Blog de Marketing Digital de Resultados

Supersonic: 6 lições do Oasis sobre Marketing de Conteúdo

O documentário Oasis: Supersonic conta a história da banda inglesa e ainda nos oferece algumas lições de Marketing de Conteúdo que você pode aplicar em seu negócio

O documentário Oasis: Supersonic, lançado em 2016, entrou no catálogo da Netflix Brasil em abril. Ele relata os primeiros anos do Oasis, grupo formado na Inglaterra pelos irmãos Noel e Liam Gallagher — respectivamente, guitarrista e vocalista — em 1991. A banda acabou em 2009, após uma briga minutos antes de um show em Paris. O filme, por sua vez, está ganhando prêmios e despertando uma onda de nostalgia, principalmente nos britânicos, que agora torcem por uma reunião.

Os irmãos Gallagher cultivaram uma imagem de arruaceiros e representantes da classe trabalhadora de Manchester, no Norte da Inglaterra — eles de fato eram as duas coisas. O documentário mostra muito bem como suas origens ajudaram na criação do fenômeno Oasis, que vendeu cerca de 80 milhões de discos em todo o mundo. O filme ainda nos oferece algumas lições de Marketing de Conteúdo. Não acredita? Então continue lendo!

1. O sucesso demora, não desista logo no começo

O Oasis precisou de dois anos para chamar a atenção de uma gravadora e fazer sucesso. Nesse período, porém, continuaram escrevendo músicas e mostrando seu trabalho em pequenos shows. Esse tempo foi bom, inclusive, para melhorar a qualidade do que produziam. “Continuei escrevendo canções até que, um dia, saiu Live Forever”, diz Noel Gallagher no documentário, referindo-se a um dos hinos do rock britânico.

Da mesma forma, se os primeiros posts do seu blog não estão bombando, não desista. É assim mesmo no começo de um trabalho de Marketing Digital. Você precisará de algum tempo para conquistar autoridade, leitores e até mesmo fãs, como uma boa banda de rock. Portanto, continue escrevendo posts e mostrando seu trabalho no blog e nas redes sociais. Ter boas ideias e não dividi-las com o mundo é o mesmo que ficar tocando violão sozinho no seu quarto: ninguém vai ficar sabendo do seu talento!

2. Estabeleça parcerias

O momento que mudou a vida dos integrantes do Oasis veio de uma parceria inesperada. Eles dividiam o estúdio de ensaios com uma banda só de garotas chamada Sister Lovers, que os convidou para abrir um show em Glasgow, na Escócia. Seria só mais uma noite de rock e cervejas, mas, por acaso, estava lá Alan McGee, dono da gravadora Creation. O Oasis tocou quatro músicas, desceu do palco e recebeu imediatamente uma proposta de contrato de McGee, que ficou maravilhado com a atitude dos meninos.

A dica aqui é saber reconhecer boas oportunidades para parcerias em criação e publicação de conteúdo, como o Co-Marketing. Não se acanhe e busque parceiros que façam sentido para o seu mercado. Seu primeiro grande hit na internet pode vir do blog de um fornecedor que já está melhor rankeado no Google, ou mesmo de um post amigo no Facebook!

3. Produza conteúdo atemporal

Após a chegada às lojas de Definitely Maybe, que se tornou o disco de estreia que vendeu mais cópias na semana de lançamento, o sucesso subiu à cabeça dos garotos de Manchester. As confusões e frases polêmicas passaram a estampar os tabloides e a ganhar mais espaço na mídia que a sua música. O Oasis tinha muita repercussão, mas por coisas efêmeras, algumas delas até feitas de propósito pelos irmãos Gallagher — mais por diversão que por maldade, em geral.

Para isso, porém, Noel tinha uma resposta muito interessante. “Tudo isso será esquecido, mas nossos discos ficarão nas lojas para sempre”, afirmou. Hoje dá para dizer que ele estava certo, pois canções como Wonderwall e Don’t Look Back in Anger continuam bem tocadas nos aplicativos de músicas e no YouTube. Bem, não dava para ele imaginar que as lojas de discos não existiriam mais, né?

