Como implementar o Inbound Marketing na área da saúde + 3 dicas práticas

Confira o passo a passo de como fazer Inbound Marketing na área da saúde, e saiba quais são as ferramentas fundamentais para uma estratégia de sucesso


Prefere ouvir o post? É só clicar no player abaixo:

 

 

Quando precisamos contar com algum tipo de serviço ou produto relacionado à saúde, seja um médico especialista, clínica ou qualquer outro, qual a primeira coisa que fazemos para encontrar a melhor opção? Se não chegar nenhuma indicação, o caminho é buscar no Google, certo? Nesse caso, você vai encontrar quem faz um bom trabalho de Inbound Marketing na área de saúde.

Inbound Marketing é um conjunto de ações e estratégias de Marketing Digital que juntas tem o objetivo de atrair e converter clientes. Para isso, é preciso contar com conteúdos relevantes para o público de cada empresa. Isso significa que, diferente do Marketing Tradicional, a empresa não vai atrás de clientes, mas explora canais como mecanismos de busca, blogs e redes sociais para ser encontrada.

É por isso que muitos profissionais e serviços relacionados à área da saúde têm investido cada vez mais nessa estratégia. O posicionamento online é fundamental para superar a concorrência e ser encontrado nas ferramentas de busca e outros canais, como é o caso das Redes Sociais, a exemplo do Instagram e do Facebook

Mas como será que uma empresa, que atua como fornecedora de serviços de saúde ou de produtos para outras instituições relacionadas à saúde, pode começar com Inbound Marketing?

Aqui vamos trazer algumas dicas e o passo a passo para você implementar o Inbound Marketing na área de saúde. Você verá que conhecendo o caminho e usando as ferramentas certas, é possível alcançar ótimos resultados.

Guia Definitivo do Inbound Marketing

Quer entender o que é e como funciona o Inbound Marketing? Baixe este eBook e aprenda, de forma simples, como essa estratégia pode ser aplicada no seu negócio

- Ao preencher o formulário, concordo * em receber comunicações de acordo com meus interesses. - Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de privacidade. * Você pode alterar suas permissões de comunicação a qualquer tempo.

Passo a passo para fazer Inbound Marketing na área da saúde

Seja em seu consultório, academia, clínica ou outro serviço de saúde que você trabalhe, saiba que os passos a seguir podem ser aplicados a partir de agora.

Em resumo, eles passam por uma série de etapas:

  • Definir o que quer alcançar com o uso do Inbound Marketing na área da saúde;
  • Criar e usar Personas;
  • Pesquisar as melhores palavras-chave e executar ajustes de SEO;
  • Criar, distribuir e promover conteúdos relevantes;
  • Produzir páginas de captura para criar uma base de contatos;
  • Nutrir os contatos por meio de campanhas de Email Marketing;
  • Gerar engajamento nas Redes Sociais com o seu público.

Vamos apresentar agora os detalhes de cada uma e indicar o melhor caminho para aprender tudo que precisa sobre elas.

inbound marketing na área de saúde

1º – Defina os seus objetivos

A aplicação do Inbound Marketing só é eficaz se você traçar um objetivo para ele. Pare um pouco e pense: qual é o seu? O que seu consultório ou clínica médica está precisando alcançar ou melhorar?

Pode ser qualquer coisa: desde aumentar o número de atendimentos ou clientes, elevar os índices de satisfação dos pacientes, até consolidar o relacionamento com eles.

A partir dessa definição, fica mais fácil encontrar as estratégias para ter o retorno esperado. Nesse caso, um bom planejamento já é meio caminho andado.

Para entender como definir esses objetivos e traçar seu planejamento, acesse o [Kit] Como Montar um Planejamento de Marketing Digital. Ela ajuda a desenhar um plano efetivo com todas as ações de Inbound Marketing que veremos a seguir.

2º – Defina o perfil do seu cliente

Você também precisa saber com quem quer se comunicar, ou seja, definir quem é seu público. Nenhuma comunicação na área da saúde é eficaz se não souber para quem ela é dirigida.

Portanto, pense em qual é o perfil do paciente que você tem e/ou quer ter. Visualize quem são essas pessoas, dê nomes para elas e identifique quais os principais interesses. Tente torná-la o mais real possível. Quanto melhor você conhecê-la, mais eficaz será a comunicação com ela.

Para colocar isso em prática, acesse agora os materiais de apoio:

3º – Agora trabalhe o conteúdo e SEO

Você pode conquistar a atenção do seu público oferecendo a ele informação de qualidade, por meio do Marketing de Conteúdo. Mais adiante neste post, abordamos a questão do que pode ser divulgado de acordo com guias e manuais do CRM.

