Blog de Marketing Digital de Resultados

Instagram completa 10 anos com presentes e de olho no futuro

App completa sua primeira década lutando contra a concorrência do TikTok e querendo gerar mais vendas diretas

O Instagram completou 10 anos no dia 6 de outubro. Para comemorar, o app lançou um pacote com novidades para Stories e ícones antigos para os mais nostálgicos. Em relação ao futuro, o Insta se divide entre a batalha pela atenção contra concorrentes como o TikTok e as funcionalidades para virar referência em ecommerce.

Fora do mundo das celebridades, para a grande maioria dos usuários o Instagram é uma rede social para dividir momentos com pessoas queridas. Isso inclui também pequenas empresas, que veem nele uma possibilidade de divulgar seus produtos, serviços e até seus valores e causas.

Neste post, vamos falar sobre a primeira década do Instagram, relembrando alguns fatos. Vamos comentar também o que vem por aí nos próximos anos. E se você está querendo se aprofundar no app, pode acessar gratuitamente abaixo um material completo que acabamos de lançar com a mLabs. Continue lendo!

Kit Estratégias de Marketing Digital no Instagram

Não basta apenas estar na rede social, é preciso partir de determinados princípios para utilizá-la como parte da geração de receita. Saiba agora o que fazer.

Os primeiros 10 anos do Instagram

O Instagram foi criado 2010 pelo americano Kevin Systrom e pelo brasileiro Mike Krieger. Aliás, Krieger é responsável pela primeira foto postada no aplicativo. Veja abaixo que já havia uma certa pretensão artística em desafiar padrões, como a horizontalidade. O primeiro post de Systrom, por sua vez, mostra o pé da sua namorada e seu cachorro.

primeiro post do instagram

Àquela época, só havia aplicativo para iOS – o do Android só viria em 2012. Lembra disso, quando seus amiguinhos que tinham iPhone ficavam esfregando na sua cara que só eles poderiam ter o Instagram? Pois é, eu lembro de todos vocês, dos seus filtros e prometo me ving… Enfim, deixa para lá. Hoje tem até versão para desktop, bora superar isso aí.

Foi em 2012, também, que o Facebook pagou a módica quantia de 1 bilhão de dólares para ser dono do Instagram. Se hoje as aquisições entre as big techs viram rotina, saiba que essa compra de Zuckerberg deixou queixos caídos em todo o mundo. Systrom e Krieger ainda ficaram até 2018, quando foram substituídos no comando por Adam Mosseri.

Mosseri é quem assina o blogpost comemorativo de aniversário, aliás. Destaco, a seguir, um trecho de sua reflexão:

Tenho orgulho de nossas conquistas. Porém, também penso em como estamos nos projetando para o futuro. Neste momento, estamos testemunhando grandes transformações nas maneiras em que criamos e desfrutamos da cultura. Uma das mudanças mais profundas é a perda de poder de organizações em favor do indivíduo.

Agora, os atletas provavelmente são mais relevantes que seus times. Os artistas podem exibir seu trabalho sem precisar de galerias nem museus. Os músicos podem alcançar as pessoas sem o apoio de gravadoras. A cultura é o conjunto das histórias que contamos, e acreditamos que todos têm algo importante para dizer. Porém, geralmente, são os jovens e os criadores de conteúdo que iniciam discussões. Eles definem as tendências e mostram como será o futuro.

O que Mosseri fala não é mérito exclusivo do Insta, é claro. Ainda assim, certamente ele teve um papel nisso. A comunicação direta com o público é uma das qualidades das redes sociais, que permite que pequenos negócios tenham resultados, por exemplo. Também permite pressão social e problemas psicológicos para pessoas comuns, por outro lado, graças aos algoritmos.

>> Confira uma linha do tempo do Instagram no blog do app

Também não é possível acusar o Instagram de não tentar se reinventar. O fim da exibição dos likes nos posts foi um passo corajoso na tentativa de diminuir a busca incessante por aceitação. De quebra, fez muita gente repensar suas estratégias de marketing dentro do app. E o que falar do foco nos Stories, cópia do Snapchat que hoje sofre com o TikTok?

Presentes de aniversário de 10 anos do Instagram

Falando em Stories, foi dele que surgiram as mais recentes apostas do Insta: o IGTV, as lives e os Reels. E é nesse grupo aí que se concentram os principais presentes de aniversário preparados pelos programadores do aplicativo. Vamos ver a seguir quais são:

Melhorias no Reels

O Reels surgiu para enfrentar diretamente o TikTok. Assim, nada mais natural que “se inspirar” em algumas das features do concorrente para tentar ganhar espaço entre os criadores. Recentemente, os vídeos passaram a ter o limite de 30 segundos, 15 a mais do que era antes, além de facilidades para cortar e ajustar qualquer trecho.

Na semana de aniversário, os upgrades foram na parte de áudio, em que o rival chinês tem ótimo desempenho. Agora, quem fizer um Reel poderá salvar seus próprios áudios para usar novamente depois, além de acessar com mais facilidade uma biblioteca de sons que estão sendo mais usados ou que são sugeridos de forma personalizada.

Sua história nos Stories

Quem curte revisitar o passado não via nos Stories uma interface amigável. Agora, ficou bem mais simples: o usuário pode navegar em um calendário. Além disso, um mapa do mundo mostra os Stories que você marcou com localização geográfica. Em tempos de pandemia e isolamento, pode ser bom para matar a saudade de viagens, restaurantes e hasthags.

É só procurar no seu arquivo de Stories, como mostra a imagem abaixo:

arquivo de stories

Ícones antigos no seu celular

Outra brincadeira divertida para o aniversário é relembrar os antigos ícones do Instagram. Com uma feature escondida no menu de Configurações, é possível voltar ao clássico ou trocar as cores da imagem atual. Basta ir até o topo do menu e “forçar” para baixo, e aí você poderá escolher qual ícone quer deixar no seu celular.

instagram icons

Compras diretamente pelo IGTV

Desde 2019 já é possível fazer compras diretamente pelo Instagram – e há mais tempo ainda dá para linkar produtos diretamente em fotos e vídeos. Ao completar 10 anos, a rede social mostra que quer avançar como plataforma de ecommerce. Para isso, conta com a expansão de pagamentos online em países como o Brasil e com seus próprios produtos.

Na semana de aniversário, passou a ser possível fazer compras diretamente pelo IGTV, que é a mídia de vídeos longos do app. De acordo com um tuíte de Adam Mosseri, o objetivo é ter mais uma forma de monetização para marcas e criadores. E, em breve, será possível fazer o mesmo através dos Reels. Veja abaixo:

Sua empresa já está no Instagram?

Como podemos ver, o Instagram está trabalhando para que as pessoas passem mais tempo nele e as empresas vendam mais através de suas features. O seu negócio já tem uma estratégia para uma das redes sociais mais populares do mundo?

O Instagram está com 91 milhões de usuários no Brasil. Dados recentes mostram que 73% acompanham perfis de marcas. Para te ajudar a abocanhar uma parte dessa audiência, criamos o Kit Estratégias de Marketing Digital no Instagram em parceria com a mLabs. São 9 materiais para sua empresa gerar mais resultados.

E aproveitando o clima de comemoração pelo aniversário de 10 anos do Instagram, o kit é gratuito! Para pegar esse presente, basta preencher o formulário abaixo.

Kit Estratégias de Marketing Digital no Instagram

Não basta apenas estar na rede social, é preciso partir de determinados princípios para utilizá-la como parte da geração de receita. Saiba agora o que fazer.

Marcadores:

Deixe seu comentário

Comentários