Blog de Marketing Digital de Resultados

Youtube: 12 dicas de SEO para alavancar o seu canal

Preparamos 12 dicas de SEO para o Youtube (separadas em 3 partes) para você aumentar a sua audiência, ganhar novas visualizações e ranquear os seus vídeos no Youtube.

Em vez de ler, que tal ouvir o post? Experimente no player abaixo:

 

 

Em maio de 2018, o YouTube chegou ao número de 1,8 bilhão de usuários logados mensalmente. Um ano antes, eram 1,5 bilhão – um crescimento de 20%. A cada minuto, 400 horas de novos conteúdos são subidas para a rede. Metade das visualizações são via mobile.

Todos os dias, as pessoas assistem um bilhão de horas de vídeos no YouTube. E sua empresa, já está aproveitando a rede para alavancar o seu negócio? Se para você estar no Facebook é normal, pense que ele é só por volta de 10% maior que o YouTube.

Se você quer começar, ou mesmo dar um up no seu canal, preparamos 12 dicas de SEO para o Youtube. Separadas em 3 partes, elas vão ajudar você a aumentar a sua audiência, ganhar novas visualizações e ranquear os seus vídeos.

Semana do SEO

Uma série de webinars com os melhores especialistas para saber como aparecer nas primeiras posições dos mecanismos de busca, aumentar seu tráfego e ganhar relevância na internet de maneira orgânica.

Como encontrar palavras-chave para vídeos

Antes de mais nada, é bom você saber que há formas bem fáceis de descobrir palavras-chave para ranquear melhor seus vídeos. O autocomplete, por exemplo: faça um teste na barra de buscas do YouTube, e ela automaticamente vai sugerir uma frase mais completa.

O interessante é que essas sugestões são baseadas nas palavras mais pesquisadas no YouTube, então avalie se você pode produzir um conteúdo a respeito. Pode haver uma palavra-chave dando sopa para a sua empresa e você nem sabe!

Outra dica é dar uma olhada nas tags utilizadas por concorrentes ou produtores de conteúdo que têm vídeos bem sucedidos sobre um assunto que você quer ranquear. Como o YouTube não mostra publicamente, você vai ter que dar uma espionada. É só apertar o botão direito do mouse e clicar em “Exibir código fonte da página”, depois dar um  Ctrl + F e buscar por keywords, que as tags aparecem.

Você pode encontrar mais ideias neste post da Backlinko. Outro post legal e cheio de dicas sobre o assunto é o que fala sobre a palestra do Camilo Coutinho no RD Summit 2018. Aliás, dê uma olhada na entrevista abaixo, quando ele falou com a gente durante o RD Summit Live Show!

Otimize seus vídeos

1 – Ajuste o nome do arquivo antes de subir o vídeo

O trabalho de otimização já começa antes mesmo de fazer o upload. A palavra-chave do vídeo deve ser inserida no nome do arquivo que vai subir para o YouTube. Se for uma expressão, você deve usar hifens entre os termos.

Vai ficar assim, por exemplo: “dicas-de-seo-para-youtube.mp4”. Esse procedimento facilita que a ferramenta entenda qual é o tema principal do seu vídeo.

2 – Crie um título

Você já se deparou com um vídeo com o título meio bagunçado? Deu vontade ver? Lembre-se que a experiência do usuário é muito importante para o SEO. O título é um dos pontos mais importantes do seu vídeo, pois é ele que vai informar aos motores de busca qual o conteúdo abordado.  

Lembre-se que, assim como no caso das imagens, o Google não “lê” o que está sendo falado nessa mídia. Então aproveite o limite de 100 caracteres! Inclua, sempre que possível, as palavras-chave no início

Se você achar necessário, inclua o nome da sua empresa no final. Por exemplo: “Dicas de SEO para Youtube – Resultados Digitais”. O motivo é que as pessoas procuram soluções na internet, e só depois buscam por marcas.

