Blog de Marketing Digital de Resultados

Os 5 passos do copywriting para dobrar suas conversões, por Rafael Albertoni #RDSummit

Segundo o copywriter, atenção, conexão, problema, solução e oferta são os pilares para um copy de sucesso

Este post faz parte do RD Summit Live Show, a cobertura completa do RD Summit 2018. Além de artigos, teremos entrevistas com palestrantes, fotos, vídeos e mais durante os três dias de evento. Visite a página da cobertura e fique por dentro de tudo!

O copywriter e fundador da Sociedade Brasileira de Copywriting (SBCopy), Rafael Albertoni, apresentou na plenária do RD Summit os 5 principais passos para obter mais conversões com a técnica de escrita, que define como “a arte e a ciência de criar uma comunicação com o objetivo de gerar uma ação como resposta”.

rafael albertoni rd summit 2018

Atenção

“Sem atenção, qualquer coisa que você falar não vai dar certo”, diz. Para ele, é importante ter em mente que a estratégia de conteúdo precisa ser feita pensando na venda, não no conteúdo em si. E 80% da força de um bom copy está nesta etapa. São elementos como o título, que deve “fazer a pessoa parar tudo o que ela está fazendo para ler”. Outra dica é usar a “regra do um”, que consiste em falar de um assunto por vez para não desviar a atenção do leitor.

Conexão e identificação

Para que o leitor desenvolva conexão e identificação com sua marca é preciso apelar para a emoção. “Se as pessoas se conectam com a marca, elas compram; o ser humano age por emoção e justifica com lógica” explica. Isso pode ser feito com histórias e características que o interlocutor tenha em comum com o leitor, já que pessoas gostam de conversar com seus semelhantes.

Problema

Um bom copy também fala de problemas pelos quais a pessoa passou e que está passando para gerar identificação. E pode também olhar para o futuro, indicando problemas pelos quais alguém pode passar, caso não faça algo a respeito. Nesse último caso, o apelo é feito pelo medo.

Solução

“A melhor solução para entregar para seu cliente não é seu conteúdo, é o seu produto”, diz. Depois de identificar o problema do cliente, Rafael Albertoni diz que o copy deve informar o que o seu produto pode fazer pelo cliente em potencial. “Se enquanto vende você está resolvendo um problema, sua oferta precisa trabalhar em cima desse contexto para conseguir sucesso”, explica.

Oferta

De acordo com Rafael Albertoni, muitos copywriters têm medo de vender, seja por medo de descadastros por email ou de perder clientes. Mas, segundo ele, não deveria ser assim. O copywriter diz que os casos em que obteve mais descadastros foram também aqueles em que gerou mais resultados.

A melhor solução que você tem para entregar não é seu conteúdo, é seu produto; o conteúdo tem a única função de fazer sua empresa crescer. Cuidado para não entrar no jogo do Google e esquecer do jogo do seu negócio, pois sem venda nenhum negócio sobrevive.

Na hora de fazer a oferta, ele sugere dar garantias reais de que o produto funciona, por exemplo, “receba seu dinheiro de volta”, e incluir cases e depoimentos de quem já viu a solução funcionar na prática.



eBook + template - Como planejar um conteúdo eficaz

Um guia para estruturar eBooks e webinars e implementar de vez esse processo em sua empresa

Marcadores:

Deixe seu comentário