Sua produção de conteúdo deve também pensar na atemporalidade. Os chamados conteúdos evergreen podem gerar acessos por muitos anos ao seu blog. Não produza posts pensando apenas no agora, pois você pode escrever sobre algo em que é especialista e ganhar autoridade no assunto com o passar do tempo. Faça “remixes” para otimizar o conteúdo periodicamente, relançando-o e renovando o interesse de seus leitores.

4. Não finja ser algo que não é

O Oasis ganhou muitos fãs pela energia e o som pesado das guitarras no palco. Na hora de gravar o primeiro disco, porém, o produtor responsável deixou tudo muito “limpinho”, mais acessível. O documentário mostra que isso também aconteceu na segunda tentativa, até que alguém deu a sugestão: chamar o engenheiro de som dos shows da banda, Mark Coyle, para recriar a atmosfera dos bares e clubes junto com o próprio Noel. Deu muito certo.

Da mesma forma, mostre a verdade do seu negócio em seu blog. Você só será bem-sucedido se for honesto desde o primeiro momento com seus clientes em potencial. Não vale a pena, por exemplo, atrair um leitor com um conteúdo que não tem nada a ver com sua empresa para, quando virar Lead, ele receber materiais que não lhe interessam. Construa uma identidade própria em todas as etapas da sua estratégia de marketing.

5. Conheça seu público

O Oasis tinha muito claro quem era seu público-alvo: jovens que queriam se divertir ouvindo música, mas não curtiam a cena eletrônica que dominava a Inglaterra no início dos anos 90. Assim, produziam um rock simples e direto, com letras que falavam sobre festas, excessos e o bom e velho amor romântico. “Nenhum de nós era o melhor do mundo no que fazia, mas juntos éramos incríveis”, diz Noel sobre os músicos da banda.

Assim como o Oasis, você também precisa saber para quem vai escrever. Construa uma ou mais personas para direcionar melhor sua produção. Dessa forma, você evita atirar para todos os lados e tem mais chance de encontrar pessoas que se interessam pelo que sua empresa tem a dizer (e vender). E lembre-se: você não precisa ser uma estrela do rock para brilhar na internet, mas tem que demonstrar conhecimento e firmar autoridade no assunto.

6. Escreva sobre as suas experiências

Além de cantar sobre festas e diversão, o Oasis também usava as experiências da vida na estrada para criar novas canções. O documentário mostra uma passagem em que Noel abandona o grupo em sua primeira turnê pelos Estados Unidos, após uma apresentação vergonhosa no lendário clube Whisky a Go Go, em Los Angeles. Ele fugiu e foi até São Francisco encontrar uma garota que tinha conhecido durante um show, e por quem tinha se encantado. O guitarrista acabou voltando atrás, trazendo consigo a inspiração para compor Talk Tonight, uma das músicas acústicas mais belas do repertório da banda.

Você também pode (e deve) escrever sobre situações vivenciadas pela sua empresa. Contar como você faz o seu negócio, por exemplo, não deve ser visto como entregar o ouro para a concorrência. Lembre-se de que você está tentando transformar leitores em clientes, portanto, se mostrar que tem experiência no mercado, vai criar autoridade. Mostre também cases de sucesso, comprovando que você pode entregar o que seu Lead precisa.

Conclusão

Por incrível que pareça, arte e negócios têm muito em comum. Dentro do caos da vida na estrada de estrelas do rock pode estar uma boa ideia para a sua empresa. Nesse caso, encontramos paralelos entre o documentário que mostra a ascensão ao sucesso do Oasis, graças quase que exclusivamente às canções que escreviam, e uma estratégia bem-sucedida de conteúdo.

Você conhece alguma outra banda que possa servir de inspiração para o Marketing Digital? Deixe um comentário! Aproveite e baixe também nosso Guia Definitivo do Marketing de Conteúdo.

Marcadores:

Deixe seu comentário