3 – Inclua uma descrição

Após o título, a descrição também serve para informar os motores de busca sobre o conteúdo do vídeo. E informar os usuários, também – nunca se esqueça da experiência do usuário!

O YouTube permite um total de 5.000 caracteres, mas só cerca de 150 deles vão aparecer nos resultados em uma pesquisa no Google. Essa ajuda é fundamental para incentivar o internauta a entender que você está abordando o tema que ele procura e levá-lo a clicar no seu vídeo. É na descrição, também, que você poderá dividir seu vídeo em capítulos, facilitando a navegação do usuário em tutoriais, por exemplo.

Portanto, para cada vídeo, escreva uma descrição única e relevante, com os destaques no começo. Outra coisa que indicamos bastante é incluir uma URL direcionando para o seu site ou Landing Page.

Procure inserir suas palavras-chave e o link logo no início da descrição. Assim como no título, as primeiras palavras possuem um peso maior que as últimas. Por isso, é bom planejar como preencher esse espaço.

Além disso, quando o visitante entra na sua página e o “mostrar mais” não for clicado, o link estará sempre visível.

4 – Faça o uso de Tags

As tags são fundamentais tanto para as indexações quanto para quem está em busca de um assunto no YouTube. Não confunda com as tags do WordPress, por exemplo, que têm pouca influência para mecanismos de busca.

Inclua palavras-chave para definir o vídeo, inclusive a principal, é claro. Seja claro e fuja da linguagem técnica ou complicada. A ideia é ser uma informação simples e direta para o usuário. O YouTube vai usá-las, também, para sugerir seu vídeo quando o usuário está assistindo produções de outros canais, concluindo que são do mesmo tema.

O YouTube recomenda até 120 caracteres, incluindo os espaços, no total. Isso pode dar até 15 palavras. Para uma busca mais exata, faça uso de termos de cauda longa – 3 ou 4 palavras, no máximo. Mas, quais tags usar no YouTube?

Uma ideia bem útil é procurar as tags usadas nos vídeos mais visualizados dos seus concorrentes e avaliar a inserção delas nos seus. Lá no começo do texto a gente falou como fazer, lembra? Vai um pouco no que falamos sobre sugestões de vídeos relacionados.

Além disso, sempre tenha em mente a ideia de criar as tags em relação ao título do seu vídeo.

5 – Transcreva seu vídeo na descrição

Deixe a preguiça de lado e transcreva o conteúdo do seu vídeo e cole na descrição. Isso fará com que as pessoas que não derem o “play” possam consumir o seu conteúdo da mesma forma.

Em geral, não será preciso muito esforço. Se você produziu um roteiro antes de filmar, formatá-lo ao espaço disponível na descrição. Isso também vai ajudar o Google indexar seu conteúdo mais rapidamente e, consequentemente, melhorar o seu SEO.

Confira também algumas dicas em vídeo de como otimizar seus conteúdos no YouTube. As dicas em vídeo são diferentes das dicas do post! É só clicar no play abaixo:

Formas para engajar o usuário no seu vídeo

6 – Faça boas thumbnails

São as imagens estáticas que aparecem no seu vídeo antes do play. O YouTube sugere automaticamente “thumbnails” de um quarto, metade e três quartos do vídeo. Você também pode subir uma imagem personalizada. Ao postar, é possível escolher qualquer uma dessas opções para fazer a “capa”.

Os thumbnails têm uma grande influência se um vídeo é ou não aberto para visualizar. Procure deixar uma capa que venda bem o seu conteúdo, que seja atraente e mostre que tem a qualidade esperada pelo usuário. Uma boa ideia é capturar um frame e inserir o título em caracteres.

7 – Comentários no vídeo

A ideia é incentivar a interatividade através de comentários. Para estimular uma conversa e a participação, mantenha a opção de comentários aberta. Por isso, fique atento para evitar discussões fora do contexto, spammers e comentários maldosos.

Procure conversar com seu público, insira vídeos como respostas ou relacione outros ligados ao tema. Quanto mais interatividade, melhor. E não tenha medo de críticas, procure entender e oferecer uma resposta satisfatória.

