando com a frequência de postagens, maiores as chances de seu posicionamento melhorar – e, com isso, as visitas aumentarem. Mas, como podem ver, para a RD os primeiros passos também foram desafiadores.

Conclusão

Agora que mostramos alguns segredinhos de nosso passado, fica mais fácil ver que os desafios são iguais para todos. Se fôssemos pontuar aqui as principais dicas para você seguir em frente e ter sucesso, elas seriam:

  • Não tenha medo de tentar
  • Dedique-se para fazer um trabalho de qualidade
  • Estude e planeje-se antes de colocar a mão na massa
  • Analise os resultados para melhorias futuras
  • Faça um planejamento para que possa segui-lo com facilidade

Se você ainda tem algum outro desafio que não foi citado nesse post, deixe-o nos comentários. Ficaremos felizes em conversar!

Marcadores:

Deixe seu comentário