Como anunciar no YouTube: um passo a passo completo

Preparamos um guia completo de formatos e etapas para quem quer saber como anunciar no YouTube, colocando uma campanha no ar rapidamente


Os números impressionam e não é para menos: 5,5 bilhões de dólares são investidos anualmente em publicidade no YouTube apenas no mercado americano! Esses valores chamam a atenção dos interessados por Marketing Digital e atraem muitos que querem aprender como anunciar no YouTube.

Por isso, neste artigo falamos sobre as vantagens de investir em anúncios desta plataforma, quais são os formatos disponíveis para divulgar a sua marca e criamos um guia detalhado de como anunciar no YouTube. Confira!

eBook + Planilha: Como anunciar no Google Ads

Existem 8 passos que você precisa seguir para criar campanhas efetivas e gerar mais resultados com links patrocinados no Google. Descubra quais são eles neste eBook, e ganhe uma planilha para colocá-los em prática sem sofrimento.

- Ao preencher o formulário, concordo * em receber comunicações de acordo com meus interesses. - Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de privacidade. * Você pode alterar suas permissões de comunicação a qualquer tempo.

Por que anunciar no YouTube?

Antes de entender como anunciar no YouTube, você deve estar se perguntando se vale a pena gastar o seu orçamento nessa rede social. Por isso, separei alguns números bem relevantes sobre a plataforma, para que você possa tomar a sua decisão.

Todos os públicos estão no YouTube

A primeira coisa que você precisa saber é que o YouTube não é uma rede social apenas para heavy-users de internet, ou seja, daquelas pessoas que são adeptas de várias redes sociais e passam horas e horas online ao longo do dia. Pelo contrário: ele recebe mais de 2 bilhões de usuários mensalmente com interesses variados, que consomem mais de 1 bilhão de horas de vídeo diariamente.

E se você quer saber se esse comportamento se repete no Brasil, a resposta é sim! Afinal, 80% dos usuários brasileiros de internet usam o YouTube diariamente, de acordo com a própria plataforma.

E, em oposição ao Facebook, o YouTube ainda faz sucesso entre os jovens. Nos EUA, a plataforma Hootsuite mostrou que 81% das pessoas entre 15 e 25 anos são usuários do YouTube

Esse número é explicado pelos canais de influenciadores criando conteúdos focados nesse público e, também, porque os jovens consideram esta rede social como a segunda melhor plataforma para assistir vídeos na TV.

Além da idade, vários interesses também são representados na plataforma, o que é mais um ponto a favor de aprender como anunciar no YouTube. Existem canais sobre todos os assuntos, em variados nichos, oferecendo conteúdo relevante da cozinheira amadora que quer aprender a fazer pudim à executiva de uma empresa que assiste a uma análise política.

Com isso, a expansão dentro da plataforma é quase ilimitada: canais com mais de 1 milhão de inscritos apresentam índices de crescimento de mais de 65% ao ano, segundo o próprio YouTube. Mesmo os famosos da plataforma ainda continuam expandindo a sua audiência.

Ou seja, encontrar o seu público por lá não será um problema. Ao contrário, será fácil nichar sua publicidade para chegar exatamente a quem tem maiores chances de conversão.

O YouTube é um gigante em acessos e tráfego

Talvez justamente por atrair pessoas de todos os perfis é que o YouTube tenha se tornado esse sucesso. Hoje, ele é o segundo maior buscador na Internet e também o segundo site mais acessado do mundo, perdendo apenas para o próprio Google (empresa que o comprou)!

Isso quer dizer que, se as pessoas querem se informar ou aprender algo, o YouTube é um dos primeiros destinos em que elas pensam.. 

O próprio Google também exibe vídeos do YouTube em uma posição privilegiada entre os resultados da sua página de buscas. Isso é, o maior buscador do mundo também leva tráfego para os vídeos desta rede social, ampliando a chance dos seus anúncios serem visualizados.

