Blog de Marketing Digital de Resultados

Segmentação de Facebook Ads: como criar públicos e tipos de audiência

A segmentação de público em Facebook Ads permite maximizar o potencial das suas campanhas de Marketing e chegar a mais clientes

Você pretende melhorar o direcionamento do Facebook Ads? Quer aprender mais sobre como fazer uma segmentação do público que você alcançar?

Se esse for o caso, esse artigo vai lhe auxiliar muito! Segmentar e refinar seu público no Facebook irá ajudá-lo não só a atingir melhores resultados, mas também causará uma redução nos seus gastos com publicidade.

Nesse artigo, vamos mostrar como usar a segmentação do Facebook Ads, quais são e como criar os diversos tipos de público personalizados no Facebook Ads usando as segmentações.

Antes de mais nada, é essencial que seja definida a persona para a qual você pretende direcionar o conteúdo. Uma otimização em Facebook Ads será muito mais valiosa se você tiver clareza de quem deve ser o destinatário do seu conteúdo, não é mesmo?

Assista nossos webinars sobre Mídia Paga

Aprenda a atrair mais oportunidades de negócio e vendas com canais pagos como Facebook Ads, Google Ads, Native Ads e outros modelos de anúncio

Para que servem os públicos do Facebook Ads

Se por um lado a rede social é a maior do mundo e um canal excelente para encontrar e se relacionar com clientes atuais e em potencial, por outro, o crescimento do número de empresas disputando espaço por lá e a necessidade de gerar mais receitas fizeram com que o time de Zuckerberg limitasse cada vez mais o alcance orgânico das páginas de empresas, tornando o investimento em Facebook Ads praticamente obrigatório para quem quer impulsionar as publicações.

Como efeito colateral, a competição nos anúncios também aumentou e nem sempre eles funcionam bem e geram retorno positivo. É um requisito encontrar formas de conseguir mais efetividade ao apostar na estratégia.

Um caminho que pode trazer ótimos resultados é buscar justamente nas audiências customizadas e nas diferentes formas de usá-las uma atuação alinhada aos objetivos da sua empresa.

Os públicos personalizados no Facebook Ads permitem que sua empresa trabalhe no Facebook com um segmento de usuários que ela própria determina e delimita. Basicamente podem ser seus clientes, Leads ou várias outras opções.

Basta, no momento de criação de um anúncio, escolher a opção do público personalizado criado.

É possível fazer isso com o upload de uma lista de emails, IDs ou telefones, ou então com a instalação de um pixel do Facebook para selecionar aqueles que visitaram seu site, por citar alguns exemplos.

Tipos de público do Facebook Ads

Na seção Públicos no Gerenciador de Anúncios  é possível criar 4 tipos de segmentações de público no Facebook Ads:

1– Público personalizado

Em esta opção é possível segmentar com quem já tem um contato com a marca, sejam clientes ou visitantes do site ou aplicativo, seguidores ou pessoas que interagiram nas redes sociais da empresa.

publico personalizado facebook ads 

2 – Público semelhante

Também conhecido como Lookalike, esta segmentação do Facebook Ads permite chegar a novas pessoas que com características similares aos públicos que são do interesse da empresa, como públicos personalizados já criados.

publico semelhante facebook ads

3 – Público Salvo

Com os públicos personalizados ou semelhantes mais usados, podem-se criar públicos salvos para reutilizar eles junto com outros dados demográficos, de interesses ou comportamentos para fazer um direcionamento detalhado em anúncios futuros.

O direcionamento detalhado do Facebook Ads é uma opção que vai permitir refinar o público do anúncio, incluindo ou excluindo pessoas que tenham uma correspondência aos dados preenchidos como idade, cargo ou interesse.

O próprio Facebook da oferece algumas sugestões baseado nos públicos já criados.

publico salvo facebook ads

4 – Público de anúncio especial

Voltado para campanhas de anúncios de emprego, crédito e moradia, este tipo de segmentação de público do Facebook Ads usa informações de públicos já existentes, como os clientes mais importantes, para alcançar mais pessoas com comportamento semelhante e de acordo com as restrições de seleção de público dessas categorias.

publico anuncio especial facebook ads

Como criar públicos no Facebook Ads

Se você quer anunciar no Facebook, é útil analisar os diferentes segmentos de clientes que você possui no contexto da plataforma.

O Facebook possui ferramentas incríveis que permitem a criação de públicos-alvo personalizados de acordo com a sua lista de clientes, visitantes do site e envolvimento na rede social. Para saber mais sobre esses públicos-alvo, você pode utilizar a ferramenta Audience Insights.

