Blog de Marketing Digital de Resultados

Os 4 pilares da credibilidade e como eles ajudam na conversão

Toda página de conversão (landing page) enfrenta, naturalmente, algum tipo de resistência por parte do visitante. Em alguns casos a resistência é baixa e a conversão acontece mais facilmente. Em outros, no entanto, a taxa de sucesso é menor e as conversões acontecem com frequência menor.

Fornecer informações pessoais, como o número do cartão de crédito, ou até mesmo as mais simples, como nome e email, gera na mente do visitante ansiedade e medo de como a informação será usada.

“O que farão com os meus dados?”, “vou receber SPAM?” e “se eu tiver problemas, alguém vai me atender?” são algumas das perguntas comuns que inibem o visitante de realizar a conversão.

Assim, nada mais óbvio que uma das preocupações de uma boa página de conversão seja o de reduzir essa ansiedade.

Os quatro pilares da credibilidade, sugeridos pelo especialista em conversões Tim Ash, são extremamente recomendados na hora de planejar sua página de conversão e vão te ajudar muito a ganhar a confiança do visitante na hora de converter:

1. Aparência

Dizem que não se julga um livro pela capa, mas sabemos que na realidade a coisa não é bem assim. Você seria capaz de comprar cerâmicos neste site? E que tal uma caldeiraria nessa?

A aparência funciona como um indicador do profissionalismo e da seriedade da empresa, mesmo que essa não seja a realidade. Se seu design é ruim, sua empresa é vista como ruim. Vale a pena contratar alguém que conheça para fazer esse trabalho.

2. Garantias na transação

As garantias na transação são bons redutores de risco aos olhos do usuário. Eles ajudam a responder aquelas perguntas que comentamos anteriormente.

Por isso você deve disponibilizar, por exemplo, o link para a sua política de privacidade, as formas de contato e pagamento e a logo de órgãos certificadores de segurança. Se você usar um sistema de pagamentos terceirizado, como o PagSeguro ou Paypal, pode também se utilizar da credibilidade deles.

3. Autoridade

Exercer o papel de autoridade no mercado gera credibilidade e também ameniza a insegurança de quem visita a página.

Para empresas que ainda não possuem uma marca forte, já reconhecida como autoridade, a dica é emprestar a autoridade de marcas mais conhecidas. Exibir a logo de clientes famosos, por exemplo, pode ser o caminho.

Também ajuda apresentar menções na mídia e reviews do seu produto/serviço.

4. Provas sociais

Uma pesquisa famosa mostra que as mulheres têm mais interesse em homens comprometidos do que os solteiros. Um dos motivos apontados é que os homens comprometidos foram obviamente aprovados por alguém anteriormente.

Essa lógica também funciona para páginas de conversão. Mostrar que aquilo que está sendo oferecido foi aprovado por outras pessoas faz com que o visitante se sinta mais à vontade desejando aquilo.

Por isso, usar números absolutos, dizendo que a empresa já teve 1.000 clientes desde 2005, por exemplo, pode funcionar bem. Outras sugestões são depoimentos, um widget do Facebook que mostre o rosto de pessoas que “curtiram” o conteúdo da página ou um widget dos comentários no Twitter.

Todas essas dicas são mais importantes no ecommerce, mas se aplicam também para quem usa páginas de conversão para geração de leads, como oferecendo um eBook ou Webinar em troca dos contatos do potencial cliente.

Marcadores:

Deixe seu comentário