>> Leia mais: Thumbnail: o que é e como fazer para gerar mais resultados no YouTube

A tendência virou fato: o vídeo veio para ficar

Em um estudo realizado pela empresa, a Cisco chegou à projeção de que o conteúdo em vídeo será 82% de todo o tráfego da internet até 2021. Isso quer dizer que vale a pena aprender como anunciar no YouTube porque a tendência é que essa rede siga em pleno crescimento.

O consumo dos vídeos acontece em várias circunstâncias e devices

Enquanto no início do YouTube a plataforma mantinha boa parte dos seus acessos através do desktop, esse cenário vem mudando. Hoje, a rede social afirma que 70% dos plays em vídeos são em dispositivos móveis. Ou seja, o YouTube alcança usuários que estão on the go e em telinhas menores.

Como anunciar no YouTube está se tornando o novo anúncio para TV

Parece que não são só os jovens que chegaram à conclusão de que os vídeos de YouTube combinam muito bem com as suas Smart TVs! Ao longo de 2019, houve um crescimento de 39% nos acessos à rede social por esses aparelhos. 

Com a chegada da pandemia do coronavírus, essa tendência se confirmou, já que as pessoas passaram muito mais tempo em casa. Até junho de 2020, o YouTube divulgou que já tinha crescido em 120% o tempo que os brasileiros passavam assistindo seus vídeos na televisão.

Ao todo, são mais de 40 milhões de pessoas vendo YouTube nas suas Smart TVs apenas no Brasil, o que significa que a publicidade nessa rede social se tornou uma versão contemporânea das inserções publicitárias na grade de programação dos canais de televisão.

O YouTube converte

O usuário da internet desenvolve uma relação de confiança nas indicações dos influenciadores que gosta e acompanha, o que se reflete nos resultados de vendas a partir do YouTube.

Como sabemos disso? Basta dizer que entre 2017 e 2018 o tempo de exibição de vídeos que fazem o usuário considerar uma compra de produto (reviews, comparativos ou recebidos, por exemplo) aumentou em 100%.

A conclusão é simples: vale a pena aprender como anunciar no YouTube porque essa rede social tem mesmo influência sobre o comportamento de compra dos seus usuários.

Quais são os formatos de anúncios do YouTube?

Para aprender como anunciar no YouTube é preciso também entender quais são as possibilidades disponibilizadas para publicidade na plataforma. Ao todo, são 6 formatos, cada um com características próprias.

Vamos à descrição de cada um deles!

1. Anúncios in-stream puláveis

Um dos formatos de anúncio no YouTube que você precisa conhecer são os vídeos puláveis, que podem ser exibidos antes, durante ou depois de um vídeo. Eles são chamados assim porque depois de 5 segundos, o espectador pode saltar o restante da sua reprodução, caso não se interesse pelo conteúdo.

Os anúncios desse tipo funcionam bem para vários objetivos diferentes, como geração de leads, de tráfego para um site, de vendas, reconhecimento de marca ou consideração de produto, por exemplo.

Anúncios in-stream puláveis no YouTube

Nesse formato, é possível escolher a forma que pretende pagar pelos resultados. Ao escolher o CPV, o anunciante paga sempre que o espectador assiste 30 segundos do vídeo ou o anúncio por inteiro, caso a sua duração seja mais breve do que isso. 

Agora, se o anunciante optar pela estratégia de maximizar as conversões, ele terá de escolher qual é o CPM e CPA que gostaria de pagar e a cobrança será feita de acordo com as impressões. Não é familiarizado com esses termos? Confira o nosso artigo sobre CPM, CPC e CPA.

2. Anúncios in-stream não-puláveis

Os vídeos não-puláveis também podem ser exibidos em computadores ou dispositivos móveis e, assim como os puláveis, podem ser exibidos antes, durante ou depois do vídeo que o espectador escolheu assistir. Por isso, esteticamente são muito parecidos com os vídeos puláveis.

A grande diferença entre eles é que, como diz o seu nome, ele não pode ser ignorado pelo espectador: existe uma obrigatoriedade de assisti-lo até o final para continuar o conteúdo do YouTube que o usuário via. 

