Como criar uma Landing Page: dicas de design e funcionalidades essenciais de uma ferramenta de criação

Confira algumas ações práticas e facilmente executáveis que podem fazer a diferença na hora de criar as suas Landing Pages, incluindo a ferramenta ideal


Suas Landing Pages estão trazendo os resultados que você deseja? Elas geram as conversões que você espera para a sua estratégia de Inbound Marketing? Se isso não está acontecendo, pode ser que você não esteja acertando a mão na hora de criar uma Landing Page.

De modo geral, uma página de aterrissagem serve para levar o usuário a uma conversão. Ou seja, para que seja bem sucedida, o visitante deve virar Lead. É isso que você deve levar em conta na criação dessas páginas.

Neste post, você vai conferir 10 dicas de design para criar uma Landing Page perfeita. Depois, vamos mostrar tudo que uma ferramenta de criação precisa ter para ser verdadeiramente útil para o seu negócio. Lembrando que, se você quiser conferir modelos editáveis de Landing Pages, é só conferir nossa ferramenta gratuita de templates de Landing Page.

Procurando a sua nova landing page?

10 dicas de design para criar uma Landing Page

O design é, naturalmente, um fator primordial para o sucesso de uma Landing Page. E por sucesso, queremos dizer gerar muitos Leads! Por isso, separamos aqui 10 dicas de design para criar uma Landing Page, que envolvem o bom uso de elementos visuais e também de texto. Confira:

1. Crie títulos simples e diretos

O Copyblogger, site referência em copywriting, diz que 8 em cada 10 pessoas leem apenas o cabeçalho de uma página. E mais (ou menos): somente 2 em cada 10 seguem adiante e leem o restante da página.

A conclusão é simples: os principais elementos de uma página são, de fato, o título e o subtítulo. Mas isso você já sabia, certo? O importante é tirar proveito dessa informação.

Esses elementos, então, devem transmitir de maneira clara e direta a proposta de valor da sua oferta. Quando um visitante chegar à página, ele tem que pensar “que oferta interessante, é disso que estou precisando, vou ler o restante da página”.

2. Use contraste na paleta de cores

As cores de uma Landing Page precisam levar alguns pontos em consideração. Antes de mais nada, tente usar a paleta da identidade visual da sua empresa. Porém, convém lembrar do motivo da existência dessa página: converter.

Digo isso porque, na construção de uma LP, você pode concluir que as suas cores não estão funcionando. É um fundamental, por exemplo, que o botão de CTA (call-to-action) tenha um forte contraste com o resto, justamente para que chame a atenção.

Um exemplo: se a página tem tons de azul e branco, coloque um vermelhão no call-to-action! Aquele sentimento de frio versus quente indica ao leitor onde ele deve interagir e, consequentemente, converter.

3. Não use links ou menus

Você vai se cansar de ler isso aqui neste post, mas é verdade: a razão de ser uma página de aterrissagem é a conversão. Portanto, quanto menor for o número de opções de clique o leitor tiver em detrimento do botão de CTA, melhor. Quanto menos distrações

Se não estivermos te convencendo, pense no seguinte: se você botar links para a sua empresa ou um “saiba mais sobre o produto”, o leitor pode clicar e entrar naquela espiral de hiperlinkagem que nos faz perder horas na internet. E, assim, não volta à LP.

Isso se aplica também a menus. Sabemos que no site da sua empresa é importante auxiliar a navegabilidade, o que inclusive transmite confiança ao potencial cliente. O segredo, como veremos a seguir, é dizer a esse visitando tudo o que ele precisa saber já na Landing Page.

Como criar uma Landing Page: dicas e exemplos para ter altas taxas de conversão

O que faz uma Landing Page ter sucesso? Criatividade, objetividade, formulário curto, um quê de diversão? Confira o que falta para as suas Landing Pages gerarem mais Leads!

- Ao preencher o formulário, concordo * em receber comunicações de acordo com meus interesses. - Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de privacidade. * Você pode alterar suas permissões de comunicação a qualquer tempo.

4. Adeque o formulário ao funil e à oferta

Sobre o tamanho ideal do formulário, peço desculpas pelo trocadilho, mas é o seguinte: não há fórmula. Não é possível dizer quantas e quais informações sua LP deve pedir, pois as variáveis são muitas.

O principal a se levar em consideração é em que parte do funil está o seu material. Se for algo mais de topo, não faz muito sentido pedir o telefone ou mesmo o cargo da pessoa. Você ainda vai desenvolver um relacionamento.