Hoje as pessoas buscam entender o que pode estar acontecendo com elas fazendo, primeiro, uma pesquisa nas ferramentas de busca. Basicamente, todos nós usamos o Google para encontrar respostas para dúvidas ou locais que possam atender uma necessidade específica. Isso não é diferente na área da saúde.

Por isso, ofereça informações que são mais procuradas em conteúdos publicados no seu site, de um jeito que a busca online as faça encontrar a sua página antes de qualquer outra.

Para isso, precisamos encontrar as palavras-chaves certas e fazer uso das técnicas de SEO, que trabalham para posicionar esses conteúdos produzidos nas primeiras posições dos resultados de busca. É importante aparecer com destaque no topo das pesquisas – nas 3 primeiras posições – porque é lá que mais de 70% das pessoas clicam.

Que tal começar a colocar esse plano em prática? É só acessar o [eBook] Guia completo do SEO. Neste guia você vai conferir como otimizar as páginas e a estrutura do seu site, receber links e muitas outras dicas para produzir seus conteúdos com qualidade.

4º – Conte com as Landing Pages para criar uma base de contatos

Ok, já temos um objetivo em mente, sabemos qual o público certo e também começamos a desenvolver conteúdo para eles. Mas só esses elementos não são suficientes para manter um relacionamento direto e contínuo com sua audiência. Precisamos captar os contatos desse público para dar o próximo passo.

Nesse caso, o melhor caminho é contar com as Landing Pages: são páginas de captura com todos os elementos voltados à conversão do visitante em Lead. Também são conhecidas como páginas de aterrissagem ou páginas de conversão.

Com uma estrutura que soma visual, conteúdo e formulário, você consegue entregar algo de valor em troca da conversão nas páginas. Então a dica aqui é acessar o [eBook] Como criar uma Landing Page. Ele destaca tudo que você precisa para aprender, as melhores práticas e exemplos de páginas com altas taxas de conversão.

5º – Comece a nutrir os contatos através do Email Marketing

O canal de Email Marketing é um dos mais efetivos quando falamos da estratégia de Inbound Marketing na área da saúde. Conseguindo usar as Landing Pages para captar os emails do seu público, você já tem em mãos uma audiência qualificada para trabalhar a comunicação através desse canal.

Na área da saúde, um objetivo comum é construir uma reputação, ter credibilidade e manter o relacionamento com a base interessada nos produtos e serviços. Nesse caso, o Email Marketing é a melhor opção para fazer essa construção de forma direta.

Para saber tudo sobre o tema e aprender a criar modelos de email efetivos, confira as dicas de materiais complementares:

6º – Fortaleça o posicionamento da marca nas redes sociais

Como último passo, mas não menos importante, está o posicionamento nas diferentes redes sociais. Claro que hoje existem diferentes opções que uma empresa pode trabalhar, então foque naquelas que o seu público mais utiliza. Essa informação vai aparecer no momento que desenvolver seus perfis de personas.

Contudo, quando começamos a ganhar seguidores e curtidas nas redes sociais, é importante pensar também como converter esse público em clientes. O principal ponto é planejar como dar esse passo.

Para conhecer os passos específicos para ter sucesso nas redes, confira o [eBook] Estratégias para Redes Sociais: são 8 passos para ir além dos likes e tornar suas redes lucrativas.

Agora o seu papel é somar todas essas ações em um planejamento e estratégia unificada. Não deixe de conferir os materiais de apoio indicados para conseguir implementar cada etapa no seu processo de Inbound Marketing.

7º – Utilize uma ferramenta de Automação de Marketing

Com o passo a passo que vimos até aqui, você vai conseguir ter uma boa visão do que é necessário fazer para implementar as principais estratégias de Inbound Marketing. Mas sabia que existem ferramentas disponíveis para auxiliar você no momento de colocar tudo em prática?

A principal delas é o RD Station Marketing, uma ferramenta tudo em um para permitirá que você não apenas execute campanhas de divulgação em diversos canais, mas também consiga analisar o retorno obtido com cada ação e aplicar tudo que vai conferir aqui através de funcionalidades como:

  • Criação de Landing Pages e análise das métricas de visitantes e conversões;
  • Criação e envio envio de Email Marketing, com análise de métricas como taxa de abertura e taxa de clique;
  • Desenvolvimento dos fluxos de nutrição através da Automação de Marketing;
  • Segmentação de Leads para melhorar suas campanhas e o relacionamento com clientes;
  • Análise dos resultados e performance dos canais de Marketing com o dashboard principal;
  • E muito mais!