Esse formato foi pensado para o objetivo de alcance e reconhecimento de marca, tendo uma duração de até 15 segundos e pagamento feito sobre impressões, de acordo com o CPM desejado.

3. Bumper ads

Os bumper ads são exibidos antes de um vídeo começar, no computador ou dispositivos móveis, e não podem ser saltados pelo espectador. Isso é, há uma garantia de que o público interessado no vídeo irá assistir o seu anúncio. 

Bumper ads

 

Em compensação, eles têm apenas até 6 segundos de duração e, por conta disso, um ponto importante sobre como anunciar no YouTube com bumper ads é que a sua mensagem precisa ser ainda mais clara, objetiva e encantadora. 

4. Masthead

Outro formato que oferece uma excelente oportunidade de anunciar no YouTube é o masthead, um vídeo que aparece na parte superior da home do YouTube (faça um teste para ver como o seu masthead seria exibido).

Como muitos usuários da rede social começam a pesquisar os vídeos que pretendem assistir por essa página inicial, o masthead é mesmo uma posição de destaque para anunciantes.

Esse formato funciona para TV, computador e dispositivos móveis e é recomendado pelo próprio Google para gerar reconhecimento para um produto novo ou alcançar um público amplo em um período curto de tempo.

O masthead, porém, tem algumas especificidades. A primeira delas é que só é possível anunciar neste formato através de uma reserva do espaço e, para isso, será necessário entrar em contato com um representante de vendas do Google.

Já o segundo ponto é que o vídeo normalmente é exibido automaticamente para os usuários com o som desativado. Isso quer dizer que a sua mensagem precisa ser passada adiante sem depender do áudio.

5. Anúncios de video discovery

Os anúncios de video discovery no YouTube são um formato pensado para a meta de consideração de produto e marca, que funciona promovendo o seu conteúdo para mais pessoas.

Por isso, são posicionados em locais tradicionais de descoberta nessa rede social, como na página inicial do YouTube, na lista de resultados de pesquisa e nos vídeos relacionados, aquela coluna à direita da página com sugestões de outros conteúdos para assistir.

anúncios de video discovery

O video discovery funciona em computadores e dispositivos móveis, além de ter um método de cobrança particular: o anunciante só paga quando o espectador decide clicar na miniatura do anúncio para ver o conteúdo. 

6. Anúncios out-stream

A última possibilidade de como anunciar no YouTube é um formato focado em expandir o alcance dos seus anúncios e, não por acaso, ele fica atrelado à meta de alcance e reconhecimento de marca.

Os anúncios out-stream são exibidos apenas para dispositivos móveis e fora do YouTube. Ou seja, os vídeos vão aparecer em sites ou aplicativos parceiros do Google. No caso dos sites, os anúncios são exibidos como banners. Já para os aplicativos, eles ganham diversos formatos, como os nativos, intersticiais, banners, em formato retrato ou tela cheia.

Esse formato é reproduzido automaticamente, também com o áudio desativado. Por isso, atente-se também nesses anúncios a como fazer a sua mensagem ser compreendida sem o som. É claro que a audiência pode optar por ouvir o anúncio, mas não é uma boa ideia contar com isso para conseguir transmitir o que precisa.

Por fim, vale falar sobre a cobrança dos anúncios out-stream: o custo é calculado por mil impressões visíveis (vCPM), de forma que o anunciante paga sempre que o vídeo é visualizado por 2 segundos ou mais.

Passo a passo de como anunciar no YouTube

Pronto para criar a sua primeira campanha de anúncios nessa plataforma ideal para a geração de tráfego? Então, acompanhe as 8 etapas de como anunciar no YouTube!

1. Acesse o site do Google Ads e faça o seu login

A primeira coisa a se fazer é entrar na sua conta do Google Ads. Caso você ainda não saiba, o YouTube pertence ao Google, então a plataforma de anúncios é integrada.

