Thumbnail: o que é e como fazer para gerar mais resultados no YouTube

As thumbnails impactam diretamente na taxa de cliques nos vídeos, portanto é importante saber como usá-las corretamente para ter mais visualizações


Já parou para pensar que a thumbnail marca o primeiro contato do usuário com o seu vídeo? Seja pesquisando no YouTube, aparecendo como recomendação nas respostas do Google ou em um link compartilhado em grupo de WhatsApp, a thumb é o convite para alguém acessar seu conteúdo.

A imagem que você escolhe usar é responsável por até 60% da intenção de clique do usuário em seu vídeo. Portanto, deixar de fazer uma thumbnail estratégica pode te custar muitas visualizações.

Como criador de conteúdo e produtor de vídeos, sei que a realidade de muita gente é fazer thumbnails nos últimos instantes, como a última etapa do processo de produção. Contudo, a realidade é que o planejamento deve começar muito antes. Por isso, resolvi compartilhar algumas dicas para você otimizar suas thumbs e conseguir mais cliques nos seus vídeos.

Vou abordar aqui sobre as thumbnails compartilhadas no YouTube, mas o recurso de miniatura está presente na maioria das plataformas de vídeos. Por isso, muitas dicas deste post podem ser aproveitadas em outros canais, como Facebook e Instagram, por exemplo.

rd hostel inscreva-se

Regras básicas de uma thumbnail

É sempre bom deixar claro algumas regras impostas pelo próprio YouTube ao fazer thumbnails. Antes de tudo, sua miniatura não pode violar as diretrizes de comunidade da plataforma.

Ou seja, não pode conter imagens violentas com o objetivo de chocar ou causar repulsa, imagens explícitas ou perturbadoras com sangue ou lesões extremas, linguagem vulgar e sexual, além de miniaturas enganosas e que levam os espectadores a acreditar que estão prestes a assistir algo que não aparece no vídeo.

Desobedecer essas regras pode gerar advertências ao canal, exclusão do vídeo e até encerramento da conta, dependendo do caso. Se por acaso você ainda está no processo de criar um canal no YouTube, confira este post sobre o tema.

Outro detalhe importante é a especificação técnica da sua imagem. O YouTube recomenda que as miniaturas personalizadas:

  • – tenham resolução mínima de 1280×720;
  • – sejam enviadas em formatos de imagem, como JPG, GIF ou PNG;
  • – fiquem abaixo do limite de 2 MB;
  • – apresentem a proporção de 16:9, a mais usada em players e visualizações do YouTube.

Os princípios de uma boa thumbnail

Normalmente, as miniaturas são a primeira coisa que os espectadores veem quando encontram seus vídeos. E, segundo dados do próprio Youtube, 90% dos vídeos com melhor desempenho na plataforma têm miniaturas personalizadas.

Justamente pela thumbnail ter um papel tão importante na intenção de clique do usuário é que devemos pensar em como torná-la atraente e interessante para quem é impactado por ela.

O ideal é começar a pensar na miniatura antes mesmo de gravar seu vídeo, assim você já aproveita o momento da gravação para fazer algumas cenas que poderão ser usadas na composição da imagem.

Diariamente recebo mensagens de pessoas no meu Instagram com dúvidas sobre como melhorar suas thumbs. Percebo que muita gente acaba esquecendo de fazer o básico, como as dicas que darei a seguir.

Thumbnail é a capa do seu conteúdo

A thumbnail prepara o usuário para o seu conteúdo. Justamente por isso, ela deve ser a melhor representação do que a pessoa está prestes a assistir.

Se deparar com um conteúdo muito distante do que o prometido na capa é uma experiência frustrante para quem clica no seu vídeo. Por isso, este é um sentimento que precisa ser altamente evitado. 

Não encontrar no vídeo aquilo que se procura vai gerar baixos índices de retenção no seu conteúdo, impactando outras métricas e a performance do canal. 

Cores contrastantes

Para se destacar é preciso se diferenciar dos demais vídeos que aparecem nos resultados de pesquisa do YouTube. Uma boa dica é escolher cores que sejam contrastantes entre si. Observe no YouTube quais as principais cores usadas em thumbs sobre o assunto do vídeo que você vai publicar e tente criar algo diferente.

Quando gerenciei o YouTube da Resultados Digitais, em 2019, usei essa técnica para fazer a thumbnail de um vídeo sobre Instagram Stories. Como a maioria dos conteúdos sobre o assunto traziam as cores roxo, laranja e vermelho na miniatura, resolvi apostar no verde, que é uma cor oposta às que predominavam (você pode consultar o círculo cromático para descobrir quais cores são opostas entre si).