8 – Compartilhar e Incorporar

O Youtube disponibiliza o compartilhamento para a divulgação nas mais diversas redes sociais. Dentro do vídeo, você pode incentivar o usuário a fazer essa ação.

Já a incorporação faz com que seu vídeo possa ser indexado a blogs e outros sites. Leve seu vídeo tanto para suas URLs quanto a de parceiros. Lembre-se, tenha pertinência e sempre crie uma chamada para a propagação do seu vídeo.

Quanto maior a divulgação, maior são as chances do seu vídeo ser visualizado e maior a chance de ranqueamento no Youtube.

“Gostar” do vídeo, “Adicionar aos favoritos”, “Incluir em Listas de Reprodução”, “Links” para o vídeo também são fatores importantes para engajamento e ranqueamento no Youtube.

Dê relevância ao seu canal

9 – Idade do canal e do vídeo

O tempo de vida – tanto do canal quanto do vídeo – conta como fator de ranqueamento para o YouTube. Geralmente, quanto mais tempo existe um vídeo, maiores são as chances de se ter mais visualizações, interatividade e, por consequência, maior ranqueamento.

Isso não quer dizer que suas produções precisem viralizar. É comum esse comportamento de crescimento ser gradual, portanto trabalhe e divulgue sempre que possível. O resultado de audiência virá com o tempo, não caia na tentação de se comparar com fenômenos pop e youtubers profissionais, por exemplo.

10- Duração do vídeo

No Youtube Analytics o campo de “Retenção de Público” mensura durante quanto tempo seus vídeos conseguem manter o interesse da audiência.

Veja em que ponto médio seu público perde o interesse e mantenha uma média para novas produções. Verifique o que há em comum nos pontos de desistência e trabalhe seu conteúdo para torná-lo ainda melhor.

11 – Inscritos no canal

A frequência de novos vídeos incentiva as pessoas a se inscreverem em seu Canal no Youtube. Você só assina algo se sabe que vai continuar recebendo conteúdo, certo? Portanto, não decepcione que quer receber suas novidades.

Mantenha uma produção constante para que seu público entenda sua frequências de uploads e novidades no canal. Isso faz com que muitos usuários se inscrevam e recebam automaticamente as suas novidades.

12 –  Visualizações do canal

O Google considera cada vez mais importante o número de visualizações de cada vídeo. Além disso, quanto mais visualizações, maior é a impressão para o usuário de que o vídeo possui qualidade ou relevância.

Outro ponto é que isso favorece uma melhor análise através do Youtube Analytics para estudar o desempenho do vídeo e do canal. Lembre-se: quanto mais informações, melhor você vai entender seu público

Conclusão

Vídeos são uma ótima opção para produzir conteúdos relevantes para todas as etapas da jornada de compra de um cliente – desde conteúdos mais abrangentes até os propriamente focados em seu serviço ou produto.

Quando você começa a investir em vídeos, sua autoridade sobre seu nicho aumenta e a credibilidade também. Através desse posicionamento, o seu conteúdo atrai uma audiência qualificada aumentando as chances de conversão.

Se você se interessou em saber mais sobre otimização para mecanismos de busca, inscreva-se na Semana do SEO! Basta preencher os dados abaixo para assistir, gratuitamente, a 7 webinars ao vivo.

eBook gratuito: Vídeos no Marketing Digital

Saiba como uma estratégia de vídeo marketing pode revolucionar o seu funil de vendas

Esse post foi publicado originalmente em maio de 2015 e atualizado pela última vez em janeiro de 2019.

Marcadores:

Deixe seu comentário

Comentários

64 comentários

  1. Magda Moreira

    Estou amando esse assunto,pois eu só achava que tinha Seo para os blogs.
    Suas dicas foram matadoras!! Obrigada!!
    http://www.agendadosblogs.com.br/

  2. Felipe Kazuto

    Eu aplico todas essas dicas e realmente da certo, e oque também ajuda é ter qualidade nos vídeos para poder reter o publico, muito importante, aqui tem umas dicas https://www.youtube.com/watch?v=4rNJM70ntxg

    1. Daniela

      Como fazer por favor?