Então, aproveite para começar seu teste grátis do RD Station Marketing (sem precisar cadastrar cartão de crédito) e dê o próximo passo para gerar mais vendas, independente do tipo da sua empresa na área da saúde:

3 dicas para usar o Inbound Marketing com sucesso

Além de conhecer o passo a passo, é importante conferir mais essas 3 dicas extras que vão ajudar a alavancar seus resultados.

1. Conheça o Código de Ética da sua profissão

O sucesso das estratégias indispensáveis do Inbound Marketing dependem do conhecimento de alguns conceitos e de algumas definições que, inclusive, fazem parte e servem para direcionar o planejamento.

Um deles é saber o que o Conselho Federal de Medicina (CFM), no caso dos médicos, ou o Conselho da sua profissão da saúde, permite e proíbe em termos de divulgação.

Você deve conhecer e respeitar as normas éticas relacionadas à publicidade para evitar futuros desconfortos. Por isso, confira o Manual de Publicidade Médica, que contém todas as normas, incluindo modelos de anúncios para usar nas ações online.

2. Turbine as campanhas com mídia paga

O que também pode ajudar a alavancar seus resultados são os links patrocinados. Já ouviu falar deles? Caso não tenha ouvido, provavelmente já os viu quando você próprio fez uma busca no Google para encontrar algo de seu interesse.

Em suma, são os resultados da pesquisa que aparecem na busca do Google antes dos demais links. Eles contêm uma tarja com a sigla “Anúncio” para diferenciá-los, pois são anúncios pagos por quem quer aparecer entre as primeiras opções de pesquisa do buscador.

No Facebook, Instagram e outras Redes Sociais, costumam aparecer na sua timeline como “publicação patrocinada”.

Nesse caso, quando precisa alcançar mais pessoas em pouco tempo, é possível fazer os investimentos para ter a veiculação desses anúncios nesses canais. E para entender melhor essa estratégia, recomendamos a leitura do Anúncios em redes sociais: o guia para começar a anunciar.

3. Mensure os resultados e ajuste o plano

Feito tudo isso, é hora de saber se sua estratégia está funcionando, não é mesmo? Para mensurar os resultados, você pode fazer isso por meio de ferramentas como o Google Analytics, que fornece todas as informações de acesso nas suas páginas, ou o próprio RD Station Marketing, que conta com um dashboard integrado.

Já com o cálculo do ROI (sigla em inglês que significa Return On Investiment ou Retorno sobre Investimento) conseguimos medir qual o retorno financeiro em cima de tudo que é investido nas ações de Marketing.

Lembre-se que o objetivo de qualquer análise é indicar onde é necessário fazer ajustes. Por isso recomendamos que mensalmente analise os resultados a fundo e, trimestralmente, reavalie seu planejamento de Inbound Marketing para colocar em prática as modificações que a mensuração dos resultados podem ter apontado como relevantes.

Para colocar isso em prática, recomendamos que utilize o Template de Relatório Mensal de Marketing Digital.

Quais as competências necessárias para um bom trabalho de Inbound na área da saúde?

Para um bom trabalho de Inbound, é importante que você tenha uma equipe que reúna as competências básicas para executar o planejamento. Dentro do time, cada empresa pode contar, por exemplo, com pessoas fazendo o papel de analista, designer, social media, programador, estrategista e um gestor.

Talvez antes mesmo de fazer uma primeira tentativa de aplicar o Inbound Marketing na área da saúde em que atua, já considere o que será mais eficiente no momento: contratar uma agência de marketing ou realizar as ações internamente.

Existem agências que atuam exclusivamente na área do marketing para saúde. Então pondere, com calma, sobre as possibilidades. Escolha aquela mais adequada ao seu propósito e que ajude a alcançar os resultados que precisa, olhando também para os custos.

Uma boa dica é começar com o curso de Introdução ao Inbound Marketing da RD University, que é gratuito e com certificado. Ele traz todos os detalhes da metodologia de Inbound Marketing, das etapas do funil de marketing e dicas de como usar as estratégias aplicadas a cada uma das etapas desse funil: atrair, converter, relacionar, vender e analisar. 

Mas lembre-se que tudo que precisa para transformar a teoria em prática você encontra no RD Station Marketing! Comece o teste gratuito para começar a usar agora:

Este post foi escrito pela equipe da E-Saúde em 2016 e atualizado em junho de 2021.

Marcadores:

Deixe seu comentário

Comentários