O efeito desta técnica é que, com o vídeo aparecendo nos resultados de busca, ele se destaca dos demais por trazer uma thumbnail diferente da maioria. Dessa forma, você aumenta suas chances de cliques e visualizações. Veja abaixo como ele aparece nos resultados de pesquisa:

thumbnail em resultados de pesquisa do youtube

Background da thumbnail

Outro elemento importante de uma thumb é o background, ou plano de fundo da imagem. Uma técnica bastante eficaz é usar uma cor sólida com bastante contraste em relação ao elemento principal.

Também é possível fazer composições desfocando o fundo para destacar o elemento do primeiro plano. Você pode optar por fundos que ajudem a entender o contexto do seu vídeo, facilitando a compreensão do usuário. 

Expressão humana

As chances de você conquistar a atenção de um usuário são maiores se trouxer uma figura humana na thumb do vídeo. Pessoas se conectam com pessoas, e a miniatura é o espaço perfeito para transmitir o sentimento que seu vídeo pretende entregar.

Aposte em fotos que destaquem o olhar da pessoa em evidência, com enquadramentos fechados, expressões marcantes e em sintonia com a emoção que seu vídeo transmite. Aproveite também para gerar curiosidade com as expressões e elementos que você adiciona à arte. Em uma thumbnail, tudo comunica! Teste maneiras de criar mais conexão com o seu público. 

Regra dos terços

Esta regra vem da fotografia, com o objetivo de criar imagens interessantes e dinâmicas. Se você traçar linhas verticais e horizontais na sua imagem e posicionar o elemento principal em uma das intersecções dessas linhas, sua composição tende a chamar mais atenção.

thirdsline

Isso acontece porque, para o olho humano, um elemento que não está centralizado se torna mais interessante do que um objeto perfeitamente alinhado. 

Lettering

Fazer thumbnail são se resume a escolher uma boa foto ou ilustração. Adicionar um elemento em texto é muito estratégico e ajuda a comunicar melhor.

Você não precisa copiar o título do seu vídeo para a thumb. Afinal, a ideia é que os dois elementos se complementem, unindo forças para conquistar o clique do usuário.

De forma geral, dê preferência a uma ou duas palavras que somem 10 caracteres e que sejam de fácil leitura.

Analisando os resultados

Após seu vídeo ser publicado, o YouTube te dá ferramentas para analisar o desempenho da sua thumbnail. E como o que nos interessa aqui é saber a quantidade de pessoas que clicam na thumb para assistir ao seu vídeo, nossa meta é uma taxa de conversão cada vez maior.

Dentro do YouTube Studio (o espaço da plataforma responsável pelo gerenciamento do canal e análise de métricas), você consegue acessar a aba estatísticas, para visualizar os dados coletados com seus conteúdos.

youtube studio

Ao clicar em algum dos seus vídeos e selecionar a aba “Alcance”, o YouTube vai mostrar um funil de conversão, com um panorama da performance do seu conteúdo. É a partir desse funil que conseguimos entender o quanto nossa thumbnail é clicável.

funil thumbnail youtube

Seguindo os dados da imagem acima, você vai perceber que o vídeo em questão teve 303,7 mil impressões (ou seja, a miniatura do vídeo foi vista por essa quantidade de usuários) e somou um total de 21,8 mil visualizações a partir dessas impressões.

Esse funil do YouTube contabiliza apenas os dados gerados a partir de impressões. Portanto, as visualizações que tiveram outras origens, como cliques direto no link ou anúncios, por exemplo, não fazem parte desta conta.

De olho na taxa de cliques

A relação entre as pessoas que foram impactadas pela miniatura e as que assistiram ao seu vídeo é a taxa de cliques, a métrica mais valiosa para analisar o desempenho de uma thumbnail. Ou seja, é um dado a ser trabalhado intimamente para alavancar o seu crescimento dentro da plataforma.

Segundo o fórum de ajuda do próprio YouTube, uma taxa de cliques aceitável está entre 2,5% e 9,5%. Conseguir resultados acima disso significa que você está fazendo um ótimo trabalho e que sua thumbnail está convertendo bem!

Porém, conseguir uma boa taxa de conversão pode ser um desafio – e normalmente é. Mesmo seguindo as dicas básicas, a sua taxa de cliques pode se manter baixa no gráfico. Por isso é tão importante fazer um acompanhamento ao longo do tempo para entender como otimizar e melhorar sua estratégia de thumb.

Melhorando a performance

Se mesmo com as técnicas que já mostrei, sua thumbnail insistir em ser pouco clicada, você pode reavaliar e investir em alguns pontos específicos.

É mesmo a melhor thumb possível?