É importante destacar que, a fim de proteger os dados do usuário, o Facebook não oferece informações sobre públicos que envolvam menos de 1.000 usuários. Por esse motivo, sempre mantenha essa medida mínima ao criar seus públicos.

Criar uma audiência personalizada no Facebook Ads

Para criar um público personalizado no Facebook, acesse a seção “Público” do seu Gerenciador de Anúncios do Facebook.

Em seguida, clique em “Criar público” e selecione “Público Personalizado” no menu suspenso.

tipos de publico facebook ads

Na sequência, você verá diversas opções para criar públicos a partir de duas fontes:

  1. Fontes próprias: como visitantes do site e de aplicativos, lista de clientes e pessoas que interagem em atividades offline
  2. Fontes do Facebook: pessoas que visitaram ou seguem as contas do Instagram ou Facebook, ou que interagiram com vídeos, formulários e eventos dessas redes.

A partir disso, é possível segmentar por tipos de públicos-alvo personalizados:

Criar um público personalizado de clientes e Leads

Se você deseja fazer o upload de uma lista de clientes ou Leads para criar uma audiência personalizada, selecione a opção “Lista de clientes”. O Facebook analisará esses contatos com a base de usuários da própria rede social e gerará um público-alvo com base nos dados combinados.

lista de clientes facebook ads

O Facebook disponibiliza duas opções para carregar essas informações: você poderá fazer o upload de um arquivo CSV ou TXT ou também copiar e colar esses dados.

Não é necessário possuir muitos dados dos clientes e Leads, bastando o fornecimento dos endereços de email.

Para melhorar e aumentar a sua taxa de correspondência com a tecnologia do Facebook, utilize o maior número de dados que puder, tais como o nome, código postal, número de telefone, dentre outros.

criar publico lista de clientes facebook ads

Ainda que seja útil obter uma visão holística da sua base de clientes, você pode buscar a segmentação de um tipo de cliente que pretende fidelizar. A maioria das plataformas de comércio eletrônico, como o Shopify, permitem o filtro de clientes pelo número de pedidos.

Criar o público-alvo com base no comportamento do visitante do site

Quem possui o pixel do Facebook instalado no site pode criar os públicos-alvo de acordo com o tráfego do site. Isso quer dizer que você pode definir regras para que o Facebook preencha os públicos de acordo com o comportamento das pessoas no seu site.

Para fazer isso, selecione a opção “Site”para configurar esse tipo de público personalizado.

publico site facebook ads

A partir daí, surgem algumas opções para definir a segmentação segundo esse critério. Veja e compreenda essas opções:

criar publico visitantes site facebook ads

A partir daí, surgem algumas opções para definir a segmentação segundo esse critério:

  1. Todos os visitantes do site
  2. Pessoas que visitaram páginas específicas
  3. Visitantes por tempo gasto

Agora, veja mais sobre essas opções:

Com base no tempo que as pessoas navegaram no seu site

Uma opção é segmentar o público que navega por mais tempo no seu site, que corresponde aos 5% a 25% dos usuários mais ativos.

É mais provável que esse segmento de público tenha mais interesse nos produtos da marca, lançamentos de novos produtos, produtos de assinatura ou pacotes de produtos.

segmentar publico visitantes site tempo gasto

Por óbvio seu objetivo não é ignorar os outros 75% dos visitantes do site. Dessa forma, use esse público de usuários mais ativos em conjunto com alguns dos outros métodos de redirecionamento que falamos nesse artigo.

Lembre-se de que, quanto maior o volume de tráfego em seu site, maior será a escala de alcance e os retornos que você vai ter.

Pessoas que visitam páginas de internet específicas

Você também pode definir regras de URL para segmentar visitantes de páginas da web específicas. É possível especificar a URL exata ou definir palavras-chave específicas.

Utilizar a atividade de navegação para o redirecionamento de público é interessante pois faz com que seja possível trabalhar na promoção de novos produtos para aquelas pessoas que visitaram coleções ou produtos similares.

Além disso, se você tiver novidades no lançamento de ofertas de produtos já existentes, é possível redirecionar usuários que viram o produto no passado e podem voltar a ter interesse no mesmo.

Se você tiver uma promoção específica para um produto ou coleção, esta é a maneira perfeita de informar os usuários interessados ​​sobre isso.

segmentar publico visitantes paginas especificas facebook ads

Pessoas que não visitaram o site após um certo período de tempo

Um teste que vale a pena desenvolver é a criação de um público composto por usuários que não tenham visitado o site dentro de um “x” número de dias.

Desenvolva uma promoção exclusiva para esse grupo de usuários para tentar fazer com que eles voltem a frequentar seu site. Analise os resultados e, se forem positivos para o seu negócio, poderá trabalhar com essa possibilidade em outros momentos.

