Blog Agências de Resultados

Agência de Inbound Marketing: Por que ser uma e primeiros passos para começar

O Inbound Marketing, ou “marketing de atração”, é uma metodologia que combina diversas estratégias de marketing para atrair e converter clientes usando conteúdo relevante. O grande diferencial dessa estratégia é a possibilidade de mensurar os resultados das ações, o que faz do Inbound um investimento vantajoso.


Um dos objetivos mais populares das empresas no mercado é sobressair-se. Diferenciar-se da concorrência e ganhar mais espaço e visibilidade dentro de mercados já saturados. Temos certeza que esse também é o objetivo da sua agência, certo?

O livro “A estratégia do Oceano Azul”, escrito por W. Chan Kin e Rennée Mauborgne, trata justamente desse tema. A construção de uma metáfora usando oceanos faz uma comparação extremamente real com a situação que vivemos em diferentes mercados. O que os autores chamam de oceanos vermelhos são os mercados saturados pela concorrência excessiva. Já o oceano azul são espaços do mercado ainda inexplorados, onde ainda é possível transitar sem se preocupar de forma excessiva com as ameaças dos concorrentes.

Sabemos que a briga por espaços novos, especialmente no mundo publicitário não é algo fácil e a grande ideia por trás da metáfora dos oceanos é pensar em criar novas demandas, dentro de um mercado competitivo. Mas como é possível fazer isso?

Analisando esses pontos conseguimos dizer que o Inbound Marketing é um mercado ainda não explorado ao seu máximo, mas que a cada dia ganha uma nova agência adepta dessa metodologia. E essas agências saem na frente: segundo o Panorama das Agências Digitais, os negócios que adotam estratégias de Inbound para si geram cerca de 5x mais visitas e 2x mais Leads do que aqueles que não adotam.

Kit - Como fazer Inbound Marketing para a sua própria agência

Seja o seu próprio case de sucesso!

Por que agências com estratégias digitais desvinculadas não obtêm o mesmo resultado

Vamos pensar em três tipos de serviços: links patrocinados (pay per click), desenvolvimento de sites e gestão de mídias sociais. O trabalho com mídias pagas pode oferecer uma visão bem clara do ROI, mas deixa o faturamento do cliente sempre vinculado com aqueles investimentos. Parou de pagar, parou de faturar. A concorrência pelas palavras vem deixando tudo mais caro e é um risco para quem oferece esse serviço.

Quando você faz desenvolvimento de sites, por outro lado, você não se compromete com os resultados de longo prazo, aí discutir o preço dos projetos vira uma guerra! Como sua agência vai competir com aquele concorrente que entrega um site pela metade do preço?

Já o trabalho com mídias sociais fica geralmente vinculado com branding e relacionamento, questões difíceis de vincular a um resultado direto de faturamento. Por isso, é um alvo fácil de ser descartado em um momento de contenção de gastos.

O problema de estratégias desvinculadas é o fato de uma não estimular a outra a crescer em um processo contínuo. Cada ferramenta é utilizada para uma coisa. Facebook para presença, site para gerar contatos, links patrocinados para gerar visitas. Entender isso como um sistema único é um grande catalisador de resultados, e o mais importante, de faturamento.

Entenda o passo a passo no nosso infográfico:

Como-funciona-o-marketing-digital-de-resultados-infografico

Outra grande vantagem para a agência é o fato de que projetos de Inbound Marketing são projetos de médio e longo prazo. O que significa um cliente de renda recorrente no mínimo por seis meses, garantindo estabilidade financeira para o seu negócio.

Por que uma agência de Inbound Marketing é diferente das outras?

Nós aqui na Resultados Digitais entendemos o Inbound Marketing como um método de Marketing Digital de resultados. Resultados reais para o negócio do cliente, em termos de faturamento. Ou seja, gerar oportunidades de negócios através do Marketing.

Este método reúne diversas ações e canais e, no fim das contas, comprova para o cliente o retorno do investimento que veio dos seus serviços. Você consegue mostrar para o cliente como transformou X visitas em X reais. E com isso você se diferencia de uma série de concorrentes que não conseguem provar seu ROI.