Ao olhar para uma thumb depois de algum tempo no ar, você pode perceber que, na verdade, existem formas mais interessantes de comunicar seu conteúdo. E esse é um ótimo exercício a se fazer.

As duas imagens a seguir são thumbnails de um mesmo conteúdo de vídeo: como fazer um bolo colorido. 

bolo colorido thumb

bolo colorido thumb

Qual delas melhor representa o tema e incentiva o clique de um usuário que quer aprender a fazer bolos coloridos? Com certeza a segunda opção, não é mesmo?

Quando o seu vídeo traz um processo de criação, um passo a passo ou um tutorial, é muito mais fácil conquistar o clique ao mostrar o resultado final deste processo, despertando o interesse e a curiosidade para conseguir chegar no mesmo objetivo.

Independentemente do assunto abordado, pense sempre em como criar a melhor representação daquilo que o seu vídeo vai comunicar.

Conduza o olhar para o centro da imagem

Sua thumbnail vai ser mais efetiva se o olhar de quem observa estiver direcionado para o centro da imagem. Olhando para este ponto, o usuário consegue ter um entendimento geral da imagem em pouco tempo, diminuindo o esforço de interpretação e facilitando a ação do clique.

thumbnail com centro da imagem destacado

Tela dividida

Este é um tipo de thumb que desperta interesse porque cria um cenário de competição entre dois elementos. E as pessoas amam isso! Existe uma curiosidade humana em descobrir o que acontece entre um momento e outro do conteúdo que você exibe.

Muitos canais do YouTube produzem apenas conteúdos deste tipo, com o cenário “antes e depois” ou desenvolvendo a batalha entre dois temas. Se o seu conteúdo permitir esta construção, faça um teste e veja como o modelo vai performar com o seu público.

thumbnail com tela dividida

Crie sua própria identidade

Você não precisa fazer thumbnails sempre parecidas entre si, mas é importante pensar em elementos de identidade que ajudem o público a perceber que aquela é uma thumb do seu canal. É, inclusive, uma sugestão do YouTube para seus vídeos terem mais destaque.

Entre tantos vídeos competindo pela atenção do usuário nos resultados de pesquisa do Google, facilitar este entendimento de qual conteúdo é seu, pode ser uma boa estratégia!

identidade visual youtube

Entenda seus competidores

Quando você compete com outros vídeos que compartilham o mesmo assunto que o seu, é preciso entender que existe uma lógica de thumb, que os usuários já estão acostumados a visualizar.

A ideia aqui é seguir esta linha de construção, para garantir a identificação com quem já consome este tipo de conteúdo, mas sem perder sua identidade e dando um toque de diferenciação.

Vídeos que tratam de games, por exemplo, costumam trazer um tipo de estética diferente dos vídeos que tratam de beleza. Este é apenas um exemplo de caminho que sua thumb pode seguir. Mas lembre-se, neste caso nada é regra, apenas sugestões de testes para entender o que funciona melhor com seu público.

Onde seus vídeos são assistidos?

A forma como você vai fazer thumbnails pode variar dependendo de como seu público assiste aos seus vídeos.

Se a maior parte das pessoas visualizam pelo celular (e o analytics do YouTube vai te mostrar estes dados), pode ser necessário uma imagem que seja vista melhor em telas pequenas. Estas são particularidades do seu canal que podem guiar a direção de uma boa thumbnail.

De forma geral, é sempre bom lembrar que o consumo de vídeos em smartphone representa muito dentro do YouTube e uma boa thumbnail deve cumprir seu papel, independente do tamanho da tela.

Dica final: otimize thumbnails já existentes

Depois de entender as possibilidades de otimização, você pode editar o vídeo e trocar sua antiga thumbnail por uma nova. Inclusive, aproveite estas dicas para revisar vídeos que já estão há algum tempo no seu canal e entender como melhorar a performance com thumbs mais atrativas.

Após algumas semanas, os efeitos da alteração já poderão ser percebidos dentro do seu analytics. Se a sua taxa de cliques aumentar, significa que você está no caminho certo e seu público está engajando mais com o novo formato de miniatura.

Por fim, lembre-se que tudo é um processo. Com o tempo, você vai acumulando mais dados para conseguir analisar e mais vídeos para testar seus experimentos. O importante é saber o caminho da otimização e colocar as estratégias de vídeo em prática para extrair os melhores resultados com seus conteúdos.

Gostou das dicas? Comente aqui quais outras dúvidas você tem ao fazer thumbnails e me acompanhe nas redes sociais para continuar aprendendo a otimizar seus resultados com vídeo!

rd hostel inscreva-se

Deixe seu comentário

Comentários