Avalie também a relação da oferta com o formulário. Se você estiver oferecendo algo muito valioso, pode pedir informações mais profundas. Não é uma boa exagerar, mas o Lead vai entender que precisa dar mais dados em troca.

A confiança também é um fator. Se for o primeiro contato da pessoa com o seu negócio, talvez ela não queira preencher muitos campos. O segredo, como quase tudo no Marketing Digital, é testar.

5. O texto do CTA não deve deixar dúvidas

Já falamos do aspecto das cores do CTA, mas a coisa não para por aí. Porém, há outro elemento no botão tão importante quanto elas: o texto. Em resumo, ele não deve deixar dúvidas do que vai acontecer ao clicá-lo.

Ações simples e diretas dão total certeza ao usuário do que ele receberá em troca de suas informações. “Receber eBook”, “Assistir ao webinar” e “Garantir meu lugar” são bons exemplos. Você pode ainda colocar “Quero…” no começo, para reforçar a ação.

E é sempre reforçar: entregue o que está prometendo e jamais decepcione seu Lead.

6. Vídeos podem complementar o conteúdo

Um vídeo pode ajudar uma Landing Page a converter mais. Embora parece incoerente com o que falamos sobre focar no CTA, lembre-se que o vídeo fica embedado na página. Ou seja, não é necessário sair para se informar mais.

Dessa forma, sua oferta pode ficar mais interessante, já que o Lead terá mais informações. Além disso, o vídeo é um formato visualmente valioso e pode se encaixar perfeitamente ao design da Landing Page.

Pense, por exemplo, em ter um vídeo mostrando as funcionalidades do seu produto em uma página de pedido de teste. Ou quem sabe depoimentos de usuários satisfeitas. As opções são múltiplas! E o que falamos aqui vale para imagens também: ela tem que ser parte do conteúdo.

7. Preze pela objetividade

Pode ser que você sinta vontade de dar muitos detalhes sobre a sua oferta. Às vezes, aquele material foi fruto de um trabalho intenso de produção, ou o produto para o qual você está oferecendo um teste é quase como um filho. Já sabe o que vamos falar, né?

Isso mesmo: o que importa no design de uma Landing Page é conduzir à conversão. Seja objetivo e coloque apenas o que for realmente necessário. É claro que isso varia muito de acordo com o que é oferecido, então teste sempre para alcançar esse mínimo ideal!

Vale lembrar que o relacionamento com esse Lead ainda está para ser construído. A jornada de compra dele ainda não chegou ao final, então você ainda terá muito a dizer. Tenha sempre isso em mente ao elaborar sua estratégia.

8. Direcione o olhar do visitante

Use outros tipos de direcionamentos no site, como setas ou uma imagem de alguém olhando para o formulário. O olho humano costuma seguir esses indicativos e isso pode influenciar na conversão. O importante é que essa “dica visual” esteja direcionada para o formulário, para que o usuário não se perca.

Esse tipo de estímulo mexe com o inconsciente de quem visita a sua Landing Page. Não se trata de uma sugestão para que ele faça algo que não queira, mas sim de um reforço para que tome a ação pela qual a LP foi criada. Preste atenção quando vir uma foto em uma página de conversão: em geral, a pessoa está olhando para o form.

9. Use provas sociais

Muitas pessoas precisam de um tipo específico de reforço para engajarem com o CTA de uma Landing Page: as provas sociais. Trata-se, em resumo, da confirmação de que outras pessoas entraram naquela página e baixaram o material ali disponível ou se inscreveram para um trial, por exemplo.

Coloque evidências de que outras pessoas compraram, baixaram ou encontraram algum valor na oferta. Use botões de compartilhamento com dados de redes sociais, número de downloads ou mesmo depoimentos. No caso do botão das redes sociais, a atualização é automática e pode gerar números altas.

10. Crie senso de urgência

Em geral, é o copy da página – ou seja, no texto – que provoca a sensação de que o visitante não pode perder de jeito nenhum aquela oferta. Isso pode ser feito exaltando as qualidades, mas, também, deixando claro o que ele vai deixar de ganhar se não fizer aquela conversão.

Isso se encaixa na ideia de FOMO (Fear of Missing Out, ou Medo de Ficar de Fora), muito usado nas redes sociais. Além disso, é possível trabalhar com uma limitação de tempo. Por exemplo: acrescente na Landing Page quanto tempo falta para uma oferta expirar, o que estimula o visitante indeciso a agir mais rápido.

Por que usar uma ferramenta para criar suas Landing Pages

Ter uma ferramenta para criar Landing Page é hoje visto como algo essencial para empresas que fazem Inbound Marketing. Essas Landing Pages são páginas criadas dentro do seu site com o objetivo de gerar conversões, como o próprio nome diz.