Com Inbound Marketing você fica longe das métricas de vaidade, como seguidores e likes. Elas podem servir para indicar que algumas coisas estão dando certo, mas é preciso vincular diretamente o investimento na sua agência com um retorno em faturamento. De uma forma bem direta e simples, resultado para uma empresa saudável é ROI.

O Inbound Marketing é uma oportunidade de oferecer ao mercado um pacote de serviços com resultado mensurável, diferenciando a sua empresa das demais. Um serviço de Marketing Digital diretamente conectado com o setor comercial (vendas), não apenas o setor de marketing. Isso com certeza pode ser um grande diferencial para a sua agência: apoiar o marketing e o comercial ao mesmo tempo.

Como as agências podem educar o mercado sobre Inbound Marketing

Antes de tudo, é importante garantir que você esteja preparado para educar o mercado sobre Marketing Digital, sabendo lidar com dúvidas e objeções dos seus potenciais clientes. Por isso, esteja sempre atualizado em relação aos assuntos da área e siga os passos abaixo:

  1. Busque referências: de empresas nacionais e/ou internacionais, faça benchmarking de seus concorrentes, saiba buscar inspirações de diferentes formas e canais.
  2. Faça contatos: o networking é sempre uma boa saída. Afinal, você não precisa ser expert em tudo. Que tal aprender outros assuntos com especialistas na área? Cada um contribui com o que mais domina e todos saem ganhando.
  3. Estude novas ferramentas: teste todas, desde um aplicativo para otimização de tempo, gerenciamento de projetos, até uma ferramenta de Marketing Digital que promete estimular a criatividade da equipe. O importante é saber o que funciona e o que não funciona.
  4. Analise tendências: fique antenado ao que rola no mundo e crie sua identidade própria. Faça sua própria tendência.
  5. Tenha certificações: busque cursos na área de Marketing Digital e Vendas, demonstre que você possui o conhecimento necessário para ser o melhor parceiro estratégico do seu cliente.

Assim que você estiver seguro para se tornar porta voz sobre o assunto, é hora de compartilhar! Já dizia João Paulo Couto, “Conhecimento compartilhado é conhecimento ampliado”.

Para isso você pode seguir as seguintes dicas:

  1. Promova eventos (enquanto a pandemia durar, invista no modelo de evento online): dê palestras para o seu segmento de mercado, crie o seu próprio evento e convide palestrantes que agreguem no assunto, oferecendo a melhor experiência para os participantes.
  2. Crie materiais ricos: crie materiais que agreguem valor no mercado em que você está inserido. Pense em quais problemas suas personas têm e tente resolvê-los com eBooks, infográficos e outros formatos de conteúdo. Use a criatividade e know-how da sua equipe de criação. Mostre o valor do Inbound na prática.
  3. Atualize o blog da agência: faça um cronograma de publicações e crie uma rotina semanal. Compartilhe conhecimento e curiosidades diversas. (Sua agência ainda não tem blog? O que está esperando?).

Lembrando que essa é uma oportunidade de a sua agência destacar-se das demais. Posicionando-se como autoridade, você se tornará uma.

6 passos para sua agência digital começar a oferecer serviços de Inbound

1. Estabeleça metas e objetivos para sua agência

Após ter a percepção do problema e vontade de mudança, é importante que se estabeleça objetivos e metas a serem alcançadas pela sua agência. Onde a agência quer chegar? Como quer ser vista? Qual porte quer ter? Quantos clientes pretende atender? Quais certificados e premiações visa conquistar? Entendendo o novo posicionamento da sua agência, será possível construir um plano de ação para alcançar seu cenário ideal

2. Identifique pacotes de serviços

Saiba que a oferta de serviços de Inbound Marketing não precisa ser exclusiva e sim um complemento poderoso quando bem casada com outras ações com as quais sua agência já trabalha. O mais interessante é que você consiga trabalhar com pacotes de serviços de forma completa e que atenda cada uma das etapas do Funil de Vendas, como ilustrado abaixo:

Uma sugestão para começar é criar planos com pacotes de serviços para determinados portes de clientes. Desta forma, você pode atender às expectativas dos seus clientes mais imaturos digitalmente, como também daqueles que entendem mais a necessidade de investimento em Marketing Digital – por exemplo, o pacote de serviço abaixo para um cliente que está iniciando com Marketing Digital:

  • Desenvolvimento de sites/ blog
  • Definição de personas
  • Definição de palavras-chaves
  • Definição de pautas
  • Produção de conteúdo
  • Criação de Landing Page
  • Gerenciamento de redes sociais

A ideia é que sua agência trabalhe com métricas de verdade que tragam resultados financeiros para seu cliente, e não apenas com a execução de jobs pontuais sem estratégias ligados a vendas. Lembrando que essa é uma forma de você conectar sua agência ao faturamento do cliente e, assim, agregar valor ao seu serviço.

