As 6 métricas mais importantes para analisar o sucesso do seu evento online

Uma transmissão na internet pode e deve demonstrar resultados; conheça as métricas que indicam se seu evento online teve sucesso real


Os eventos fazem parte de estratégias de marketing há anos. Seja para aumentar as vendas, fortalecer o branding ou lançar um novo produto, a palavra “evento” sempre irá aparecer como uma ideia.

O que muita gente esquece é que o evento não é organizado de uma hora para outra e nem termina quando o apresentador se despede. O planejamento precisa ser feito respeitando todas as etapas, a execução precisa ser bem feita e, o que muita gente esquece: uma análise de resultados deve ser executada ao final do evento.

No post de hoje falaremos sobre as 6 métricas mais importantes para analisar no seu evento online. Com elas, você vai poder mostrar para todos que a estratégia valeu a pena. Vamos lá?

Por que fazer um evento online

Evento é uma reunião de duas ou mais pessoas que possuem, pelo menos, um objetivo em comum. Já no caso do evento online, temos basicamente o mesmo cenário, com um diferencial que ele ocorre em um ambiente digital.

Alguns formatos conhecidos de evento online são os webinars, meetups, workshops ou conferências. Em todos eles, é comum reunir especialistas em um determinado assunto para passar um conhecimento adiante.

Isso ficou tão comum, que os eventos atualmente fazem parte de estratégias de marketing de diversas empresas. Seja para um lançamento, estreitar os laços com seus clientes ou para brand awareness, com certeza deve-se considerar um evento como parte da sua estratégia.

Importância das métricas no evento online

Medir o que está sendo feito é uma tarefa rotineira para quem está na área do Marketing, certo? Em um evento não seria diferente. A seguir, listamos alguns dos motivos disso ser relevante também nessa área.

Provar o resultado

A cada estratégia nova que você coloca em prática, é importante entender se ela funcionou de fato. Além disso, suas lideranças provavelmente vão querer entender se o tempo e investimento alocado no projeto trouxeram resultado favorável para a empresa.

A única forma de compreender isso tudo é por meio da análise das métricas do seu evento online. A partir dessa análise será possível entender aquilo que melhor funcionou e aquilo que não funcionou para que você utilize essa estratégia em outras oportunidades.

Vai que, a partir da análise desses dados, você tenha o start para o novo maior evento do Brasil? Só com o apoio dos dados você poderá chegar nos resultados almejados.

Pontos de melhoria

Analisou e viu que vale a pena seguir com a estratégia? As métricas vão te mostrar os pontos de melhoria e aqueles que devem ser mantidos.

O interessante é que com poucos pontos de mudança, o resultado pode ser enorme.

Atrair investidores

Já pensou em um evento cheio de patrocinadores e investidores te ajudando em toda a execução? Você precisa estar com todos esses dados organizados, para facilitar a apresentação e a concretização dessas parcerias.

Quais métricas analisar no seu evento online

Já está mais que provado que seu evento online precisa ter as métricas analisadas, certo? Por isso, separamos as 6 principais para você:

1. Taxa de conversão da Landing Page

Para começar o seu evento, ele deve ter uma página oficial reunindo todas as principais informações, como palestrantes, data e horário, além do formulário para cadastro. Não precisa exagerar, uma Landing Page simples funciona bem. Mas faça!

A análise das métricas começa nela. Qual foi sua taxa de conversão? Será que as informações contidas ali fizeram os visitantes se inscreverem? O que você poderia fazer para melhorar?

Todas as perguntas devem ser respondidas após analisar a taxa de conversão da landing page, que é feita com o seguinte cálculo:

(Número de visitantes / Número de inscritos) x 100 = taxa de conversão

Resumindo, digamos que seu site recebeu 1.000 visitantes durante toda a divulgação e 500 pessoas se inscreveram na página, então sua taxa de conversão foi 50%.

>> Leia mais: Estudo da RD Station mostra como alcançar uma taxa de conversão de 50% em Landing Pages

2. Taxa de participação

Será que os inscritos realmente quiseram participar do evento online? Na taxa de participação, você descobre a razão entre os inscritos e o número de pessoas que de fato assistiram a transmissão.