  3. detalhar

    Gostei do post, muito interessante! Como já tenho bons conhecimentos de SEO, fica fácil aplicar para vídeos no Youtube. Show de bola! Parabéns. Nossa agência trabalha com desenvolvimento de sites http://www.detalharweb.com.br e agora estamos estudando Youtube e como podemos evoluir juntos. Obrigado. Deus abençoe!

  4. KamikazeMV

    Comentarios americanos não aparecem nos meus videos, só nas minhas notificações. Tem alguma configuração para fazer eles aparecerem?

  5. Markooz - Games&Trivias

    Boas dicas! Uma outra dica é colocar ?sub_confirmation=1 ao final da url do canal sempre que divulgá-lo em algum lugar. Assim os visitantes serão “estimulados” a se inscreverem ao visualizar teu canal.

  6. Lucas Teixeira

    Estou lançando um canal no Youtube onde eu e minha esposa estamos mostrando nosso dia a dia vivendo dentro de uma Kombi. Estou tentando seguir as dicas deste post para melhorar o ranqueamento dos vídeos. Gostaria de saber a opinião de vocês quanto ao nosso primeiro vídeo: https://youtu.be/28t3k2cJzfE

    1. Rosimeire Teles Nunes

      Gostei muito. Boa sorte para vocês.

  7. Samuel Rocha Vieira

    “Youtube: 12 dicas matadoras de SEO para seus vídeos” Cadê as dicas de SEO?

  8. Tiago Matos

    Opa, parabéns pela matéria. Duas questões: atualmente faço videos para o youtube sobre programação e pretendo extender para o idioma Ingles. Aí surgiu a dúvida se eu utilizo o mesmo canal para tal ou crio outro separado somente para o Ingles?

    Segundo, no meu caso eu não sou empresa, sou um desenvolvedor web que compartilho conhecimentos. O que é mais relevante: utilizar meu nome pessoal como o nome do canal ou criar um nome fantasia. Vejo que alguns dos canais mais famosos que sigo eles utilizam um nome fantasia mesmo embora seja apenas uma pessoa por detrás. Mas, vejo em outros casos, em outras áreas, que a pessoa leva como o nome pessoal e tem muito sucesso.

    Dúvida, cruel hehehe!

    Abs e obrigado

    1. Ewerton Silva

      Fala @tiagomatosweb:disqus, beleza?

      Sobre a primeira dúvida, como você pode determinar o idioma de cada vídeo, dá para trabalhar só com um canal, principalmente por que se você tiver um para cada idioma, você vai precisar construir duas audiências em paralelo, uma para cada canal. Se você tiver só um canal, terá os dois públicos reunidos, o que vai possibilitar um aumento na sua visibilidade.

      Porém, caso seu plano seja fazer o mesmo vídeo, porém em outro idioma, recomendo dois canais, para não ficar com conteúdo repetido no canal, o que pode prejudicar sua reputação com seu público, principalmente os inscritos.

      A sua segunda dúvida acredito que é uma escolha mais pessoal. Você quer ser considerado uma autoridade no assunto, um profissional de destaque da sua área? Então é mais interessante explorar seu nome no canal. Já se você vai criar uma empresa e o objetivo no final das contas é obter clientes, ter um nome de empresa faz muito sentido, principalmente para sua marca se tornar uma autoridade para os usuários.

      Consegui te ajudar?

      Abraço e ótimo ano :)

  9. Thiego Sena

    Parabéns, muito didático!

  10. Orlando Fernandes de Paula

    Olá, gostaria de saber se quando um vídeo é incorporado a um blog (embed), as visualizações pelo blog são contadas normalmente como visualizações do vídeo no Youtube?
    Obrigado.

