Mobilegeddon: seu site está preparado?


vector modern flat icons set. mobile services.

Se o seu site possui apenas uma única versão e essa não é responsiva ou adaptada para celulares, prepare-se. Ele pode estar com os dias contados, pelo menos no tráfego que chega pelas ferramentas de busca.

A nova atualização do Google, que entra amanhã no ar, é o que os especialistas em SEO estão chamando de Mobilegeddon (união das palavras Mobile + Armageddon), que pretende botar as páginas que não são amigáveis a celulares e dispositivos móveis para as últimas posições no buscador.

É esperado que essa atualização do Google privilegiando a boa experiência mobile afete os rankings mais que algumas outras atualizações muito impactantes, como Pinguim e Panda.

Por que o Google está mudando?

O Google tem o foco de criar a melhor experiência de busca para o usuário. Estamos saindo da era da “engenharia” de busca para a “experiência” de busca. As pessoas querem acessar o conteúdo de forma diferente em seus smartphones.

Se o seu site não está adaptado ao mobile, é muito provável que o usuário faça uma visita, tenha uma péssima experiência, e não volte mais. Hoje ninguém quer perder tempo navegando em um site que não ajuda você a chegar à sua informação em poucos cliques e que seja de difícil navegação.

A partir de agora, ter um site adaptado já não é mais uma opção, mas sim, uma obrigação para as empresas que querem continuar na corrida pelo posicionamento na primeira página.

Como se preparar para o mobilegeddon?

Em primeiro lugar você deve verificar se o seu site está ou não preparado para o mobilegeddon. É possível verificar isso através da ferramenta WebMasterTools. Com ela, você pode checar quais páginas do seu site estão amigáveis para dispositivos móveis, ou não.

Para isso, acesse a WebMasterTools, vá ao menu da esquerda, clique em “Tráfego de Pesquisa” e depois “Facilidade de uso em dispositivos móveis”. Nesse painel existe um gráfico e uma lista de erros que mostra quais páginas do seu site não estão otimizadas para visualização mobile.

mobilegeddon-01

Além da Webmaster Tools, o Google disponibiliza o Mobile Friendly. Nessa ferramenta, ele analisa uma página específica do seu site e diz se ela é otimizada para mobile ou não. Também dá dicas importantes sobre velocidade e otimização de uso para uma melhor experiência do usuário.

mobilegeddon-02

Caso o diagnóstico seja negativo, é importante estar atento para mudanças importantes no seu site. Isso vai requerer planejamento e investimento. E o mais importante: quanto mais tempo você esperar, piores serão as consequências nas suas futuras estratégias de marketing digital.

Há três opções viáveis para seguir.

1 – Site Mobiles

São os sites com layout e programação voltadas para celulares e outros dispositivos móveis. Geralmente são uma segunda versão do site para desktop.

Vantagens

  • Pode ser personalizado para usuários móveis;
  • Deve ser a versão mais amigável do seu site para celulares e afins.

Desvantagens

  • Manutenção constante (mais que um site estático);
  • Custos mais elevados para atualizar o conteúdo por se tratar ao menos de dois sites;
  • Risco de precisar ser totalmente reformulado para atender a navegadores futuros.

2 – Sites Responsivos

De uma maneira simples, sites responsivos são aqueles desenvolvidos para se adaptarem às diferentes telas. São geralmente mais complicados para construir e possuem um custo mais elevado de design.

Vantagens

  • Um site flexível e que funciona em todos os dispositivos, adaptando-se ao tamanho da tela;
  • Esta é a configuração recomendada pelo Google;
  • Pode ser um melhor retorno sobre o investimento, uma vez que a maioria desses sites não irá precisar de muita manutenção em caso de surgimento de novos navegadores.

Desvantagens

  • Custo inicial mais elevado;
  • Pode ter erros no momento da conversão a outros formatos.

3 – Uso de Plugins em seu site

WP Touch

O plugin ideal para sites criados em WordPress. Ele transforma o seu layout em um formato alternativo exibindo uma interface leve para que os visitantes naveguem sem problemas em dispositivos móveis. Uma ótima saída para você que quer estar preparado para o mobilegeddon.