Criar uma audiência construída com base no envolvimento do Facebook

Você pode criar um público abrangente que inclui qualquer pessoa que tenha se envolvido com sua página do Facebook ou suas postagens (incluindo anúncios) durante o último ano.

Para isso, clique em “Página do Facebook”:

criar publico seguidores pagina facebook ads

A partir disso você pode refinar seu público usando as seguintes interações de pessoas que:

  • visitaram sua página
  • se envolveram com as postagens ou anúncios da página;
  • clicaram em qualquer botão de chamada para ação;
  • enviaram mensagens para a sua página;
  • salvaram sua página ou posts.

Como essas audiências são baseadas em várias métricas de engajamento, elas são muito úteis para atingir aquelas pessoas que interagem no Facebook.

Se você quiser melhorar o alcance e o engajamento da sua página e do seu conteúdo, esta é uma segmentação de público poderosa.

segmentar publico pagina facebook ads

Criar públicos com base no envolvimento do Instagram

Igual que com uma fanpage do Facebook, a ferramenta oferece a possibilidade de criar audiências com os visitantes ou pessoas que interagem com o perfil, posts ou anúncios do Instagram.

Para isso, é necessário que a conta seja de uso profissional, como criadores de conteúdo ou do Instagram para negócios.

criar publico instagram facebook ads

A categoria, permite segmentar públicos baseados em pessoas que:

  • visitaram o perfil da conta;
  • se envolveram com as postagens ou anúncios;
  • enviaram mensagens para a sua conta;
  • salvaram seus posts ou anúncios.

segmentar publico instagram facebook ads

Se você estiver executando uma promoção interessante e quiser que as pessoas a conheçam, vale a pena segmentar um grupo de pessoas que se envolveram com suas postagens e anúncios no passado e que apenas se manifestaram, a fim de alcançar o maior número possível de pessoas dentro desse público.

Da mesma forma, se você estiver tentando gerar tráfego do site, atinja esse grupo de pessoas que já se envolveram com suas publicações em algum momento e utilize o CPC para maximizar os cliques no seu site.

Uma opção interessante é criar públicos personalizados para campanhas exclusivas  de cada rede social. Dessa forma, é possível segmentar públicos personalizados baseado no engajamento para campanhas separadas no próprio Facebook Ads.

Explore o Audience Insights para criar melhores segmentações de Facebook Ads

A ferramenta do Audience Insights  oferece diversas informações sobre dos usuários que podem brindar novas ideias no momento de segmentar públicos do Facebook. Quanto mais você sabe sobre esses usuários e seus clientes, melhor será segmentação criada.

Na página, você pode filtrar baseado em dados demográficos, mas também nas pessoas que já seguem a página:

audience insights para segmentar publico facebook ads

Você verá quatro categorias de dados:

  1. Demografia: idade e gênero, relacionamento, nível educacional e cargo;
  2. Curtidas na Página: principais categorias e páginas
  3. Localização: público por cidades e países;
  4. Atividade: frequência de comentários, curtidas, publicações compartilhadas e anúncios clicados, além de usuários por dispositivo.

criar publico facebook ads com dados audience insights

Com os dados fornecidos, você já pode ter uma melhor ideia sobre possíveis novos públicos para campanhas de prospecção nas quais você busca novos clientes, ou de refinar públicos já existentes.

É muito importante ter em conta principalmente os dados com menor performance como faixas etárias ou de cargo, para excluir das suas segmentações, tornando suas campanha mais eficientes.

Para conhecer mais, acesse o post sobre Audience Insights

Como usar a segmentação de Facebook Ads

Agora, vamos indicar 5 formas de se aproveitar das segmentações de público no Facebook Ads:

1 – Indicar ofertas de acordo com o estágio no funil e interesses

A gente sempre fala na RD sobre a jornada de compra e a automação de marketing como uma forma de entregar o conteúdo certo no momento certo, fazendo assim o Lead avançar ao longo do funil. Mas a automação não precisa resolver tudo sozinha.

As segmentações do Facebook Ads podem ser uma forma muito interessante de complementar os esforços e gerar taxas de conversão ainda maiores.

Você pode exportar listas de emails com base nos comportamentos de cada Lead (quais formulários ele preencheu, que emails clicou e etc) e separar em alguns grupos (como topo de funil, meio de funil, clientes, ex-clientes, por exemplo).

Depois é identificar uma oferta mais adequada para cada grupo e, ao invés de contar só com o email para entregar, anunciar via Facebook para essas pessoas.

É uma forma relativamente barata de despoluir o canal de email marketing e alcançar pessoas que talvez não vinham se engajando por lá. Aliás, fazer um segmento de pessoas que não abriram ou clicaram em seus emails recentemente é outra dica valiosa.