Como a ideia é fazer com que o visitante vá direto executar uma ação definida por você, como baixar um eBook ou pedir uma consultoria, é importante que essas páginas tenham poucos elementos.

Isso não quer dizer, no entanto, que criar uma Landing Page do zero é uma tarefa fácil, pois para isso é preciso ter, no mínimo, um webdesigner à disposição. Ou, pelo menos, conhecer linguagens de programação para editar a página, comprar um template e integrá-la com outros softwares.

Fazer tudo isso parece um grande investimento de tempo e dinheiro, certo? Ainda bem que já surgiram ferramentas de criação de Landing Pages que reduzem esse trabalho a poucos minutos e aumentam a produtividade dos time de marketing.

No entanto, a praticidade não deve ser o único atributo dessa ferramenta. Como existem diversas no mercado, trazemos neste post 9 funcionalidades que uma ferramenta para criar Landing Page deve ter.

A ferramenta para criar Landing Page mais usada no Brasil

No relatório TechTrends, produzido em parceria com a Rock Content, identificamos as tendências na adoção de ferramentas por empresas de tecnologia de todo o Brasil.

Ao avaliar as ferramentas para criação de Landing Pages, nosso estudo mostrou que 59,6% das empresas pesquisadas utilizam alguma ferramenta. Dessas, 46,3% usam o RD Station Marketing, plataforma de Automação de Marketing pioneira no Brasil e que permite o gerenciamento integrado de ações ligadas a Email Marketing, Landing Pages, Redes Sociais, gestão de Leads e muito mais.

Confira o vídeo a seguir, que mostra as funcionalidades do Editor de Landing Pages e Pop-ups do RD Station Marketing:

9 funcionalidades que você deve procurar em uma ferramenta para criar Landing Pages

Uma ferramenta completa para ajudar você a criar suas Landing Pages precisa ter algumas funcionalidades essenciais. A seguir, listamos quais são elas:

1. Edição fácil e flexível

Uma ferramenta para criar Landing Page que permita edição fácil facilita muito o seu trabalho.

Com ela é possível mudar os textos e as cores de fundo, inserir imagens, editar o botão de Call to Action, dentre outras ações importantes para deixar sua página mais atrativa aos visitantes, levando-os à conversão.

A funcionalidade drag and drop, presente no RD Station Marketing, como você pode ver acima, facilita ainda mais o trabalho.

2. Variedade de templates

Existem diversos formatos de Landing Page — só com formulário, com imagens e descrição, dentre outras — e, dependendo da oferta, um pode ser mais adequado que o outro.

Além disso, templates especiais, como os que são voltados para datas comemorativas, como Natal, Dia das Crianças e Black Friday, facilitam na hora de fazer ofertas. Por isso, na hora de escolher sua ferramenta para criar Landing Pages, lembre-se de considerar a quantidade de templates de Landing Page disponível.

3. Formulários inteligentes

formul rio inteligente

O formulário inteligente permite pedir nas páginas de conversão apenas o que você ainda não tem de informação dos seus Leads.

Isso é importante porque evita que visitantes recorrentes abandonem sua página por não quererem preencher novamente o mesmo formulário — o que não faz sentido nem para ele nem para você, que receberia informações redundantes.

Falamos mais detalhes sobre isso no post Formulário inteligente: aumente suas taxas de conversão e obtenha mais dados dos seus Leads.

4. Conversão social

A conversão social é a possibilidade de o visitante baixar seus materiais ricos fazendo login com redes sociais.

Isso é interessante porque dispensa o preenchimento de um formulário, já que as informações das redes sociais são reaproveitadas. Preencher campo por campo é uma objeção que faz muitas pessoas abandonarem suas Landing Pages, e a conversão social é uma forma de contorná-la.

5. Possibilidade de integrações com diferentes sistemas

É interessante também que a ferramenta possibilite a integração com outros sistemas e ferramentas, para adicionar funcionalidades que não estão disponíveis nela. Além disso, é importante que o código permita inserir outras funcionalidades, caso você deseje implementar funções avançadas.

Sejam nativas ou colocar código para inserir ferramentas. Liberdade de inserir códigos para o caso de ferramentas avançadas

6. Parâmetros de SEO

seo para landing pages

A edição de title, description, slug e outros parâmetros de otimização para os mecanismos de busca é importante para que suas Landing Pages sejam ranqueadas no Google e você seja mais facilmente encontrado.

Da mesma forma, otimize suas tags para redes sociais, afinal você não quer que o título, a imagem e a descrição de sua Landing Page não apareçam (ou apareçam errados) quando compartilhados no Facebook ou outra mídia social, certo?