  11. Kennio Soares

    Quando clico para enviar o e-book, está dando ero

    1. Ewerton Silva

      Já corrigimos o problema, @kenniosoares:disqus. Obrigado pelo aviso :)

  12. Rosimeire Teles Nunes

    Ainda estou meio confusa com os termos. Mas estou achando extremamente uteis as informações. A apresentação é bem didática.
    Parabéns.

  13. catarinevieiraoficial

    Muito bom conteudo.

  14. ALTAMIR ANTÔNIO ROSA ARALDI

    Tenho um Vídeo do Youtube recém publicado com 16 visualizações. O YoiuTube deu a opção de compartilhar após o processamento do vídeo nos Sites Redes Sociais como o Linkedin que tenho mais de 5mil seguidores. Pois bem, tenho no Linkedin 123 visualizações, mas estas não sendo computadas no YouTube. Por que será?

    1. MeloneBox

      infelizmente, o linkedin não “atrela” ao youtube. Por essa ‘integração’ que visualiza já no linkedin o mesmo vídeo do youtube.

  15. Nicole

    Pode ser útil:
    https://k-meta.com/suggestions?suggtype=youtube – uma ferramenta gratuita que coleta palavras-chave de preenchimento automático do YouTube.
    Isso me ajuda muito ao pesquisar um nicho.

    1. MeloneBox

      obrigadaaaaaa

  16. morarnagringa

    Na época do post poderia até ser verdade que o Youtbe não lia imagens e nem ouvia. Eu publiquei um vídeo com uma thumbnail escrito: “Cabaret e a noite de Paris” e 1 segundo, vídeo desmonetizado. Como ainda não tinha lançado ao público, apaguei o video, subi de novo, outra thumbnail com “Noite em Paris”. Foi de boas, sem stress. O vídeo nem tinha nada demais, só falando das casas de Cabaret bem como passeio na noite de Paris, até porque não se pode filmar dentro dos Cabarets e portanto, não tinha conteúdo impróprio mas vai explicar isso pro Youtube. É igual se chamar John Connor e tentar explicar pro Externinador do Futuro que é inocente! hehe. Ainda, agora também tive vídeo com conteúdo desmonetizado por falar coisas não familiares e fui descobrir e foi a frase: ” a conta do restaurante foi uma facada no coração” Pronto, o youtube classificou como conteúdo violento. Retirado o trecho e subi o vídeo de novo, sem problemas. Agora o youtube nos escuta meus amigos, eheh!

    https://www.youtube.com/watch?v=jM2-iGi3CHc

  17. washington

    legal o conteúdo estou um vídeo sobre seo falando como posiciona-lo quem quiser conhecer o canal e gostar se inscreva ok bom dia todos :https://www.youtube.com/watch?v=es_zM_1KcKo

  18. Fernanda Fernandes

    Para que serve o # (sustenido ou hashtag) na frente do nome do vídeo?

  19. Deco Trader

    como faço para saber para quais palavras chaves meu video esta ranqueado. Tem alguma ferramenta paga ou gratuita. obrigado

  20. Bélit Araújo

    Realmente ótimas dicas para alcançar mais views e inscritos. Parabéns.

    Queria saber mais sobre tags do youtube e facebook. Faz um artigo sobre esse assunto.

    Bélit Araújo
    belitaraujo.com.br

  21. Alex Galvão II

    …………………………………………………Gostii

  22. Rogerio Silva

    Muito boa esta matéria. Com certeza vai me ajudar muito nas próximas publicações de vídeos.
    http://metaconcursopublico.com.br/

  23. ReadiiXot_Canal_Universality

    Eu tenho uma baita dúvida quanto a tags de canal de gameplays, as tags que uso para meu canal sao bem poucas, por exemplo: readiixot, jogadores honestos, canal de jogos, gameplays. E SÓ! queria saber se alguem colocar mais algumas tags que ajude ao canal ter mais chances de ser encontrado! obg!