3. Tenha uma estrutura mínima para começar

Fique tranquilo: por mais que Inbound Marketing não tenha sido uma atividade ofertada pela sua agência até agora, você provavelmente já tem a estrutura mínima necessária para oferecê-lo.

E, se não tem, você precisa estruturar sua equipe para o Inbound Marketing, capacitando-a através de conteúdos educativos e cursos online disponíveis no mercado. Ou, em um primeiro momento, você pode se rodear de bons parceiros, profissionais terceirizados para fazer a parte operacional do processo. Mesmo com uma equipe enxuta, o grande diferencial da sua empresa deve estar nas estratégias construídas para o cliente.

4. Utilize ferramentas estratégicas

Entendidos os serviços e a estrutura ideal, você precisa identificar quais ferramentas podem auxiliar você na execução do projeto para otimizar o seu tempo com o operacional. Não pense que você dará conta de fazer tudo apenas em uma tabela de Excel.

É inevitável o uso de ferramentas básicas como de redes sociais, busca paga, disparo de Email Marketing, otimização de SEO, automação de marketing, gerador de relatório… O que realmente irá diferenciar o seu serviço do ponto de vista de ferramenta será a forma como você reúne as informações, as interpreta e com isso otimiza os processos, faz correções e gera relatórios que comprovem o resultado para o cliente.

Além disso, para evitar dor de cabeça e ter seu trabalho reconhecido e valorizado, é importante que você consiga mensurar seus resultados de forma a comprovar o retorno do investimento do cliente. Por isso, é essencial uma ferramenta para compilar as informações de todas as ferramentas básicas de forma a facilitar a análise de dados e a tomada de decisão.

5. Avalie sua carteira de clientes

Você já tem vantagem por ter uma carteira de clientes que buscam por serviços digitais. Mas se quiser contratos de longo prazo, é possível que tenha que filtrar sua carteira de clientes e diminuir o número de campanhas pontuais em troca de projetos de receita recorrente. Essa mudança vai contribuir significativamente para sua agência aumentar a receita e crescer.

Para construir um primeiro case de sucesso que vai lhe abrir portas para novos negócios, selecionando um primeiro cliente com potencial financeiro e de desenvolvimento e que, principalmente, você tenha um bom relacionamento para implementar o serviço com tranquilidade. Assim, o cliente será colaborativo o suficiente para explorar novas oportunidades, valorizar seu trabalho e aumentar o pagamento quando perceber o retorno do seu investimento.

Por ser uma metodologia nova para muitas pessoas, é importante que você eduque sua carteira sobre o que é, a importância e o potencial que existe em se investir em Inbound Marketing. Além disso, alimentar seu site com conteúdo irá contribuir para evangelizar o mercado e aumentar suas possibilidades.

6. Monte uma proposta comercial de sucesso

É importante que você faça um levantamento das suas oportunidades e inicie a prospecção com uma reunião de briefing bem completa para obter as informações-chave (como o principal problema da área de marketing e vendas, objetivo do cliente com Marketing Digital, investimento na área e quanto está disposto a pagar). Essas informações serão essenciais para que você possa construir uma proposta vendedora de Inbound Marketing. Na proposta, você deve apresentar o problema a ser resolvido, considerar o objetivo principal do cliente, estipular metas a serem alcançadas, mostrar o cenário atual e construir o cenário ideal, mostrando com passo a passo como o Inbound Marketing vai ajudá-lo a chegar lá.

Agora que você já conferiu os primeiros 6 passos para sua agência digital começar a oferecer serviços de Inbound Marketing, está na hora de começar! Não perca tempo fazendo planos e procurando o momento ideal. Estipule um deadline para a virada de chave da sua agência e faça! Não tenha medo de crescer, o caminho é mais simples do que você imagina e o sucesso é garantido!

Marcadores:

Deixe seu comentário

Comentários