2 – Conversar com listas de email para as quais você não quer enviar um email

Imagine que você é patrocinador de uma feira de negócios do seu mercado e, como parte dos benefícios do patrocínio, tem o direito de receber uma lista com o email dos participantes.

Em geral, fazer um disparo de email pra essa lista comprada e que não te conhece tão bem, ao invés de uma adquirida organicamente, pode ser um grande tiro no pé. É provável que muita gente se sinta invadida e isso jogue contra a marca. Tecnicamente também é provável que surjam problemas: a interação com o email deve ser baixa e é natural que algumas pessoas marquem como spam. Isso vai sujar a reputação do seu servidor de envio e deve atrapalhar a entregabilidade dos próximos emails.

Já pelo Facebook, as pessoas estão acostumadas a lidar com publicidade e não sabem qual foi o critério usado pela segmentação (ninguém sabe que foi atingido por estar em uma lista personalizada). É mais aceitável usar esse canal para o primeiro contato com um público qualificado e a partir daí dar início ao relacionamento.

Há outros contextos em que a mesma ideia pode se aplicar. Ao invés de ficar só no co-marketing, por exemplo, é uma possibilidade trocar listas com um parceiro de negócios e tentar esse primeiro contato via Facebook.

Outra ideia, é exportar sua lista de contatos no Linkedin (ou de várias pessoas na sua empresa), segmentar e anunciar para elas como público personalizado.

3 – Encontrar pessoas com perfil semelhante

É fato que o Facebook conhece muito de nós e de nosso comportamento. Ele sabe para onde vamos, quantos anos temos, qual nosso status de relacionamento, que tipo de conteúdo nos interessa, que páginas curtimos e muito mais.

Que tal usar todo esse conhecimento para chegar ao seu público ideal? Você pode criar um público personalizado no Facebook normalmente (com emails, IDs, telefones e etc) e depois, a partir dela, criar outra lista de pessoas semelhantes ou lookalike (que explicamos antes).

Pense que você pode subir uma lista dos seus melhores clientes ou Leads, por exemplo, e o Facebook vai identificar o que eles possuem em comum e buscará por pessoas que tenham um perfil/comportamento semelhante.

4 – Excluir pessoas com perfil indesejado

Se os públicos personalizados são úteis para escolher em quem mirar, elas também podem ajudar a escolher quem tirar da sua mira.

Em determinada campanha, você pode usar as listas para, por exemplo, excluir quem é cliente ou excluir Leads que não atendam a um determinado critério.

É uma forma de economizar um pouco mais ao deixar de gastar com pessoas que não atendam aos objetivos da sua campanha.

Basta fazer um ajuste na tela de criação de anúncio: escolher “excluir” ao invés de “incluir”.

5 – Recuperar conversões com remarketing

Alguém visitou um post no seu blog e não baixou um eBook sobre o mesmo tema? Ou entrou na página do eBook e não preencheu o formulário? E aqueles que entraram na página de preços mas não compraram ou entraram em contato?

Essas pessoas chegaram perto do que sua empresa queria e muitas vezes o que precisam é de um empurrãozinho extra ou de alguns dias para amadurecer a decisão. É nisso que o remarketing no Facebook Ads pode ajudar.

Alcance novamente, dentro do Facebook, aquelas pessoas que visitaram determinadas páginas do seu site e maximize as chances de conversão. Para fazer isso é só clicar em criar público, escolher a opção site e depois seguir os outros passos indicados.

Será preciso instalar um pixel do Facebook em suas páginas para depois criar as regras de retargeting.

Conclusão

Com o Facebook Audience Insights é possível conhecer melhor as características dos seus segmentos de clientes mais valiosos para o seu negócio. Ao fazer isso, você poderá atender melhor às necessidades de audiências com potencial de compra.

A segmentação de públicos em Facebook Ads pode maximizar o potencial das suas campanhas de Inbound Marketing! Você pode segmentar as suas audiências de acordo ao estágio do funil e ainda encontrar novos públicos com características de interesse semelhantes, o que faz maior a chance do potencial de compra.

Se você quer se aprofundar ainda mais e entregar resultados ainda melhores com seus anúncios no Facebook, Google e muito mais, assista aos webinars da Semana de Mídia Paga. É só se cadastrar abaixo, é gratuito!

Assista nossos webinars sobre Mídia Paga

Aprenda a atrair mais oportunidades de negócio e vendas com canais pagos como Facebook Ads, Google Ads, Native Ads e outros modelos de anúncio

Post originalmente publicado em julho de 2018 e atualizado em agosto de 2020.

Marcadores:

Deixe seu comentário

Comentários