Blog de Marketing Digital de Resultados

Notícias da Semana: Google revela as perguntas que você deve fazer para avaliar seu conteúdo

Mais uma vez, a empresa dá dicas sobre o que seus algoritmos levam em consideração para ranquear as páginas da internet

O post de hoje é sobre autoconhecimento. Mais especificamente, sobre o quanto você conhece a respeito do seu próprio conteúdo. Ainda mais especificamente, sobre o que a sua empresa oferece para o mundo através dos seus canais, sites e redes sociais. Sim, porque sabemos que você é uma pessoa de muito conteúdo.

david bowie

O bom é que você vai perceber que são perguntas bem relevantes, que ajudarão a mostrar se o seu blog tem o que é preciso para agradar os leitores. Ok, os critérios são do Google, mas a empresa já mostrou que tem muito apreço por textos escritos para humanos – e não para os seus robôs.

Também vale lembrar que, em breve, será difícil diferenciar humanos e robôs. Inclusive, recentemente, falamos aqui no giro semanal sobre uma vitória histórica no pôquer de uma inteligência artificial sobre grandes campeões do carteado. Se serve de consolo, algumas pessoas defendem que vivemos numa simulação de computador.

Enquanto não sabemos a verdade definitiva, e até mesmo para nos prepararmos para o domínio das máquinas, vale a pena ficar informado sobre as novidades de tecnologia e marketing digital. Assine a nossa newsletter para receber, toda sexta-feira, o melhor do nosso conteúdo! Sim, a gente fez as perguntas do Google, que virão a seguir.

As 20 perguntas do Google para você analisar o seu site

De tempos em tempos, o Google resolve dar dicas de como seu algoritmo funciona. Nunca é algo muito direto, embora historicamente os profissionais de SEO saibam quais fatores de ranqueamento importam mais. Nesta semana, um post no blog da empresa voltado para webmasters trouxe novas orientações sob o formato de perguntas.

Perguntas que, no caso, você deve fazer a si mesmo. São 20 questionamentos para que você avalie seu próprio conteúdo. Mas, não se preocupe: não é nada que leve a uma crise existencial! A ideia é usá-las paralelamente às orientações tradicionais para que seu site seja melhor avaliado pelos algoritmos.

O post do Google fala, principalmente, com gestores de páginas que estão preocupados com quedas nas páginas de resultados. Ele explica que isso pode ocorrer devido a uma gama de fatores e, também, que nada é definitivo. As tais 20 perguntas serviriam para que o webmaster avalie o que pode estar errado.

perguntas do google

Os questionamentos sobre o conteúdo foram divididos em 4 tipos. Veja todas elas a seguir:

Perguntas sobre o conteúdo e a qualidade

  • O conteúdo mostra informações, relatos, pesquisas ou análises originais?
  • Ele inclui uma descrição significativa, completa ou abrangente do assunto?
  • O material apresenta análises relevantes ou informações interessantes e originais?
  • Quando o conteúdo é baseado em outras fontes, você evita simplesmente copiar ou reescrever e adiciona valor e originalidade ao material?
  • O cabeçalho e/ou o título da página exibem um resumo descritivo e útil do conteúdo?
  • Você evita o uso de termos exagerados ou chocantes no cabeçalho e/ou título da página?
  • Esse é o tipo de página que você adicionaria aos favoritos, compartilharia com um amigo ou recomendaria a alguém?
  • Você esperaria ver esse conteúdo em uma revista, enciclopédia ou livro impresso?

Perguntas sobre o nível de especialização

  • O conteúdo apresenta as informações de maneira confiável, com indicação clara da fonte, evidências do uso de conhecimento especializado e dados sobre o autor ou site da publicação (como links para uma página de apresentação)?
  • Se você fizesse uma pesquisa sobre o site que produz o conteúdo, ficaria com a impressão de que ele é confiável ou amplamente reconhecido como uma autoridade no assunto?
  • O material é escrito por um especialista ou entusiasta que comprovadamente conhece bem o tema?
  • O conteúdo tem erros factuais que podem ser facilmente verificados?
  • Você confiaria neste conteúdo quanto a questões relacionadas às suas finanças ou sua vida?

perguntas do google

Perguntas sobre apresentação e produção

  • Há problemas de ortografia ou estilo?
  • O conteúdo foi bem produzido ou parece ter sido feito às pressas ou com pouco cuidado?
  • O conteúdo é produzido em massa ou de maneira terceirizada por muitos criadores? Ele está espalhado por uma grande rede de sites? Esses fatores costumam fazer com que a produção de páginas e sites específicos seja menos cuidadosa.
  • A página tem uma quantidade excessiva de anúncios que distraem o usuário ou interferem no conteúdo principal?
  • O material é exibido corretamente em dispositivos móveis?