  24. victor jose carretero

    por deus divulguem bastante deus abençoe vocês abraço

  25. victor jose carretero

    https://www.youtube.com/watch?v=Y7ONwZ338bo quero urgênte achar essa pessoa, pelo amor de deus coloquem em analise esse video divulguem deus os abençoe vocês. Abrços

  26. hery

    Como faco para postar videos longos no youtube

      1. Hevogan Oficial

        legal essa dica cara parabens

    1. Micileide Soares

      é preciso verificar a conta através de um numero de telefone.ver nas configurações

  27. Mateus Agostini

    Olá. Uma dúvida. Quero usar vídeos no meu canal do youtube que já foram postados lá por outro canal. Não tenho interesse e monetização com vídeo, somente usar como portfólio. Nesse caso o Youtube entende como conteúdo duplicado e pode penalizar o meu canal? Ex; Espaço para casamento e eu posto um vídeo de um casamento realizado no meu local, porém o vídeo já pois postado antes no canal da empresa que produziu. Obrigado.

    1. Flaubi Farias

      Oi, Mateus

      Desconheço casos de penalização por canais que publicam o mesmo vídeo. Aliás, vejo muitos canais fazerem isso com bastante frequência.

      O que eu não recomendo é utilizar o mesmo conteúdo na descrição e título, pois nesse caso sim poderia ser considerado duplicado.

      Abraços!

      1. Jean Medeiros

        Uma dúvida: colocar vídeos que fogem do assunto principal do meu canal para gerar visualizações é uma boa?

        Explico: abrirei um canal onde o tema principal são games. Mas tenho um certo conhecimento de inglês e estava pensando em colocar alguns vídeos gringos com legendas para atrair as pessoas (vejo que muita gente procura por isso, ou seja, eu estaria fazendo um trabalho de tradução de vídeos aleatórios, que não têm a ver com games).
        A estratégia seria atrair o pessoal que busca por esses vídeos legendados e depois tentar incentivá-los a conferir os outros vídeos do meu canal (esses sim produzidos por mim, com o foco em games).

        Me pergunto se é uma boa ideia, pois ao mesmo tempo que quero as visualizações, não sei quais são as implicações de perder o foco do canal.

        1. lucas

          Carlos, estou com a mesma ideia que a sua, e já fui exclarecido em outro blog, mais didático neste assunto. Não que é ruim este, mas por que aqui eu soube apenas o básico. Tem muita coisa que precisam saber. ( Viverdeblog.com.br)

          Olha, sobre sua DÚVIDA.
          Meu caro, fui aconselhado a colocar legenda nos games, para ter uma boa qualidade de divulgação e importante, usar a função transcrição manual ( Ajuda na busca de seu canal, já que o mecanismo de busca da google, so coleta texto), logo, não esqueça de um bom título.

          CONCLUSÃO: Publique seus vídeos legendados e seus vídeos de games. Deixando bem claro, a divisão, entre eles e justificando aos usuários a importancia dos games gringos. Recomendo que use inicialmente uma breve introdução cara a cara nesses vídeos que irá passar traduzidos para a galera, não passe de 30 segundos, se não perde inscritos. Ficar falando muito. Até por que todo jogador de game, não tem muita paciencia. E fica loco pra jogar

          1. Jean Medeiros

            Obrigado pelo comentário, Lucas! Seguirei seus conselhos :)

          2. lucas

            Carlos, já começou seu canal??? Quando começar me convida ok :)

            Olha melhores dicas para você mostrar recursos no seu canal.
            Veja aqui DICAS PARA YOUTUBERS – YOUTUBE um canal que fala de tudo, desde seu material que vai precisar até como usar de forma correta eles, ediçoes de videos… E muitas playlists.