Em eventos pagos, essa taxa costuma ser mais alta, pois os inscritos se comprometeram realmente em estar ali. Já em eventos gratuitos, é normal ela cair, e aí que ela ganha ainda mais importância.

A fórmula da taxa de participação é a seguinte:

(Taxa de participantes únicos / Taxa de inscritos) x 100 =  taxa de participação

Assim, se 500 pessoas se inscreveram no seu evento e 400 compareceram, sua taxa de participação é de 80%.

3. Tempo médio de participação

Agora, será que quem estava assistindo, consumiu todo o conteúdo ou abandonou o evento pouco tempo depois do seu acesso? Entendendo o tempo médio de participação mostra se o conteúdo abordado faz sentido ou não para aquela audiência.

Em cima disso, você tira insights valiosos e, dependendo do caso, até mudar o formato do seu evento. Talvez as pessoas busquem um evento mais curto, de 1h durante 3 dias, ao invés de um de 3h seguidas de duração.

Para chegar nesse número, até existe uma fórmula, que é:

Soma do tempo de cada participante no evento / Número total de participantes

Porém, nem todas as plataformas fornecem o tempo de participação no evento, então você deve buscar uma que forneça essa métrica. Inclusive, em alguns casos, há plataformas que entregam o tempo médio de participação de cada um dos participantes.

4. Taxa de conversão em Leads qualificados

Calma, ainda não estamos falando de vendas. Chegaremos lá. Vamos falar aqui de Leads qualificados para sua equipe de Vendas.

Em eventos, é muito comum que as pessoas conheçam sua marca a partir dali, enquanto outras estão estreitando a relação com você. No final, todas elas são possíveis clientes, mas em estágios diferentes do funil de vendas.

Para medir esse número, você pode simplesmente contar o número de participantes que se tornaram Leads qualificados ao longo ou após o seu evento, ou fazer uma conta simples:

(Leads qualificados / Número de inscritos) x 100

Assim, você terá uma porcentagem desse número, facilitando o entendimento. Uma dica é colocar uma meta de quantidade de Leads gerados, tendo um foco para alcançá-la.

>> Leia mais: MQL: guia completo sobre os Leads Qualificados pelo Marketing

5. NPS

Evento encerrado, Leads contabilizados e tudo certo? Hora de mandar a pesquisa NPS para quem participou.

A pesquisa NPS consiste nos convidados avaliarem a probabilidade de recomendação do evento para um amigo ou conhecido, numa escala de 0 a 10. De acordo com as respostas, os participantes são classificados em promotores (9 e 10), neutros (7 e 8) e detratores (0 a 6). O NPS é a subtração de promotores dos detratores.

Quanto mais alto for o seu NPS, mais pessoas recomendariam o seu evento online, o que revela claramente a satisfação dos participantes com aquilo que você apresentou. Em caso contrário, é importante entender o motivo dos participantes terem fornecido uma nota baixa.

6. ROI

Agora sim, hora de falar sobre uma das métricas mais importantes e que, sem dúvidas, o seu gestor vai querer saber. O Retorno sobre Investimento, mais conhecido como ROI, traz a razão entre o retorno financeiro do evento em relação ao que foi gasto.

Nele, você coloca tudo o que voltou para a empresa decorrente do evento, como venda de ingressos, vendas de produtos ou serviços, patrocínio, entre outros. É importante que nada fique de fora e que toda venda seja contabilizada para que, ao final, seja possível avaliar se o evento foi ou não rentável.

A fórmula é simples:

Total do retorno financeiro / Total gasto = ROI

Essa talvez seja a primeira pergunta que seu superior te fará após o evento. Tenha sempre esse número na ponta da língua.

>> Leia mais: ROI: o que é, como e por que calcular o Retorno sobre o Investimento [+ calculadora]

Como analisar as métricas do seu evento online

Agora que você já sabe o que deve ser analisado em termos de métricas para o seu evento online, falta apenas saber como obter esses dados. Por isso, é muito importante que você escolha uma plataforma de eventos que te dê total apoio nesse sentido.

A Evnts, por exemplo, possui dashboards completos com tudo o que você precisa e disponíveis para os envolvidos no projeto.

Ali você encontra os principais indicadores citados no artigo, além de muitos outros, que irão te ajudar a tirar os melhores insights para otimizar ainda mais os resultados do seu evento.