Blog de Marketing Digital de Resultados

Por que o blog da sua empresa deve ter um editor

Um conselho importante que damos para nossos clientes é que todo blog deve ter um editor. No entanto, não é preciso que sua empresa contrate um jornalista ou especialista do assunto para isso e menos ainda que essa pessoa ocupe a função em tempo integral.

O nosso ponto é que sua empresa precisa de um responsável final pelo blog, já que essa prática costuma fazer muita diferença nos resultados. Acreditamos que isso ocorra por alguns motivos:

Um blog de sucesso é feito de consistência

A consistência é chave na construção de uma comunidade em torno do blog. Quando falamos em consistência, estamos levando em conta dois aspectos: o foco e a frequência.

É muito difícil ocupar uma posição de referência na cabeça do seu cliente em potencial se sua empresa estiver falando de assuntos muitos variados e não convergentes. A existência clara de um tema do blog e um foco bem definido faz com que todos saibam o que esperar. Se o leitor está interessado no tema X e sua empresa só fala sobre o tema X, todos os posts são atrativos para esse leitor e é muito mais fácil que ele continue lendo até sua empresa ocupar na cabeça dele uma posição de referência. Isso fica bem mais difícil quando sua empresa escreve sobre X, Y e Z.

Além disso, ninguém é respeitado como conhecedor do assunto se escrever um post chave e depois deixar o blog de lado. É atuando bem, dia após dia, que sua empresa consegue alcançar essa posição de autoridade. A frequência é o que deixará sua empresa na cabeça do leitor.

Ter alguém como responsável final pelo blog é uma forma muito eficaz de aumentar a garantia que um calendário de publicações seja seguido e que as coisas não fujam da linha editorial definida, mesmo que existam vários autores.

A revisão diminui consideravelmente o número de erros em um texto

É muito comum vermos empresas distribuindo a “obrigação” de escrever no blog entre seus funcionários. Por sinal, é uma prática bastante recomendada. Cada profissional pode cobrir com mais propriedade sua sub área específica e ninguém fica sobrecarregado tendo que escrever.

O problema é que nem sempre esse profissional escreve muito bem ou, o que é mais raro ainda, escreve bem para a web. E mesmo para os que conseguem escrever bem, erros são muito comuns e nem sempre são percebidos pelo autor, que já está muito envolvido no texto.

O editor pode contornar esse problema, fazendo a revisão e as adaptações que julgar necessárias.

A empresa deve falar uma só língua

Se sua empresa fala uma coisa em um dia e outra coisa em outro, transmite a ideia de que ainda não domina o assunto ou não tem experiência para sustentar suas opiniões.

Claro que não é errado voltar atrás em uma afirmação incorreta ou em uma nova percepção sobre um assunto, mas é importante garantir que tudo o que for publicado siga aquilo que a empresa de fato acredita e conhece. Mais importante ainda, que aquilo que for publicado esteja alinhado com os valores e crenças que a empresa quer transmitir.

Garantir que nenhum autor da empresa saia por aí escrevendo besteira é mais uma das atribuições do editor.

Isso se estende também ao estilo dos posts (formal ou informal, iniciante ou avançado, superficial ou denso, etc).

Marcadores:

Deixe seu comentário