Por isso, ao escolher a ferramenta, certifique-se de que é possível configurar esses detalhes: email de agradecimento, email pós-conversão, edição de metatags para SEO e mídias sociais – title, description, slug, OG title, OG description e OG image.

7. Ter HTTPS

O Google tem deixado mais claro que não gosta de sites inseguros, defendendo a adoção do HTTPS. Quando o endereço de um site começa com HTTPS e não com o anterior HTTP, isso significa que a página possui o certificado SSL/TLS.

Esse certificado é responsável por validar o site e criptografar informações que o usuário envia ou recebe dele. Isso torna o visitante mais protegido. No Google Chrome, sites que adotaram o recurso apresentam um cadeado no início da barra de endereços.

Já os que não adotaram podem exibir um aviso de site não seguro quando o usuário tenta acessar a página, principalmente aquelas que pedem informações pessoais, como o email.

E os problemas vão além disso, pois a tendência é que o buscador também priorize páginas seguras como fator de ranqueamento.

8. Apresentar estatísticas

A ferramenta deve não só permitir a criação de uma Landing Page facilmente customizável e otimizada como também facilitar a análise dos seus resultados.

Para identificar pontos de melhoria, é importante saber suas taxas de conversão e pontos de tráfego para as conversões.

Então, privilegie ferramentas que mostram as estatísticas das suas páginas publicadas. O RD Station Marketing oferece, por exemplo, um ranking com as suas melhores Landing Pages por geração de Leads por período.

9. Responsividade

Suas Landing Pages devem ser criadas para funcionarem, também, em mobile. Se os consumidores estão cada vez mais usando seus smartphones para pesquisar e fazer compras, você não pode ignorar isso.

O Editor de Landing Pages do RD Station Marketing permite que você verifique como vai ficar a sua página em versão mobile. Basta apertar um botão e conferir.

Como criar uma Landing Page no RD Station Marketing

O RD Station Marketing é a ferramenta que vai ajudar a sua empresa a gerar mais tráfego, Leads, vendas e relacionamentos. Do início ao fim do funil de vendas, ele oferece toda a estrutura necessária para automatizar e gerir suas ações de Marketing Digital.

Veja no vídeo a seguir tudo o que a ferramenta oferece:

Como você viu, uma das funcionalidades do RD Station Marketing é o Novo Editor de Landing Pages. A seguir, vamos mostrar, passo a passo, como construir uma página de conversão usando a ferramenta.

Para criar uma Landing Page no RD Station Marketing, você precisa ter uma conta ativa. Se ainda não tem, ao final deste post você pode deixar apenas seu email para iniciar seu teste gratuito de 10 dias. Dessa forma, após uma fazer uma rápida configuração já poderá colocar em prática o que aprender neste tutorial!

Assim que abrir a ferramenta, a primeira coisa a fazer é clicar na aba “Converter” e clicar em “Landing Pages”.

Quando você já tiver construído suas primeiras LPs, vai aparecer um arquivo. Como, neste caso, estamos falando da sua primeira, surgirá a tela abaixo. Basta, então, clicar no botão “Criar Landing Page”.

como criar uma landing page no rd station 2

Templates de Landing Page disponíveis

Você vai poder escolher entre dezenas de modelos já disponíveis. Eles estão divididos em três categorias: “Geração de Leads”, “Agradecimento” e “Pagamento Social”. Cada um desses modelos têm características próprias, que você pode ir experimentando para ver qual funciona melhor para seu objetivo com a ação. Todos são completamente editáveis.

Veja a tela a seguir:

como fazer uma landing page no rd station marketing 4

Todos os modelos de Landing Page têm um título que indica a usabilidade. É possível fazer uma visualização antes da escolha. Confira alguns deles a seguir:

  • Agende uma visita
  • Programe seu evento
  • Demonstração de software
  • Novo Squeeze
  • Vários modelos de agradecimento

Após selecionar o modelo, começa o processo de criação propriamente dito. A primeira coisa a fazer é dar um nome para a sua criação. Feito isso, será aberta a tela do editor.

Editando a Landing Page no RD Station Marketing

Chegou a hora de colocar seu talento combinado de designer e desenvolvedor! O Novo Editor de Landing Page do RD Station Marketing tem a funcionalidade drag and drop. Ou seja, você pode selecionar os itens que quer adicionar e arrastá-los até a posição que deseja. Dê uma olhada:

como fazer uma landing page no rd station marketing 2

No exemplo acima, o componente selecionado foi “Imagem”. Repare que, após arrastá-lo até o local, abriu um novo menu para você enviar o arquivo e fazer alterações.

