Blog de Marketing Digital de Resultados

Notícias da Semana: milestones em podcasts e anúncios nos EUA, e o futuro do Facebook está na privacidade

Mark Zuckerberg surpreendeu todo mundo dizendo que as mensagens encriptadas são o foco das ações do Facebook daqui para frente

De acordo com um velho e cansado clichê, o ano no Brasil só começa após o Carnaval. Bom, em 2019 o Carnaval foi bem tarde, já em março, o que quer dizer que teríamos perdido dois meses completos. Aqui na RD, porém, isso não é verdade: já estamos a todo vapor desde o começo de janeiro. Apostamos que a sua empresa também!

Mesmo assim, o fato é que tivemos uma semana bem curta. O resto do mundo, por sua vez, não parou para desfilar na avenida ou curtir bloquinhos. Assim, tivemos algumas notícias que agitaram o mundo da tecnologia e do Marketing Digital para o nosso já tradicional resumão de sexta-feira.

Quer saber qual foi o grande destaque? Um post no Facebook. Não, não estamos falando de nenhuma indiscrição cometida por algum folião mais entusiasmado. O que balançou o coreto foi um texto de ninguém mais ninguém menos que o dono do Face: Mark Zuckerberg!



eBook gratuito: Marketing no Facebook

Um eBook para sua empresa começar a gerar resultados reais no Facebook

Facebook anuncia que o futuro está na comunicação privada

A essa altura do campeonato, você já deve saber que o modelo de negócio do Facebook gira em torno da venda de anúncios com base em dados fornecidos pelos usuários. Eles “pagam” com suas informações para usar gratuitamente a plataforma, enquanto empresas podem direcionar de forma super assertiva as suas ações de Marketing Digital.

we run ads gif

Um elemento primordial para o sucesso bilionário da rede social é, portanto, a continuidade do compartilhamento aberto dessas informações por parte dos usuários. Em outras palavras, se não houver dados demográficos, de comportamento e de consumo, fica difícil vender Facebook Ads. Faz sentido, certo?

Isso tudo é o que torna muito surpreendente o textão do Zuck. Ele anunciou que o futuro da empresa (não necessariamente do Facebook) está na troca de comunicações privadas. Parece simples para ele, já que também é dono do WhatsApp e dos aplicativos de mensagens do Instagram e do próprio Face. Porém, seria uma pequena revolução.

A novidade não é a união dos mensageiros

A notícia de que ele pretende unir todos os apps de mensagens nem era nova – você inclusive já tinha lido no nosso primeiro resumão. O que chamou a atenção é que a tecnologia de encriptação do Whats pode se expandir para os outros mensageiros.

Se é encriptado, só quem troca as mensagens pode ler, o que vai de encontro ao modelo de negócios, como falamos acima. E aí? Pois é, nem o próprio Mark Zuckerberg sabe direito. Em entrevista à revista Wired logo após a publicação do texto, ele diz que “está otimista” que a empresa vai achar um caminho, mas que de fato não será fácil.

Essa entrevista, aliás, é interessante por outros aspectos. Nicholas Thompson, o editor da Wired, faz questionamentos sobre os problemas recentes de privacidade enfrentados pelo Face. Zuck ainda fala da mudança da preferência dos usuários para conteúdos efêmeros, como os Stories. Vale a leitura!

“Quer dizer que o Facebook vai acabar?”

Não, o Facebook e o Instagram da forma como os conhecemos hoje não vão acabar. No texto e na entrevista, seu fundador reforça a importância da internet ter “praças públicas” – ele chama os mensageiros, por sua vez de “sala de estar”.

Ou seja, não é necessário sair correndo para mudar toda a sua estratégia de redes sociais. Elas continuam sendo uma ótima forma de pequenas e médias empresas encontrarem o seu público e construírem conexões.

Posts relacionados:

Metade dos americanos já ouviu um podcast

Há um mês, comentamos aqui no resumão que o Spotify estava investindo em podcasts. Uma nova pesquisa sobre os hábitos de consumo de conteúdo em áudio nos Estados Unidos, divulgada nesta semana, mostra que a companhia está no caminho certo.

tom hanks

Pela primeira vez, mais da metade dos americanos afirmam já ter escutado um podcast. Isso dá um total de 144 milhões de pessoas, 20 milhões a mais que na última pesquisa, quando a porcentagem ficou em 44%. “Ah, mas decerto foi só uma vez”, você pode pensar.

Na verdade, a frequência também está em alta: 32% escutam podcasts mensalmente, enquanto 22% o fazem semanalmente. Esses mais constantes ouvem, em média, 7 podcasts por semana. Você pode ler todos os resultados neste link.

Por aqui ainda não temos um podcast, mas já lançamos a Audioteca RD, com nossos melhores conteúdos em formato de áudio.

Posts relacionados:

Investimentos em anúncios digitais vão superar os tradicionais nos EUA em 2019

Outro milestone interessante que será atingido em 2019 tem relação direta com Marketing Digital. De acordo com uma pesquisa da eMarketer, esse é o ano em que os gastos em anúncios exibidos em meios digitais vai superar os feitos em meios tradicionais.

don draper caindo

O grosso da grana, um total de quase 130 bilhões de dólares, ainda vai em sua maioria para o Google e o Facebook. Porém, a Amazon terá um aumento de 50% no seu naco, mostrando que é um player forte para os próximos anos.

Outro dado interessante é que, do total investido em digital, 87 bilhões de dólares vão para ads em dispositivos mobile. Tem que ver se esse cenário vai mudar no futuro, levando-se em conta o que falamos ali em cima sobre o Facebook. O que você acha?

Posts relacionados:

Falta menos de um mês para o RD on the Road 2019

A temporada 2019 do RD on the Road, maior evento itinerante de Marketing Digital e Vendas do Brasil, começa em menos de um mês! A primeira parada será em Belo Horizonte, no dia 3 de abril. Ainda passaremos por Rio de Janeiro, Porto Alegre e São Paulo até o mês de junho. Para saber mais e garantir o seu ingresso, clique no banner:

Marcadores:

Deixe seu comentário