Vantagens

  • Tem painel administrativo próprio;
  • Permite usar templates;
  • É possível monetizar a versão mobile com anúncios;
  • Gratuito para um único template.

Desvantagens

  • Configura somente a parte do Blog, pulando a home page;
  • Para opções avançadas é necessário pagar;
  • Precisa adicionar Bots de Mobile manualmente.

 

Duda Mobile

Esse é mais um plugin que faz a conversão de páginas com formato de desktop em versões mobile.

Vantagens

  • Otimiza praticamente todos os elementos dispostos na página;
  • Sincroniza as atualizações do site para a versão mobile;
  • É compatível com os principais smartphones (iOS, Android, BlackBerry e Windows Phone);
  • Possui um plano básico gratuito e funciona em qualquer navegador.

Desvantagens

  • A versão gratuita vem com a logo do plugin na barra superior;
  • Poucas opções para o plano gratuito;
  • Painel para montar site mobile um pouco complicado e fora do WordPress.

No site da Resultados Digitais optamos por usar o WP Touch como solução inicial. Estamos criando um novo Blog com tema 100% responsivo para todos os dispositivos móveis.

mobilegeddon-03

É um tema bem configurado e de fácil leitura. Além disso, o Google está reconhecendo nosso site como Mobile Friendly, o que é o intuito desse plugin.

As mudanças vieram para ficar. É preciso acompanhar esses updates e se adequar as novas regras. Quanto mais rápido sua adaptação, melhor será o seu desempenho frente ao seu público e uma passo a frente da sua concorrência.

Conheça também:

eBook grátis - Blog para negócios

Software de Marketing Digital - RD Station


Categorias: Blog, SEO (Otimização para buscadores)

  • Adm Anwar Hamud

    Muito interessante!! Sempre crio meus blogs e sites de forma responsiva, que seja visível em varias telas,mas tenho uma duvida, é melhor construir um site mobile ou transformar em responsivo?Com uso de plugins?

    • Hiram Damin

      Olá Hamud,

      Temos duas situações

      Se o projeto for inicial o melhor é fazer uso de um site mobile.

      Caso você já tenha um site em construção ou pronto a melhor opção é fazer uso de plug-ins como método paliativo até você conseguir migrar seu site para um modelo 100% responsivo para todos os dispositivos.

  • Guest

    Além do design, acho legal também usar a tática do conteúdo responsivo.

    A ideia é trocar textos e imagens dependendo da tela do usuário. Isso faz sentido, porque o cara que está no computador normalmente está muito mais disposto a ler textos maiores do que o usuário que está no celular.

    http://www.nomus.com.br/blog-industrial

    • Hiram Damin

      Isso também é legal.

      Quanto mais adaptado ao meio, melhor para o usuário.

      Um abraço!

  • http://www.emstech.com.br Edgar Fialho Lopes

    A mudança vai acontecer apenas para quem fizer a buscar pelo Mobile ou na Busca em Desktop vai afetar também? Ou Seja, se eu pesquisar meu site que não tem versão mobile no computador vai ser afetado também, ou somente se eu estiver buscando pelo celular ou tablet? Obrigado

    • Hiram Damin

      Olá Edgar,

      Esse assunto ainda é um pouco obscuro tanto para nós quanto para outros profissionais em SEO.

      Acreditamos que no primeiro momento deve afetar a busca mobile e, mais adiante, deve afetar as buscas como um todo.

      • http://www.emstech.com.br Edgar Fialho Lopes

        Ola Hiram, pelo que notei, meu site continua bem ranqueado quando pesquiso no computador, ja no mobile ele não aparece, ja que não tenho um layout voltado para a plataforma Mobile, somente meu Blog, pois possui layout responsivo.

        Abraços
        Edgar

        • Hiram Damin

          Legal Edgar,

          É bem isso que estamos vendo também.

          Vamos acompanhando as mudanças do Google.

          Um abraço.

  • http://wilsoncoimbra.com/ Wilson Coimbra

    Olá! Obrigado pelas dicas. Instalei o WP Touch em meu blog e gostaria de saber mais sobre a configuração dele. Vocês tem um passo a passo de como configurá-lo?