Acesso ao Google Ads

2. Adicione uma nova campanha

Para adicionar uma nova campanha de anúncios no YouTube, clique no botão de “+” em azul à esquerda e, em seguida, clique em “Nova campanha”. Outra possibilidade é clicar no “+ nova campanha” no centro da página.

Adicionar uma nova campanha de YouTube

3. Escolha o objetivo do seu anúncio

Ao descansar o cursor sobre cada objetivo, é possível visualizar em que canais eles são desenvolvidos. Os objetivos nos quais não tem como anunciar no YouTube são “Promoções de app” e “Visitas a lojas e locais de produção”.

Se você pretende fazer anúncios de visualização, é preciso que o objetivo da campanha dê acesso à Rede de Display do Google. Já se forem anúncios ignoráveis, não ignoráveis, de sobreposição, breves ou cartões patrocinados, os objetivos precisam dar acesso a vídeos.

Nova campanha como anunciar no YouTube

Não está certo sobre qual objetivo é o ideal para a sua campanha? Tire uns minutinhos para ler o resumo do Google sobre metas de campanhas em vídeo.

4. Selecione onde você deseja exibir o seu anúncio do YouTube

Para exemplificar mais esse passo de como anunciar no Youtube, selecionamos o objetivo de “Alcance e reconhecimento de marca”. Em seguida, optamos por “Vídeo”.

onde exibir o anúncio

5. Selecione o tipo de anúncio que deseja fazer

Logo abaixo, há um menu para escolher que tipo de anúncio de vídeo é desejado. Aqui, selecionamos também como exemplo um anúncio ignorável e clicamos em “continuar”.

tipos de anúncio do youtube

6. Defina as configurações da sua campanha

Nessa etapa, você deve nomear a sua campanha de forma que saiba do que se trata quando for acompanhar a performance.

Depois, selecione a estratégia de lances, ou seja, a forma como pretende pagar pelo anúncio. 

Em seguida, defina as datas de início e fim da exibição do anúncio, o orçamento a ser gasto, em quais redes ele deve aparecer, além de para quais países e idiomas.

configurações da campanha

Por fim, determine também onde você não gostaria que o seu vídeo fosse exibido.

7. Defina as características do seu grupo de anúncios

O próximo passo para entender como anunciar no YouTube diz respeito às configurações de público. Aqui, você seleciona informações demográficas sobre o público que pretende atingir, como idade, sexo e faixa de renda. 

características de grupo de anúncio no youtube

Depois, continue a segmentação com os interesses do público-alvo, os temas associados ao seu anúncio e em quais canais o conteúdo deve ser exibido.

Por fim, defina o lance de CPM/CPV desejado para o grupo de anúncios.

8. Faça o upload do seu anúncio

Nesse momento, é preciso fazer o upload do criativo para o YouTube, caso ele não esteja lá. Por fim, antes de publicar a campanha, lembre-se de adicionar os links, botões de CTA e outras informações necessárias.

como anunciar no youtube upload

Agora que já sabe como anunciar no YouTube, aprofunde-se em Google Ads

E aí, entendeu como anunciar no YouTube? Esperamos que esse passo a passo seja a útil e que você comece a ver seus primeiros resultados com as campanhas rapidamente. Se quiser se aprofundar em mídia paga, sugerimos nosso eBook Como anunciar no Google Ads: tudo o que você precisa para gerar mais resultados com o Google.

Você vai ter um guia completo para entender a dinâmica do Google e criar anúncios de sucesso. São dicas de ouro que vão trazer mais segurança para o seu investimento nas campanhas. Para acessar o material completo, basta preencher o formulário abaixo. É gratuito!

eBook + Planilha: Como anunciar no Google Ads

Existem 8 passos que você precisa seguir para criar campanhas efetivas e gerar mais resultados com links patrocinados no Google. Descubra quais são eles neste eBook, e ganhe uma planilha para colocá-los em prática sem sofrimento.

- Ao preencher o formulário, concordo * em receber comunicações de acordo com meus interesses. - Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de privacidade. * Você pode alterar suas permissões de comunicação a qualquer tempo.

Deixe seu comentário

Comentários