            E aconselho começar por base, no SEO PARA YOUTUBE – Viverdeblog.com.br

            Lá tem muita informação para SEO, que se não sabe, é melhorar o seu rankeamento de buscas. Sendo o primeiro o Google, por isso disse a você escrever títulos aconselhaveis, que neste site te ajuda sobre isso. E o segundo é o youtube, que para vídeos, dependendo do assunto que pesquisarem, talvez seja o primeiro a sair no mecanismo de busca da google, melhorando assim, seu rankeamento dentro do youtube e trazendo mais inscritos.

            OBS: Essas dicas é para quem quer sair dessa vida de dorgas para um canal profissional. Recomendo ser maior de 18 anos para já ter autonomia de ter as coisas. Sabe que estou falando.

            Falow.

          3. Jean Medeiros

            Lucas, muito obrigado pela sua prestatividade e pelas dicas! Estou lendo as matérias sobre SEO para Youtube no viver de blog e realmente são muito boas.

            Meu canal ainda não está pronto, quando estiver eu venho aqui te passar o link, ok? rs

            Você tem um canal? Se tiver, me passa para eu ir lá me inscrever também!

          4. lucas

            Não cara, ainda não tenho. Previsão para Agosto a Setembro de 2017. Projetando uns equipamentos e vendo essa porcaria de Adblock pra you tube se atrapalha ou não. Até por que é de lá q vem a renda inicial.

            Encontrei um canal mais completo: ESCOLA PARA YOUTUBERS

            Vê lá que o cara é fera no assunto. Muita informação direta e interativo , bem atualizado.

          5. lucas

            Vamos partilhar nossas ideias… Esse é o fruto de todo brasileiro.
            Então, segure essa. Pra vocÊ Q quer mexer com GAMEPLAY, escolha NETWORK q combina com seu estilo e n te tire tanta comissão.

            E procure licenciar seus direitos autorais sobre um jogo, através do site deste jogo, para que não seja banido do you tube
            https://help.ea.com/pt-br/help/faq/how-to-request-permission-for-ea-games-content/

            Esse é um exemplo pra trabalhar com EA sports, onde você tem q fazer um formulario explicando pra eles

          6. ReadiiXot_Canal_Universality

            Olá lucas, poderia explicar melhor essa parte?
            Meu caro, fui aconselhado a colocar legenda nos games, para ter uma boa qualidade de divulgação e importante, usar a função transcrição manual ( Ajuda na busca de seu canal, já que o mecanismo de busca da google, so coleta texto), logo, não esqueça de um bom título.
            Como assim legenda? Transcrição manual?
            Nao entendi, como faço isso? Pode dar um resumo passo a passo?
            Fica em gerenciador de videos?

      2. morarnagringa

        Hum, eu já fiz mas por erro, mandei o mesmo vídeo duas vezes, o mesmo vídeo da semana anterior mas o título era diferente. O youtube identifica a hash do seu vídeo e dá block no segundo envio fica uma mensagem em vermelho horrível, esqueci o nome, dizendo que o conteúdo está duplicado. É preciso fazer uma pequena alteração estética no vídeo, aumentar 2 segundos, sei lá e renderizar no vídeo novamente, aí ele passa na boa.

  28. Larissa Belgini

    Olá,
    com excelentes dicas sobre youtubers e bloggers ;) http://www.demonstre.com com excelentes dicas sobre youtubers e bloggers ;)

  29. Agência Pomar

    Olá!
    Estamos criando vídeos dos artigos principais do nosso blog (http://www.agenciapomar.com.br/blog-marketing-digital/) como uma transcrição às avessas, transformando o texto em um roteiro, e incorporando o vídeo no corpo do artigo como uma opção ao usuário.

    Minha pergunta é a seguinte: qual o impacto no rankeamento tanto do vídeo como do artigo se inserirmos o conteúdo deste mesmo artigo na DESCRIÇÃO do vídeo? O Google considera isso como conteúdo duplicado?

    Alguns dos artigos já possuem um bom rankeamento no Google.

    Ao colocarmos o texto do artigo na descrição do seu equivalente em vídeo isso prejudicaria o rankeamento do vídeo ou do próprio artigo por ser um conteúdo “duplicado”?