Perguntas comparativas

  • O conteúdo oferece um valor significativo quando comparado a outras páginas nos resultados da pesquisa?
  • O conteúdo atende aos interesses dos visitantes do site, ou parece que o material só foi feito com o objetivo de melhorar a classificação da página nos mecanismos de pesquisa?

Bom, depois de todas essas perguntas do Google, só nos resta fazer uma avaliação profunda de nossos conteúdos. Não esqueça de visitar o post original, que tem umas indicações espertas de leitura sobre SEO.

Links relacionados:

YouTube muda as regras de verificação de canais

Continuando na família Google, a semana foi de anúncio bombástico do YouTube. Bom, ao menos para quem não vai mais se encaixar nos critérios para receber o selinho de verificação. Pois é, a coisa vai mudar. Antes, bastava o canal ter 100 mil assinantes — ok, a gente sabe que não é pouco — para fazer a solicitação e, possivelmente, ser aprovado.

O que mudou é que o YouTube vai focar em reconhecer canais de empresas, artistas e criadores de fato proeminentes, para usar a palavra usada no comunicado oficial. Quem não se enquadrar mais vai perder o selinho, mas poderá recorrer. E não haverá mais aplicação, quem vai decidir tudo é o próprio YouTube.

Por fim, o selinho vai virar algo como uma tag:

novo selo do youtube

Links relacionados:

Twitter testa permitir silenciar comentários

O Twitter sempre foi a “praça pública” das redes sociais. Essa características traz consequências boas e ruins. Se por um lado permite diálogos entre pessoas de todo o mundo, por outro permite que trolls de todo o mundo invadam conversas. Agora, será possível mitigar um pouco desses efeitos ruins.

A plataforma anunciou que está fazendo testes em dois de seus maiores mercados, Japão e Estados Unidos, para permite silenciar comentários em replies. Ou seja, você vai lá, posta alguma coisa, e um chato faz um comentário só para te irritar – ou algo mais grave, como uma ameaça ou um xingamento. Você poderá silenciar essa reply para todos que estiverem lendo a thread. Isso evita, também, um efeito manada de bullying, por exemplo.

Parece bom, né? Então por que não adotar a medida em definitivo? Porque a mesma coisa pode ser usada, por exemplo, para silenciar replies que desmentem uma fake news com uma checagem, por exemplo. Ou seja, nada é óbvio no mundo das redes sociais.

Links relacionados:

Saiu a agenda completa do RD Summit 2019

Assim como quem não quer nada e como se não fosse um big deal, saiu a agenda completa do RD Summit 2019! Agora você pode saber quem serão os palestrantes de cada um dos 3 dias, e em que horário eles vão falar. Lembrando que o maior evento de Marketing Digital e Vendas da América Latina acontece em Florianópolis, de 6 a 8 de novembro.

Ainda há ingressos à venda, tanto para os 3 dias quanto para cada um deles, separadamente. O melhor dos mundos é aproveitar a experiência completa, mas se você só puder vir em um dos dias, agora já pode priorizar quem quer assistir. Dê uma olhada na agenda completa e diga: quem você não pode perder de jeito nenhum?

Garanta seu ingresso agora mesmo! Basta clicar no banner abaixo:

rd summit 2019 1

Assista 7 palestras do RD Summit 2018 gratuitamente

Já que estamos falando em RD Summit 2019, que tal aquecer os tambores com 7 das melhores palestras da edição passada? E no conforto da sua casa? Ou no trabalho, se for tudo bem com a sua chefe? Então temos um novo material para você!

Você vai ter acesso a dicas acionáveis e estratégias de negócios, conteúdo, performance, mídia paga, Video Marketing, criatividade e Inbound avançado. São palestras exclusivas, com insights avançados e que podem fazer a diferença em sua empresa.

Para assistir agora mesmo, ou quando você tiver tempo, basta preencher o formulário abaixo!

Assista gratuitamente a 7 grandes palestras do RD Summit 2018

Aprenda com os experts do maior evento de Marketing e Vendas da América Latina, como Eric Santos, André Siqueira e Fabio Ricotta

Marcadores:

Deixe seu comentário