O total de componentes editáveis para a sua Landing Page no RD Station Marketing é de 8. Eles são os seguintes:

  • Seção
  • Linha
  • Coluna
  • Texto
  • Caixa
  • Botão (CTA)
  • Imagem
  • HTML

A última opção permite que você coloque um código em HTML na LP. No topo, há também uma opção de Edição Avançada, que permite que você mexa no código em CSS, JavaScript Body e JavaScript Head. Lembre-se de ir salvando o progresso, mesmo que o editor destaque isso quando você tenta mudar de tela.

Voltando à tela principal do editor, vamos mexer nos campos. É possível colocar quantos você quiser, se o campo é obrigatório ou não, se é aberto ou com itens pré-definidos, campo de assinalar e configurar se é formulário inteligente. Neste último, só aparecem os campos que o seu Lead ainda não completou. E, claro, é tudo personalizável.

Ah, também é possível selecionar o Login Social, que é quando o usuário usa as próprias redes sociais para fazer o cadastro.

como fazer uma landing page no rd station marketing 3

Além da aba de Componentes, temos a aba Página, em que é possível configurar a largura em pixels da parte que contém conteúdo na LP.

Os GIFs que colocamos neste post se referem ao template de agendamento de visita. O layout naturalmente muda nos outros modelos, mas a sistemática é a mesma. Basta apertar o botão Salvar e Continuar para continuar a construção.

Configurando a Landing Page

A próxima etapa é de configurações. É a parte mais técnica, digamos assim, mas não se preocupe: é muito fácil de usar. No começo dessa seção, você poderá selecionar entre três opções do que vai acontecer quando seu Lead clicar no botão de CTA:

  • Redirecionamento de página: a pessoa é levada para uma página de agradecimento, por exemplo, algo que você também pode fazer no Editor de LPs.
  • Download do arquivo: o eBook ou outro material já pode ser baixado diretamente pelo Lead.
  • Nenhuma ação: a pessoa só entra na base de Leads e posteriormente começará a entrar nos fluxos de nutrição.

A seguir, será solicitada um nome e uma descrição para a sua Landing Page, que serão usadas em mecanismos de busca como o Google. Você também terá que configurar uma URL. O ideal é que ela fique em um subdomínio do seu próprio site, mas se for necessário o RD Station Marketing fornece uma hospedagem para a sua página.

Dê uma olhada nessa tela:

configura es landing page no rd station marketing

Clicando em “Configurações avançadas”, o menu se expande. As novas configurações que aparecem são as seguintes:

  • Exibir mensagem de agradecimento: mostra uma mensagem ao Lead após a conversão.
  • Notificar nova conversão por email: você receberá um email a cada conversão na Landing Page.
  • Utilizar canonical tag: caso tenha outra LP com uma oferta semelhante, pode colocar a URL da página principal para unificar a autoridade de SEO das duas.
  • Atribuir atividade do Lead Scoring: o Lead vai receber pontos por essa conversão.
  • Envie um email automático para os Leads que converterem na sua Landing Page (Automação de Marketing): já configure aqui mesmo o início de um fluxo, com o Lead recebendo um novo email minutos, horas ou dias depois.
  • Enviar um email de confirmação de inscrição para os Leads: o double opt-in é automático caso essa opção seja ativada.
  • Personalize como sua Landing Page irá aparecer nas redes sociais quando alguém compartilhar o link: as pessoas (ou você mesmo) podem querer compartilhar as páginas de conversão em suas redes sociais, então aqui você pode inserir uma imagem que a represente, além de um título e uma descrição.

Vale ressaltar que durante todo o processo é possível pré-visualizar o resultado tanto para desktop quanto para mobile. Assim, já dá para ver como o seu trabalho está ficando. Se achar que já está legal, é o momento de publicar! Veja só:

como fazer uma landing page no rd station marketing 6

Lembre-se de que, a cada nova edição da Landing Page no RD Station Marketing, é preciso republicá-la para que a mudança tenha efeito. Os dados e os Leads já conquistados, porém, não se perdem.

Teste criar uma Landing Page no RD Station Marketing

Agora que você tem um tutorial e viu como é simples, crie a sua primeira Landing Page no RD Station Marketing. Para isso, basta iniciar o seu teste gratuito da ferramenta. Você terá 10 dias para experimentar tudo o que ela oferece, sem compromisso!

Vamos lá? Você só precisa deixar seu email abaixo!

Post originalmente publicado em março de 2019 e atualizado mais recentemente em março de 2021.

Deixe seu comentário

Comentários