    1. Hiram Damin

      Oi pessoal,

      Se for colocado o post exatamente igual, na descrição do vídeo, o que irá acontecer é que o Google vai tender a escolher 1 para ficar rankeado na SERP para a palavra-chave foco do post e dificilmente ele vai rankear os dois.

      Se colocar o artigo na descrição é considerado sim conteúdo duplicado.

      Dica:
      Vale a pena criar um conteúdo breve na descrição do vídeo. Um conteúdo único onde 250 palavras é um tamanho bom para uma boa descrição otimizada. Vai dar oportunidades de usar a keyword

      É bom tentar usar a keyword logo no começo da descrição. E uma dica boa é linkar o artigo dela logo no início

      =)

      1. Agência Pomar

        Show!

  30. Reynan Carneiro

    O 99Anúncios é um classificados grátis que apesar de novo vem ganhando espaço por sua praticidade e simplicidade, com alguns poucos cliques você poderá divulgar os seus serviços de forma totalmente gratuita na internet para milhares de pessoas.

    Então não perca tempo! Comece e a divulgar seus serviços hoje mesmo! Acesse http://www.99anuncios.com.br

  31. Mateus Macedo

    Tempo de Visualização do canal !! Essa é FODA!!

    Tem um e-book fera sobre segredos do Youtube Veja >>http://goo.gl/zKsPsE

  32. Adi Barbosa

    Eu aprendi o método e na maioria das vezes, logos após publicar um vídeo, o mesmo vai direto para o TOPO da Pesquisa Google. Veja isso neste vídeo:
    https://www.youtube.com/watch?v=7_ugvP2my2o
    Bom artigo, mas ainda falta revelar mais informações …:..

  33. Marcos Campos

    Parabéns pelo post. Muito interessante mesmo. É bom ter uma atenção balanceada a diversos fatores de SEO e não simplesmente ficar focado em apenas um ou dois aspectos. Eu sinceramente não conhecia algumas das técnicas abordadas e confesso que já as adotei..
    Parabéns.
    Marcos
    http://www.saudeokplanosmedicos.com.br

    1. Hiram Damin

      Obrigado Marcos,
      Espero que já esteja colhendo os resultados.

      abs!

      1. HD VIDEOS

        Olá, o que eu queria saber mesmo e como subir vídeo tipo se o jogo é do Vitória 0 x 0 Bahia como poderia subir esse vídeo ?

        Qual a palavra chave que poderia usar ?

        Avisando que essa palavra chave ( Vitória 0 x 0 Bahia ) Não funciona é agora qual palavra chave pode definir esse título ?

        Por favor se possível seja claro e sem enrolação ! Obrigado.

        Responde pfv , ficarei grato.

        1. José

          Não responderam há 6 meses atrás, mas eu respondo pra desenterrar a pergunta.
          A palavra chave deve ser pensada na maneira como o usuário vai digitar na busca para procurar o seu vídeo. Não precisa ele digitar o título exato, mas quanto mais se aproximar, melhor.
          No caso, acho que a palavra chave poderia ser “Jogo – Vitória x Bahia – dia xx-xx-xxxx”

          Meu canal (legislação em áudio): http://www.youtube.com/voxjus

  34. borges

    Ótimas dicas, só a #5 que achei estranha.

    O ideal é ter sim o conteúdo transcrito, mas não na descrição, e sim através da ferramenta de legenda que o próprio YouTube oferece. Além do mais, isso dá o vídeo acessibilidade.

    Na descrição, ter no máximo os tópicos abordados e com os links de tempo para o conteúdo dentro do vídeo, acredito ser mais relevante.

    1. Hiram Damin

      oi Borges,

      Essa também é uma excelente dica. Ter legendas soma principalmente para quem no momento da exibição possua alguma restrição com o som.

      O caso que citei além de ser usado conforme disse na dica é recorrente em blogs. É mais uma saída além da boa dica que você colocou.

      Espero que as demais também tenham ajudado você.

      Um abraço